Notícias

Polícia investiga agressão a gato em Jockey Clube no Rio de Janeiro

A Polícia Civil está investigando um caso de agressão a um gato no Jockey Clube da Gávea, no Rio de Janeiro. Imagens de uma câmera de segurança registraram o momento em que um homem, segurando uma criança no colo, chuta o animal com violência.

O crime teria acontecido no final de semana do dia 26 de outubro. As informações são do jornal Extra.

Reprodução/Facebook/Reynaldo Velloso
Imagens da agressão foram divulgadas nas redes sociais por Reynaldo Velloso, presidente das Comissões de Proteção e Defesa dos Animais da OAB/RJ e da OAB Nacional. No vídeo, é possível ver um homem se aproximar do gato, que se assusta e tenta sair do local. O rapaz, no entanto, insiste e, segurando uma criança em seu colo, agride violentamente o animal, que cai, bate no muro e corre.
Após a fuga do animal, o homem tenta capturá-lo, mas acaba não o fazendo porque uma mulher aparece para conversa com ele. Tanto ela quanto outros dois homens assistiram à agressão.

“O gatinho foi levado para o ambulatório felino do Clube e, segundo relatos, está com problemas neurológicos irreversíveis em consequência da agressão. Iremos acompanhar este caso com lupa. Já estou solicitando uma reunião da Comissão com a direção da instituição. O Abrigo Associação Quatro Patinhas, através da presidente, já me ligou e está à disposição para abrigar o felino com carinho”, escreveu Velloso.

De acordo com a delegada Monique Vidal, titular da 15ª DP (Gávea), o agressor ainda não foi identificado.

“Esse registro de ocorrência está sendo feito por determinação minha, porque uma policial da nossa delegacia tomou conhecimento do vídeo. Essa pessoa que aparece nas imagens ainda não foi identificada, mas estamos fazendo um ofício para a diretoria do Jockey para saber quem ele é”, explicou a delegada.

Outros casos

Apesar da agressão registrada recentemente ter chocado internautas e o vídeo que registra a violência ter viralizado na internet, essa não é a primeira vez que são feitas denúncias de maus-tratos aos gatos que vivem no Jockey Clube da Gávea.

Em maio de 2018, a Comissão de Defesa do Meio Ambiente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) realizou uma inspeção surpresa no local para investigar denúncias de que, por ordem da presidência, seguranças estariam jogando fora comida e água colocada para os animais por voluntários. Na época, cerca de 300 gatos divididos em 21 colônias moravam no local, segundo protetores de animais.

Quando as denúncias foram feitas, funcionárias do estabelecimento alegaram que investiam R$ 30 mil por mês para garantir os cuidados dos animais, incluindo alimentação, uma equipe com três enfermeiras, um veterinário e um cuidador. Disseram ainda que os seguranças jogavam fora apenas potes com alimento colocados em locais indevidos para evitar reclamações de clientes.

Na época, a Alerj decidiu elaborar um termo de cooperação técnica para acompanhar o tratamento dado aos gatos no clube.

Em julho de 2017, uma parceria entre o Jockey e a Subsecretaria de Bem-Estar Animal (Subem) foi firmada para castrar e vacinar os gatos após denúncias de maus-tratos serem feitas.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Você é o Repórter

Cachorro com sequelas neurológicas precisa de doações de remédios em Anchieta (RJ)

Renata Brito
remellbrito@gmail.com

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O cachorrinho da imagem foi abandonado no portão da protetora Renata Brito em Anchieta, RJ. Ele tem sequelas neurológicas e não consegue andar e nem se arrastar.

Ele precisará de alguém ara ajudar nos transportes ao veterinário e doações dos seguintes remédios:

NUTRALOGIC
ERITROS
PROEX 200
REVIMAX
VITAMINAS PARA O FIGADO
NOOTROPIL 800
ORGANONEUROCEREBRAL
RACAO ECOPET JUNIOR e leite NAN

Quem puder ajudar, por favor não deixe de entrar em contato.

Contato: Renata, tel: 21-997798107 / 24552754

​Read More
Você é o Repórter

Tutor está à procura de seu cão com necessidades especiais, que desapareceu em Santo André (SP)

Sandra Santos
sandrasamysantos@gmail.com

Foto: Arquivo pessoal

Este mestiço de border colie, que atende por Feijoada/Feijuca e fugiu de casa no dia 9 de maio, durante a noite.

Ele tem aproximadamente 7 anos e apresenta sequelas neurológicas na boca, necessidades especiais, é bravo com outros animais e se assusta com pessoas diferentes.

A última vez que ele foi visto estava próximo à Av. Dom Pedro I, em Santo André, SP.

Quem tiver alguma informação sobre seu paradeiro, por favor entrar em contato com Flavio: (11) 9103-9093 .

​Read More