Notícias

Sociedade faz campanha por hospital público para animais em Dourados (MS)

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Com o objetivo de mobilizar a população para a necessidade de políticas públicas voltadas ao bem estar animal, assinaturas estão sendo colhidas para reivindicar a construção de um hospital público veterinário em Dourados (MS). A ideia partiu da advogada Rosalina de Souza Santos, conquistou adeptos e parceiros na cidade e já foram colhidas quase 1 mil assinaturas. “Até o final do mês vamos mobilizar a sociedade para abraçar essa causa. A vitória é dos animais”, diz a advogada.

Com uma mesa, duas cadeiras, um guarda-sol e três banners, a advogada, também funcionária pública aposentada, montou uma pequena tenda na praça Antonio João, centro da cidade. É neste local que ela colhe assinaturas de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h. “Ficarei aqui na praça até o final deste mês. Encerrado esse processo, vamos encaminhar o abaixo-assinado para os órgãos públicos competentes de nossa cidade”, disse ela. O trabalho realizado pela defensora dos animais conta com o apoio da Agência de Notícias de Direitos Animais (Anda) e de vários empresários de Dourados.

Há poucas unidades no país que oferecem atendimento e tratamento gratuito aos animais e São Paulo é precursor com a construção de um hospital veterinário. Com a ideia de chamar a atenção do poder público em Dourados e no Mato Grosso do Sul, a advogada encampou a luta com o respaldo na Declaração Universal dos Direitos dos Animais, criada em 1978 por representantes de vários países do mundo, inclusive o Brasil que assinou o documento pedindo respeito aos animais. Ela também buscou respaldo na lei 9.605/98 que protege os animais.

Dificuldade

A criação de um hospital veterinário público vem ao encontro das pessoas mais carentes que não têm condições de pagar por um atendimento para seus bichos. A aposentada Tereza Caldeira, de 63 anos, é uma delas. Ela tem uma cachorra SRD, que deu cria há um mês, ficou com a barriga inchada e de lá para cá evacua um líquido escuro e fétido.

“Ela está muito mal e não posso pagar um tratamento”, relata a aposentada, temendo a morte do animalzinho. Os quatro filhotes da cadela foram doados. “A cachorra mal conseguia amamentar, devido às feridas surgirem, após o parto, no bico das mamas. E agora ela [cachorra] agoniza com dores e eu fico sem saber o que fazer”, diz a aposentada. Na tentativa de ajudar o animal, a tutora já deu até remédio humano.

Fonte: A crítica Campo Grande

​Read More
Notícias

Hospital Veterinário de Dourados (MS) oferece acupuntura gratuita para pequenos animais

Além de proporcionar um tratamento alternativo e gratuito
a animais de estimação, projeto vai ensinar novas práticas
aos acadêmicos de Medicina Veterinária

Com o objetivo de melhorar o bem estar e a qualidade de vida de cães e gatos de Dourados e região, no Mato Grosso do Sul, a partir da próxima segunda-feira (dia 04), das 13h30 às 17h,  o Hospital Veterinário da Faculdade Anhanguera vai oferecer à população o projeto de inclusão de acupuntura veterinária, como uma forma de medicina alternativa.

Por meio da inserção de agulha em pontos estratégicos do corpo do animal, o método gera estímulos sensitivos, nervosos e hormonais para tratamento de patologias como agressividade, obesidade, paralisia de membros, controle de dores, problemas dermatológicos, convulsões, conjuntivite crônica, entre diversas outras doenças, sem causar dor, efeitos colaterais ou contra-indicações aos animais.

O projeto é coordenador pela professora Dra. Juliana R. Carrijo Mauad e executado pelo Médico Veterinário Diogo Mayer Fernandes e pelo professor Breno Sampaio. “Além de proporcionar aos animais um tratamento alternativo para doenças que muitos desconhecem a cura, o projeto também visa levar aos acadêmicos do curso de Medicina Veterinária o conhecimento dessa técnica que gera tantos benefícios”, contribuiu a Dra. Juliana.

Outros atendimentos – O Hospital Veterinário da Faculdade Anhanguera de Dourados oferece também os serviços de atendimento clínico, cirurgias especializadas, radiografias, laboratórios de análises clínicas, ultrassonografia, eletrocardiografia e anestesiologia.

Fonte: Jornal Dia a Dia

​Read More