Notícias

Polícia prende homem que comia gatos na Colômbia

O Canal Teleantioquia mostrou imagens de peles de gatos que foram encontradas na casa do suspeito (Foto: Reprodução/YouTube/Teleantioquia )
O Canal Teleantioquia mostrou imagens de peles de gatos que foram encontradas na casa do suspeito (Foto: Reprodução/YouTube/Teleantioquia )

Um homem que decidiu incorporar gatos de rua à sua dieta foi preso pela polícia colombiana em uma casa do pequeno município de Amagá, no departamento de Antioquia (noroeste), e será levado à Justiça pelo crime de “maus-tratos aos animais”.

A chefe da Seção de Proteção e Serviços Especiais da Polícia Antioquia, major Alexandra Arenas Correa, disse que os vizinhos denunciaram sentir mau cheiro no local e a polícia foi ao lugar para verificar.

Ao chegar ao imóvel do “come-gato”, como o indivíduo está sendo chamado, a polícia Ambiental e Ecológica o prendeu após ele confessar que recolhia os felinos de situação de rua para transformar em refeição. A polícia encontrou nos fundos da casa peles e partes dos animais.

A Colômbia não proíbe o consumo de carnes de gato, cavalo ou cachorro, mas criminaliza maus-tratos aos animais, crime pelo qual ele responderá. Ainda não foi descoberto se o homem consumia os bichanos por gosto ou por necessidade.

Fonte: G1

​Read More
Notícias

Polícia Ambiental prende mulher acusada de maus-tratos; um cavalo já estava morto

16
Divulgação

Ivone Simão Marques Hartwig, 36 anos, foi presa na tarde desta quarta-feira (17), acusada de maus-tratos a animais. O caso aconteceu numa residência localizada na Rua José Amador dos Reis, Bairro Cascalheira, zona leste de Porto Velho. No momento da chegada da guarnição um dos animais já estava morto.

Conforme informações, uma guarnição da Polícia Ambiental foi designada para o local após denúncia realizada por vizinhos através das redes sociais. Os policiais foram para o endereço e logo constataram que dentro do quintal da residência havia um cavalo já sem vida, com sinais de putrefação e várias feridas pelo corpo. Bem próximo dele havia outro cavalo amarrado em uma árvore, bastante debilitado, com o olho direito perfurado.

Foi feito buscas pelas redondezas para tentar localizar uma égua, que também estaria vivendo em situação precária, mas o animais não foi encontrado. Durante o resgate dos animais, Ivone se apresentou como a proprietária da residência, e ao ser indagada sobre os maus-tratos aos animais, a mulher apenas afirmou que não possuía outro local para criá-los. Vizinhos relataram aos militares que raramente a mulher servia água e capins para os cavalos.

De imediato Ivone recebeu voz de prisão. Uma equipe da prefeitura com uma retroescavadeira removeu o animal morto e providenciou o sepultamento. Já o cavalo vivo foi encaminhado para tratamento por uma equipe do Ibama. A mulher foi apresentada na Central de Flagrantes e ficou a disposição da Justiça.

Fonte: Alerta Rondônia

​Read More
Notícias

PRF prende dois homens na Dutra por tráfico de animais silvestres

Divulgação
Divulgação

Mais de 50 pássaros silvestres que eram transportados em pequenas gaiolas no porta-malas de um carro foram resgatados e dois homens foram presos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), por crime ambiental. O flagrante aconteceu em uma blitz na Rodovia Presidente Dutra (BR-116), em Seropédica, na Região Metropolitana do Rio, neste domingo (24).

Os policiais faziam a blitz na altura do pedágio, na pista sentido Rio, quando teriam suspeitado de ocupantes de um carro prata e resolveram abordá-los. O motorista, de 33 anos, estava acompanhado de outro homem, de 37 anos. Eles disseram que vinham de Varginha, em Minas Gerais, para a capital fluminense. Durante a revista no veículo, a equipe da PRF encontrou 58 pássaros silvestres de diversas espécies. Os animais estavam em gaiolas dentro do porta-malas do automóvel.

No total, havia 55 pássaros ‘trinca ferros’, dois ‘coleiros’ e um ‘tico tico’. São espécies valorizadas por criadores e também alvo constante de contrabandistas de aves silvestres. Para criá-los, é necessária uma autorização especial do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Transportados em péssimas condições, sete pássaros foram encontrados mortos.

Os suspeitos confessaram que os pássaros seriam vendidos em Bangu, na Zona Oeste do Rio. Ainda segundo eles, cada um seria comercializado por quantias entre R$ 500 e R$ 1,5 mil. A ocorrência foi encaminhada à 48ª DP (Seropédica).

Fonte: Jornal do Brasil

​Read More
Notícias

Polícia Federal prende caçador de onças; fazendeiro ‘pagava recompensa’ para quem matasse animais

19
Divulgação

A Polícia Federal prendeu um caçador de onças na cidade de Alta Floresta (a 770 km de Cuiabá). Além de promover a caça, ele ainda pagava recompensas para que outras pessoas matassem os felinos em sua propriedade rural. A prisão ocorreu em Alta Floresta, na tarde de terça-feira (10).

Segundo a assessoria, a Delegacia de Polícia Federal em Sinop instaurou, em janeiro deste ano, inquérito policial para apurar a ocorrência dos crimes previstos no artigo 29, Lei nº 10.826/2013, uma vez que a denúncia apresentada à Delegacia de Polícia Federal de Rondonópolis (MT) indicava que o homem realizava a caça em sua fazenda localizada em Alta Floresta (MT).

Após ser comunicada, a Justiça Federal deferiu a expedição de dois mandados de busca e apreensão nos endereços do investigado. Na fazenda, os policiais federais apreenderam quatro armas: uma espingarda calibre 20, um rifle calibre 22, um revólver 38 e uma pistola 380. O homem foi preso em flagrante pelo crime previsto no artigo 12 da Lei nº 10.826/2013. Após ser ouvido pela autoridade policial, foi liberado mediante pagamento de fiança.

Fonte: Olhar Direto

​Read More
Notícias

Polícia prende homem por tráfico de animais silvestres no Recife (PE)

Foto: TV Clube/Record/Reprodução
Foto: TV Clube/Record/Reprodução

Um dos principais traficantes de aves silvestres do Recife foi preso em flagrante as proximidades do Hospital Getúlio Vargas, no bairro do Cordeiro. Segundo a polícia, Josenildo Manoel da Silva, de 44 anos, conhecido como Ceará, foi flagrado pelas câmeras de segurança de um supermercado onde costumava estacionar o próprio carro para vender os animais na feira livre do bairro.

Com ele, foram encontradas aves de campina e outros pássaros de origem sertaneja.

Ainda de acordo com a polícia, o lucro gerado pelo comércio ilegal era exorbitante. As aves eram compradas por R$ 4 e vendidas por até R$ 60.

Fonte: Diário de Pernambuco

 

​Read More