Notícias

Tucano entra em quarto de casa e vídeos sobre a visita inesperada viralizam

Reprodução/Facebook/Beatryz de Sá Costa

Um tucano fez a alegria de uma família ao entrar no quarto de uma casa em Itaipu, Região Oceânica de Niterói, no Rio de Janeiro. A visita inesperada foi registrada em vídeos (veja abaixo) que viralizaram nas redes sociais.

Até o momento, os dois vídeos somados alcançaram 5,6 mil curtidas no Facebook de Beatryz de Sá Costa, de 19 anos. Ela está grávida de José, o dono do quarto no qual o animal silvestre entrou.

A ave havia sido vista na redondeza da casa de Beatryz dias antes. “A gente já tinha visto ele uns 2, 3 dias antes. Depois apareceu ele e mais um, um casal. Eles ficavam na mangueira da vizinha”, afirmou a jovem, em entrevista concedida ao G1.

O animal entrou no cômodo na última semana, por volta das 12h30. Beatryz suspeitou que ele estivesse com fome e tentou alimentá-lo, mas não deu certo. Cerca de 15 minutos depois de entrar no quarto, a ave foi embora.

“Foi surreal. Ele vinha procurando, olhando. Eu falava com ele, ele virava a cabeça como se estivesse entendendo. Foi muito lindo. Pelo o que parecia, ele devia estar com fome”, contou.

Outros animais, como maritacas, araras e um mico-leão, já apareceram nas proximidades da casa da jovem. No entanto, segundo ela, nenhum chegou tão perto quanto o tucano.

A aparição de animais silvestres aumentou em vários pontos do estado do Rio de Janeiro desde que o isolamento social de combate ao coronavírus foi iniciado. Com um menor fluxo de pessoas na rua e, consequentemente, menos ruído, esses animais se sentem mais confortáveis para aparecer em regiões urbanizadas.

Confira os vídeos do tucano:


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Gato fica famoso na internet por pegar comida na geladeira de seu tutor

Reprodução/Bored Panda

Carrot é um gatinho muito esperto e faminto. Ele não pode ver alguém abrindo a geladeira em sua casa que se enfia na fresta para pegar algum alimento e comê-lo. E isso chamou a atenção dos internautas, que ficaram encantados com o animal, levando o caso a viralizar nas redes sociais.

Diante da atitude recorrente do gato, seu tutor decidiu tomar uma medida para protegê-lo. Para isso, colou uma folha na geladeira com o seguinte aviso: “confira a patinha do gato antes de fechar”.

O objetivo do homem era apenas alertar os outros moradores da casa para que não fechassem a porta da geladeira com a pata do animal do lado de dentro, evitando machucá-lo. No entanto, ao publicar uma foto do recado na internet, o caso viralizou.

O tutor do gato afirmou ao portal Bored Panda que é comum que o gato tente pegar comida na geladeira. Segundo ele, não se pode deixar nenhum alimento “dando bobeira” na casa.

Reprodução/Bored Panda
Reprodução/Bored Panda

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Cão é adotado após ser abandonado com bilhete que dizia: “minha mãe não pode cuidar de mim”

Um cachorro que foi abandonado em Santos (SP) com um bilhete que dizia que a tutora não tinha condições de cuidar dele encontrou um novo lar.

O animal foi deixado em frente a um mercado no bairro Ponta da Praia, na terça-feira (24). O bilhete foi colocado na coleira dele. Encontrado pela cuidadora de cães Inêz Carla Filgueiras, de 58 anos, ele foi resgatado e sua história viralizou após ser relatada nas redes sociais.

Foto: Reprodução/ Vivendo em Santos

“As pessoas não saem mais de casa por conta da pandemia. Eu precisei ir ao banco e encontrei com ele. Senti que era minha missão mostrar a história e conseguir uma casa para ele”, disse ao G1. Inêz já tutela outros quatro animais e, por isso, não tinha condições de adotar mais um, mas não desistiu de ajudar o cão abandonado.

A cuidadora afirmou que o gerente do mercado contou a história do cão para ela e lhe entregou o bilhete deixado pela tutora na coleira dele. No papel, foram escritas as frases: “minha mãe não pode mais cuidar de mim” e “tratem com muito amor”. A tutora relatou ainda que o animal é carinhoso e tem o nome de T.J.

Após fotografar o cachorro, Inêz enviou as fotos a protetores de animais, que divulgaram o caso em uma página nas redes sociais. A história mobilizou os internautas, permitindo que T.J. tivesse um final feliz.

