Notícias

Tartaruga verde é encontrada morta na praia de Ponta Negra, em Natal (RN)

Tartaruga apresentava ferimentos na nadadeira anterior (Foto: Matheus Magalhães/G1)
Tartaruga apresentava ferimentos na nadadeira anterior (Foto: Matheus Magalhães/G1)

Uma tartaruga de 70 cm de comprimento foi encontrada morta na praia de Ponta Negra, em Natal (RN), na madrugada deste domingo (30). De acordo com o coordenador regional do projeto Tamar, Aramando dos Santos, a tartaruga apresentava ferimentos na nadadeira anterior que podem ter sido causados por redes de pesca.

Armando explicou que a tartaruga verde é uma espécie muito comum na região e que elas se alimentam de algas que ficam junto às pedras. Segundo ele, o animal já estava em estado de decomposição e foi enterrado no mesmo local onde foi encontrado. “É muito importante que as pessoas liguem para o projeto para informar o aparecimento de tartarugas porque não temos monitoramento na região de Ponta Negra”, disse o coordenador regional do projeto Tamar.

O número de contato do projeto Tamar é o (84) 9921.2954.

Fonte: G1

​Read More
Notícias

Caminhada com cães vai incentivar a guarda responsável de animais domésticos

A 2ª Cãominhada em Manaus (caminhada com cães) deste ano, que acontece no próximo domingo (9) às 8h30, na Ponta Negra, na zona oeste, vem com o objetivo de incentivar a guarda responsável dos animais domésticos.

Organizada pelo grupo Cachorreiras de Manaus e pela Organização Não Governamental (ONG) Patas, o evento teve sua primeira edição em 2011 e nesta aguarda aproximadamente 400 participantes com seus cachorros.

“Nosso principal objetivo é alertar para esse abandono nas ruas e ao cumprimento da Lei municipal 1.590, de 2011, uma das raras leis municipais para bichos domésticos que infelizmente não vem sendo fiscalizada. 90% desses cães são abandonados pelos seus tutores, então queremos mostrar que o lugar deles é em casa e com bons cuidados”, explicou Érika Schomlep, responsável pelo Cachorreiras.

A Lei, de autoria do ex-vereador Wilton Lira (PDT), além de dar responsabilidades aos tutores de animais domésticos, disciplina a adoção. Para Erika é uma lei que não tem fiscalização e acaba ocasionando problemas maiores, como abandono.

Cãominhada em Manaus vai incentivar a guarda responsável de animais de estimação. (Foto: Arlesson Sicsú/ Acervo DA)
Cãominhada em Manaus vai incentivar a guarda responsável de animais de estimação. (Foto: Arlesson Sicsú/ Acervo DA)

O evento contará ainda com a participação do Corpo de Bombeiros, o Canil da Polícia Militar, Batalhão Ambiental, outras ONG’s de proteção aos animais, patrocinadores e representantes de ração animal.

Os interessados não precisam se inscrever e não há taxas, a organização da Cãominhada apenas pede que os cães estejam com suas vacinas em dia e que os responsáveis levem água para os animais, visto que ainda não conseguiram patrocinador, e sacolas plásticas para recolher os dejetos fecais dos animais.

“Estamos incentivando também os condutores de animais a recolher os dejetos fecais eliminados pelo mesmo em vias e logradouro públicos. Portanto, quem for participar leve uma sacola para que tenhamos uma cidade mais limpa e agradável com nosso bichos doméstico”, disse Érika.

Fonte: D24AM

​Read More
Você é o Repórter

Conheça a cachorra Black e sua sofrida história nas ruas de Manaus (AM)

Barbara da Costa e Silva
b.costaesilva@gmail.com

A Black foi resgatada.

Ela foi localizada escondida em um posto de gasolina. Os frentistas mostraram aonde ela estava e disseram que ela era muito brava, mas ela estava tão mal que mal se mexeu.

Victor chegou e ajudou a colocar no carro, improvisando uma focinheira e a carregando no colo.

Bárbara e seu namorado, Pedro, levaram a Black para a Prontovet, onde recebeu amoxicilina, uma bolsa de soro e onde a bicheira foi higienizada. Muitos bichos continuaram saindo. A Prontovet não tinha como manter a cadela no local, pois eles estavam sem vagas. Eu e minha mãe descobrimos então uma outra clínica 24horas na estrada da Ponta Negra, logo após a ladeirona que segue para o Lirio do Vale. Fomos na Prontovet e encontramos Bárbara e Pedro.

