Notícias

Veganz, primeiro supermercado vegano, abrirá em diversos países

Redação ANDA

Primeiro supermercado vegano abrirá em várias cidades, incluindo Viena, Londres e Barcelona. (Crédito: Veganz)
Primeiro supermercado vegano abrirá em várias cidades, incluindo Viena, Londres e Barcelona. (Crédito: Veganz)

Veganz, a primeira rede de supermercados totalmente vegana, chegará nos Estados Unidos em 2016.

De acordo com o site True Activist, o primeiro supermercado vegano, “Veganz”, que foi fundado em Berlim, na Alemanha, abrirá uma loja em Portland, Oregon.

A Alemanha é conhecida por ter diversas lojas veganas, como vimos nesta matéria da ANDA.

O fundador do supermercado, Jan Bredack, já escreveu um livro sobre o assunto e tomou a decisão de abrir o supermercado quando descobriu uma série de produtos veganos nos Estados Unidos e na Rússia, ele diz.

Ele acredita que não há uma quantidade grande de produtos sem derivados de animais em lojas comuns, e queria que fosse mais fácil para todos que se tornassem veganos.

Há dois supermercados Veganz em Berlim, e um terceiro deve abrir ainda neste ano. As lojas estão localizadas em Hamburg, Munic e Frankfurt. No dia 13 de março, a Veganz vai abrir uma filial pela primeira vez fora da Alemanha, em Viena, com planos também para filiais em Londres, Amsterdam, Zurique, Barcelona, Milan e Copenhague no ano que vem, além dos Estados Unidos. Haverá também uma loja de roupas e sapatos e um restaurante.

*É permitida a reprodução total ou parcial desta matéria desde que citada a fonte (ANDA) com o link. Assim você valoriza o trabalho da equipe ANDA formada por jornalistas e profissionais de diversas áreas engajados na causa animal e contribui para um mundo melhor e mais justo.

 

​Read More
Notícias

Alemanha ganha primeiro supermercado vegano do mundo

Crédito: derwesten.de

Por Lobo Pasolini (da Redação)

Conhecida por sua indústria mineradora e atitude proletária, a cidade de Dortmund, na Alemanha, parece uma escolha não muito provável para o primeiro supermercado vegano da Europa. Chamado Vegilicious, abriu no dia 26 de fevereiro e ocupa 100 metros quadrados no centro da cidade, tecnicamente o único supermercado vegano no velho continente.

“Abrir um supermercado sem produtos animais parece uma loucura. Mas as pessoas estão celebrando”, disse o proprietário Ralf Kalkowski, que mantém também um café e uma loja virtual.

Usando soja, condimentos e óleos para suplementar ingredientes tradicionais baseados em produtos animais, as prateleiras têm mais de 1.500 produtos. Vegilicious oferece barras de chocolate, cereais e imitações de carne.

“As pessoas dizem que não podem viver sem queijo, mas nós temos 30 alternativas diferentes”, disse Kalkowski. “Você pode ter qualquer coisa que você acha que está perdendo, então não há necessidade de comer produtos animais.”

Kalkowski e seus 16 empregados até agora tem mantido um fluxo de fregueses de 120-150 pessoas por dia. Eles atraem até mesmo clientes não humanos, vendendo comida vegana para gatos e cães.

“É ridículo resgatar um animal e alimentá-lo com outro animal morto”, ele disse.

Com informações de DW World

​Read More