“Não deixaria o cão sozinho, tinha que saber que a história teria um desfecho”, disse.

Foto: Arquivo Pessoal

A publicação chegou até a auxiliar de enfermagem Francine Dias Oliveira Rosa, de 33 anos, que se comoveu e decidiu adotar o cão.

“Sigo muitas páginas de proteção animal, mas não tinha um cachorro há nove anos, desde que o meu morreu. Só consegui adotar um gato nesse período. Sempre acompanhei as histórias, mas nunca acreditava que deveria adotar. Desta vez foi diferente, sabia que o T.J. deveria ir para casa”, contou ao G1.

“Moro com minha mãe, meus irmãos e meu filho, e todos ficaram empolgados. Ele trouxe uma leveza”, completou. Segundo ela, T.J. estava assustado a princípio, mas logo se adaptou ao novo lar.

Foto: Arquivo Pessoal

O cachorro também se deu bem com o gato da família. A auxiliar afirmou que havia comentado com seu filho, há poucas semanas, que tinha vontade de adotar um cachorro, mas que estava esperando pelo animal certo.

“Depois de falar isso, chegou o T.J. Foi tudo como tinha que ser”, concluiu.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Vídeo viraliza ao mostrar nascimento de preguiça em cima de árvore

As imagens, que já tiveram mais de 600 mil visualizações na internet, mostram o filhote pendurado no ar pelo cordão umbilical


Um vídeo que mostra uma preguiça-de-três-dedos dando à luz um filhote em cima de uma árvore em La Fortuna de San Carlos, na Costa Rica, viralizou nas redes sociais. As imagens (confira ao final da reportagem) foram feitas pelo guia de turismo Steven Vela, de 25 anos.

“Não é todo dia que se vê o nascimento de uma preguiça”, escreveu Steven ao divulgar o vídeo, que chamou a atenção dos internautas.

Reprodução/Facebook/Steven Vela

Nas imagens, é possível ver o filhote pendurado no ar pelo cordão umbilical. Em seguida, a mãe o agarra e dá carinho a ele. O vídeo foi feito no dia 23 de fevereiro.

A bióloga Amanda Alves afirmou, em entrevista ao G1, que é possível que o parto das preguiças sempre aconteça nas copas das árvores, por serem locais seguros. O vídeo, segundo ela, é raro por captar exatamente o momento em que o filhote nasce.

“As preguiças em natureza são muito difíceis de visualizar por conta de sua coloração, forma e movimentos silenciosos. Este registro é raro, considerando as poucas vezes em que foi presenciado. E o fato de que os animais no geral se recolhem em ambientes mais restritos para parir”, afirmou Amanda.

A bióloga explicou ainda que, após o parto, a preguiça rompe o cordão umbilical com as garras e a boca.

Reprodução/Facebook/Steven Vela

Desde que foi publicado, na última quarta-feira (26), o vídeo ultrapassou 600 mil visualizações e quase atingiu 30 mil compartilhamentos. “Eu realmente nunca esperei que tantas pessoas divulgassem o vídeo e que tantas pessoas o vissem. Para mim foi uma surpresa ver todas as vezes que eles compartilharam, vale a pena mostrar algo assim”, disse o guia de turismo.

Foi a primeira vez que Steven teve a oportunidade de registrar um momento tão único e raro. Ele levava um grupo de estrangeiros para conhecer o vulcão Arenal quando viu a cena.

“É uma cena muito difícil de observar, em oito anos que trabalho como guia, nunca vi nada parecido. A emoção foi muito grande, não pude descrever o que senti naquele momento, só sei que era algo maravilhoso, algo que não se vê diariamente”, contou.

Reprodução/Facebook/Steven Vela

“Acho muito importante registrar todos esses eventos, pois eles nos dão uma ideia melhor do que acontece na natureza, o que acontece com esses animais”, completou.

Para Steven, estar em meio à natureza complementa o que ele aprendeu com seus professores. “Nos ensinam muitas coisas na sala de aula quando você estuda para ser um guia, mas quando se chega ao campo, vê um mundo completamente diferente e esses registros nos ajudam a enriquecer em conhecimento. Eu acho importante mostrar esses vídeos e incentivar as pessoas e as novas gerações a conservar ou preservar o meio ambiente”, concluiu.

Confira o vídeo:


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Cachorro compartilha cobertor com cadela e caso comove internautas

O ato do cachorro mostrou o quanto os animais são capazes de sentir e de tomar decisões em prol daqueles que amam


O cachorro Zeus tomou a solidária atitude de dividir seu cobertor com sua irmã, Athena, e o ato comoveu internautas nas redes sociais.

