Notícias

Procuradoria Geral acata liminar e jegues desfilam na lavagem do Bonfim

(da Redação)

Depois de ter sido proibido, o desfile de jegues na Lavagem do Bonfim foi liberado pela Procuradoria Geral do Município (PGM), após os procuradores Angélica Guimarães e Carlos Nova, entrarem com um pedido de suspensão da liminar que proibia a participação dos animais na festa, informou o Correio.

O pedido foi acatado pela desembargadora e presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-Ba), Telma Britto, que exigiu, apenas, que a prefeitura de Salvador fiscalizasse o cortejo a fim de coibir qualquer abuso ou crueldade aos animais que participam da festa.

Nota da Redação:  A justificativa para expor animais a um grande estresse e sofrimento foi a tradição da festa que tem cerca de 200 anos. Lamentável.

​Read More