Seguimos todos para a Diagnovet (clínica da Estrada da Ponta Negra, Manaus). Lá é pequeno e aparentemente simples, mas o Dr Lenilson foi bem receptivo. Irá limpar definitivamente o ferimento, dar anestésico e tudo mais.

Gente, a situação é chocante. Um buraco nas costas, cheio cheio cheio de bichos. Um fedor muito grande (e olha que eu só vi depois que já estava “higienizado”). Um buraco mais ou menos do tamanho de um punho de mão masculina, grande. Dá pra ver o osso. Havia bichos saindo pelo ânus do animal.

Aproveito aqui para dar os parabéns para a Bárbara, que se mostrou muito engajada. Não é todo mundo que sai do conforto de sua casa vagando pelas avenidas em busca de um cão que nem sabia exatamente onde encontrar, coloca no seu carro, retira larvas vivas da ferida, fica pra cima e pra baixo atrás de clínica. Isso se chama compaixão, querida Bárbara.

É difícil, é desagradável, é cansativo, é desgastante física e emocionalmente e não há garantias de que o animal sobreviverá, mas a gente ao menos alivia o sofrimento de uma criatura. Só digo uma coisa: seja perseverante.

Agradeço também ao Victor, que foi duas vezes ao local, no domingo à noite. Muito obrigada, amigo.

Ajuda financeira

Quem quiser colaborar financeiramente:

Banco Itaú
Agência: 6912
Conta corrente: 10299-0

Por favor, se fizerem doação, me avisem o valor doado, o número do comprovante de depósito, telefone e e-mail para contato.

Contato:

Barbara da Costa e Silva
(92) 9134-0817

​Read More
Notícias

Cãominhada chamou a atenção para os direitos básicos dos animais em Natal (RN)

Evento promovido pela ONG Amimais chegou à terceira edição, ontem, com a participação de 300 cachorros

As ruas do bairro Ponta Negra, em Natal (RN) ficaram tomadas pelos melhores amigos do homem, na tarde de ontem. Cerca de 300 cachorros, acompanhados de seus tutores, participaram da Cãominhada pelo Bem-estar Animal, evento que já está em seu terceiro ano e é promovido pela ONG Amigos dos Animais (Amimais). Com o tema “Políticas Públicas para os animais também”, o objetivo da movimentação foi chamar atenção da população e, especialmente, das autoridades de Natal para os problemas de maus-tratos, abandono, doenças e crimes contra animais. Na ocasião, foram colhidas assinaturas para um abaixo assinado, que deve ser encaminhado aos vereadores de Natal, na expectativa de que proponham leis que estabeleçam a esterilização gratuita de animais.

Concentração motivou ainda a assinatura de um abaixo-assinado pela esterilização gratuita. (Foto: Carlos Santos/DN/D.A Press)

De acordo com a presidente da ONG, Rianny Botelho, a situação dos animais espalhados nas ruas, especialmente gatos e cachorros, está “insustentável”. “Quem nunca viu um animal atropelado ou mau tratado pelas ruas? Além disso, o grande número de animais soltos é preocupante, por causa do risco de doenças. Recebemos cerca de 40 e-mails por dia, de pessoas informando que viram um animal morto ou doente pela rua. Ou seja, a população se preocupa com isso e demonstra que gosta de animais. Mas nosso objetivo aqui é chamar atenção do poder público, para que criem leis que permitam que os animais sejam castrados gratuitamente. Os animais não votam, mas nós votamos. O ano de 2011 está chegando e não podemos continuar com essa situação”, disse Rianny.

O casal Fábio Frederico Soares e Andrea Figueiredo Soares levou seis cachorros para a Cãominhada e falou da importância da criação de políticas públicas voltadas aos animais. “Além da esterilização, dos cuidados com os animais, é preciso uma política de repressão contra aqueles que praticam crimes. É crescente o número de casos de maus-tratos e não podemos ficar de braços cruzados, aliás, é só isso que tem acontecido. As pessoas, especialmente as autoridades, estão de braços cruzados diante dessa situação”, disse Andrea.

Audiência

A presidente da ONG afirmou ainda que pretende marcar uma audiência pública na Câmara Municipal de Natal para apresentar fotos, vídeos e todos os detalhes sobre a situação dos animais abandonados. “Espero contar com a colaboração da grande parte dos vereadores e da prefeita Micarla de Sousa, que é do Partido Verde. Isso é também uma questão de saúde pública”, disse a ONG. Quem desejar ajudar ou conhecer a entidade pode entrar em contato pelo site www.amimais.org.br ou através do telefone 8808-0582.

Fonte: Diário de Natal

​Read More