Reprodução/Facebook

A cadela havia ficado sem cobertor após sujá-lo. Sua tutora, ao colocar o pano para lavar, não esperava, no entanto, que Zeus tomasse uma atitude para permitir que a cadela continuasse dormindo de maneira confortável.

“Sei que não sou a melhor das mães de cachorro, afinal Athena teve que passar uma noite sem seu cobertor. Mas quando acordei no outro dia me deparei com essa cena: Zeus conseguiu empurrar o seu cobertor por debaixo da grade para dividí-lo com ela. Eles se amam demais”, escreveu Amber Poindexter ao falar sobre o caso em um grupo no Facebook.

A publicação chamou tanto a atenção dos internautas que, em menos de uma hora, ultrapassou 5,7 mil curtidas.
“Essa é a coisa mais fofa de todas”, escreveu um internauta. “Ele está olhando para você com cara de ‘como ousa fazer isso com a minhas irmã’”, disse outro. Um membro do grupo também lembrou que os cães “devem amar dormir juntos”.

Internautas também reclamaram do fato da cadela ter apenas um cobertor e dos cães dormirem em gaiolas, mas Amber alegou que eles estão acostumados e que são muito bem tratados.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Em ato de companheirismo, cão fica ao lado de menino colocado de castigo

O momento de afeto foi registrado em uma fotografia que viralizou nas redes sociais


Dash, de seis meses, provou que a frase que diz que “o cão é o melhor amigo do homem” é verdadeira. Ao perceber que Peyton, de 3 anos, havia sido colocado de castigo por sua mãe, o cachorro parou ao lado do menino e ficou fazendo companhia para ele.

Reprodução/Jillian Marie Smith

O momento de afeto foi registrado no mês passado, nos Estados Unidos, pela fotógrafa Jillian Marie Smith, mãe de Peyton.

O registro, segundo ela, não foi planejado. “Tudo ficou perfeito naquele momento”, disse ao blog Bom Pra Cachorro, da Folha de S. Paulo.

Jillian contou que o menino e o cachorro são inseparáveis. A foto dos dois juntos durante o castigo de Peyton viralizou na internet e já ultrapassou os 44 mil compartilhamentos. “Eu nunca pensei que fosse viralizar”, disse a fotógrafa, que também é mãe de Ryleigh, de 5 anos, e tutora do cão Stitch, de 1 ano.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Fotos de abelhas dormindo dentro de flores faz sucesso na internet

Uma série de fotografias de abelhas dormindo dentro de algumas flores chamou a atenção dos internautas nos últimos dias.

As imagens encantadoras mostram os insetos com o corpo cheio de pólen, descansando.

Tiradas após um dia inteiro de trabalho desses animais, que polinizam as flores, as imagens foram publicadas na internet e viralizaram.

Confira as fotos abaixo.

Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Vídeo de gato brincando com neve viraliza nas redes sociais

Os tutores de Dibs colocaram neve dentro de casa para o gato, que não sai para a rua para sua proteção


O vídeo de um gato brincando com neve dentro da sua casa viralizou nas redes sociais, encantando os internautas.

Reprodução/Facebook/DibsTheCat

Dibs, como é chamado, foi adotado pelo norte-americano Nate Troy após subir no carro dele em um estacionamento nos Estados Unidos. O animal tinha cerca de seis meses de idade quando foi encontrado.

Apesar de ter uma alergia severa, Troy não desistiu de dar um lar para o animal e ganhou um companheiro. As informações são do portal O Dia.

Com o passar dos anos, Troy e sua esposa decidiram não deixar Dibs sair para a rua sozinho. Isso porque na rua ele estaria suscetível a atropelamentos, agressões, envenenamentos e outros riscos.

Mas se por um lado o gato ficou mais seguro, por outro ele perdeu o contato com uma das suas coisas preferidas: a neve.

Recentemente, para agradar Dibs, seus tutores pegaram uma quantidade de neve e levaram para dentro da casa deles, surpreendendo o gato, que ficou visivelmente feliz com a oportunidade de, novamente, brincar com a neve.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Gata desliga despertador do celular da tutora e o caso viraliza na internet

Uma gata foi flagrada pelas tutoras desligando o despertador do celular delas. A situação foi registrada em um vídeo (confira abaixo) que, após ser divulgado, viralizou na internet. O casal Juliane Cristiane da Silva, de 28 anos, e Daniela Cristina Marinello, de 34, perdeu hora algumas vezes até descobrir o que estava acontecendo.

Joaquim desliga despertador do celular da tutora (Foto: Arquivo Pessoal)

Daniela deixou de escutar o despertador em algumas manhãs, segundo o relato da companheira Juliane. Ao acordar, ela encontrava o celular no chão e a gata em cima do criado mudo.

Desconfiado, o casal decidiu aproveitar as férias para fazer um teste. “Acordamos pela manhã, programamos o celular para despertar e comecei a gravar. Achei a situação bem engraçada”, disse Juliane ao G1.

O vídeo foi publicado por um amigo de Juliane em um grupo em rede social e viralizou. A repercussão surpreendeu a tutora da gata.

O animal, no entanto, já começou a perceber quando está sendo gravado pelo casal. “Ela sempre levanta, se não vai desligar o alarme, ela chama a atenção da gente, se esfrega no nosso rosto para desligarmos”, disse Juliana, que afirmou ainda que a gata fica brava quando não consegue desligar o despertador. “Acho que ela percebeu que a gente levanta e vai embora quando o despertador toca e ela, na verdade, quer que a gente fique lá. Ela é muito carinhosa e gosta de ficar dormindo com a gente”, explicou.

Daniela (à esquerda) e Juliane (à direita) com a gata Joaquim (Foto: Arquivo Pessoal)

A gata, de 7 anos, se chamava Maria Joaquina, mas teve seu nome mudado para Joaquim. Segundo Juliane, a mudança foi feita porque Joaquim é um nome mais fácil de pronunciar quando é preciso dar uma bronca na gata por alguma travessura dela.

O casal tutela outros cinco gatos, no entanto, a única que tem um comportamento inusitado é Joaquim. De acordo com Juliane, a gata é dominante e se considera dona do território.

“Ela é esperta, muito expressiva, impõe a personalidade. A gente sabe quando ela quer comer, dormir, quando quer que a gente fique quieta, é muito impositiva. Sempre foi assim”, disse Juliane.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Cachorro fica famoso na internet após destruir cama da tutora

Um cachorro ficou famoso na internet após a tutora dele divulgar imagens que mostram a destruição que ele fez na cama dela e em um controle remoto de televisão. O caso, que aconteceu em Bauru (SP), repercutiu em rede social na quinta-feira (18). Chico, como é chamado, tem oito meses de idade e foi adotado pela gerente de uma empresa de telefonia Patrícia Rodrigues Barros, de 48 anos, para fazer companhia a Luke, outro cachorro da família.

Foto: Arquivo Pessoal

No momento em que gravava o vídeo, Patrícia afirmou que ia devolver o cachorro. Depois, no entanto, ela justificou que estava apenas brincando e que não irá se desfazer do animal, muito menos abandoná-lo.

A tutora contou ao G1 que os cachorros ficam no quintal durante o dia e dormem dentro de casa à noite.

No dia em que destruiu parte do quarto, Chico foi encontrado deitado na cama, com parte da espuma destruída, a roupa de cama rasgada e um controle remoto parcialmente destruído. Luke, o outro cachorro da família, não apareceu nas imagens, mas estava embaixo da cama no momento em que Patrícia flagrou a destruição. Tudo aconteceu enquanto a tutora ia ao cinema.

Foto: Arquivo Pessoal

“Fiquei chocada, quase enfartei. Fiz o vídeo, coloquei toda a espuma para conseguir dormir e no outro dia comprei um protetor de colchão”, disse. “Estou tipo marido que não quer encarar a mulher e fica no bar e não quer ir para a casa. Neste caso eu sou o marido e o Chico é a mulher. Adotei cachorro e cresceu dinossauro”, brincou.

Patrícia contou ainda que já está acostumada a ter a casa revirada por Chico, que já destruiu quatro caminhas de cachorro, as almofadas da sala, roupas penduradas no varal e vasos de planta, além da cama da tutora e do controle remoto. Uma casinha de papelão que Patrícia deu para o cão, no entanto, ele ignorou. “A gente quer agradar, mas parece que não gosta. O mais simples e mais fácil de destruir foi o que gostou”, afirmou.

Foto: Arquivo Pessoal

A filha mais velha de Patrícia, de 25 anos, decidiu adotar Chico em uma feira de adoção em Bauru para fazer companhia para Luke, de 7 anos. “Tinha uns trinta cachorros que pareciam loucos. Acredite, ele era o único, no cantinho, com carinha de dó. Eu mal sabia que estava se passando de vítima. Pegamos um cão e virou um furacão, mas carinhoso”, afirmou a tutora.

Com a grande repercussão do vídeo, que teve milhares de visualizações, Patrícia teve que explicar, em rede social, que não irá deixar ou abandonar Chico e que tanto ele quanto Luke continuarão morando com ela.

“Vai ficar dentro de casa, tenho dó. A gente fala que vai devolver, mas é só brincadeira”, concluiu.

Veja o vídeo:

Nota da Redação: filhotes tem muita energia para gastar, assim como alguns cachorros adultos também têm. É importante, portanto, que essa energia seja gasta para que o animal não se torne destrutivo. A ANDA recomenda aos leitores que façam passeios diários com os animais até que eles estejam cansados e que brinquem bastante com eles. Além disso, reforçamos a necessidade de adotar animais de forma responsável, sabendo que mesmo com passeios eles podem vir a destruir algum objeto da casa e que isso jamais deve ser justificativa para devolvê-los, doá-los ou abandoná-los. Animais são vidas e devem ser tratadas com respeito, amor e compreensão.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Professor dá aula com cadela no colo e o caso viraliza na internet

Um professor deu aula segurando uma cadela no colo e a cena repercutiu na internet. Nesta segunda-feira (1), a foto do professor com o animal já tinha alcançado 18 mil compartilhamentos e 97 mil curtidas, ultrapassando 2 milhões de visualizações. O caso aconteceu no Cursinho Comunitário Caiçara, em São Vicente (SP).

Foto: Arquivo Pessoal/Amanda Pessoa

A aluna Amanda Pessoa, de 17 anos, foi quem fotografou o professor com o animal nos braços e divulgou o registro. “Todo mundo achou a cena muito engraçada. Foi muito espontâneo”, disse ao G1. “Ele levou a cachorrinha dele para a aula e, depois de um tempo, ela passou a ficar agitada. Então ele abaixou, pegou ela no colo e continuou com a aula normalmente. Todos ficaram muito surpresos, começaram a gritar e a tirar foto. Foi muito fofo”, acrescentou.

A repercussão do caso assustou Amanda. “Fiquei bem chocada. Raramente uso minha conta, inclusive tenho há pouco tempo. Aproveitei para reforçar a importância da adoção. Está sendo muito legal a forma como as pessoas acolheram a ideia”, afirmou.

O professor também não esperava que a foto viralizasse. “É uma coisa natural para a gente. Na faculdade, os alunos levam os animais de estimação e é muito tranquilo, então como estávamos na última semana de aulas do cursinho, decidi levar a minha cachorrinha, até para criar uma dinâmica diferente com os alunos”, disse Jorge Fernando Jacob, de 21 anos, que além de professor é coordenador do cursinho.

“Eu sempre quis ter um cachorro, mas era difícil por conta da correria da faculdade. Agora que tive a oportunidade, adotei a Inca, ela tem quatro meses e vai comigo para todos os lugares. Como ela tinha que passear e eu precisava dar aula, levei ela comigo para o cursinho. Os alunos adoraram e acabou sendo uma aula muito boa, mas achei que ficaria por aí”, afirmou.

Segundo ele, a presença da cadela foi benéfica para a aula porque atraiu a atenção dos alunos. “Esses pequenos atos agregam aos alunos, fazem com que eles absorvam o conteúdo, acabam tornando as aulas muito mais divertidas e dinâmicas, ainda mais numa fase de desgaste tão grande quanto é a época de vestibular”, explicou.

“Acho toda essa repercussão sensacional, não só pelo ‘meme’, mas por levantar uma discussão de que os alunos da universidade estão dispondo do próprio tempo para dar aula no cursinho, ajudando outros alunos que buscam o sonho de ingressar na universidade, e de como essa colaboração é importante”, completou.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA!


​Read More
Cadela e cervo aparecem deitados na grama desfrutando a companhia um do outro
Notícias

Vídeo mostra amizade entre cadela e cervo e emociona internautas

As imagens mostram a amizade entre uma cadela e um cervo, provando que o amor não tem limites e nem preconceitos. Rapidamente, o vídeo viralizou nas redes, emocionando internautas do mundo todo.

Cadela e cervo aparecem deitados na grama desfrutando a companhia um do outro
Amizade entre cadela e cervo foi compartilhada em vídeo nas redes sociais (Foto: Reprodução / YouTube)

A cadela e o cervo aparecem deitados juntinhos em um gramado, descansando e desfrutando da companhia um do outro. Enquanto isso, a cadela vai ganhando muito carinho do amigo cervo, que insiste em lambê-la a todo instante.

Veja o vídeo encantador a seguir:

​Read More