Notícias

Operação resgata tucanos e gavião mantidos em cativeiro

Foto: Marcello Medeiros O Diário de Teresópolis
Foto: Marcello Medeiros. O Diário de Teresópolis
Retomada no início do ano, a campanha “Pássaro Legal é Pássaro Solto”, da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Parque Nacional da Serra dos Órgãos e Parque Estadual dos Três Picos, ganhou mais um capítulo nesta quinta-feira. Em fiscalização nos bairros do Caleme, Espanhol e Quebra-Frascos, agentes dos três órgãos aprenderam 38 aves que eram mantidas em cativeiros. Entre curiós, pichanchões, sabiás e trinca-ferros estavam um gavião e dois tucanos da espécie Toco, aves encontradas no Brasil somente no Pantanal, no Cerrado e na Amazônia.
A operação aconteceu na parte da manhã e as equipes do PETP, PARNASO e Secretaria de Meio Ambiente se dividiram nos três bairros. O resultado do trabalho só não foi melhor por causa da chuva, que aumentou e interrompeu a fiscalização.
As aves encontradas em cativeiros foram apreendidas e levadas para o Parque Nacional. Os responsáveis foram notificados de acordo com cada espécie encontrada. A multa varia entre R$ 500 e R$ 5 mil por ave (o valor mais alto é cobrado pelas aves em extinção). O total das multas chegou a aproximadamente R$ 80 mil. Em uma das residências, foram encontrados 24 pássaros.
Entre as espécies de pequeno porte encontradas nesta quinta-feira estão pichanchões, sabiás, azulão, canários e trinca-ferros, que estavam no Caleme e Espanhol. Em Quebra-Frascos, foram encontrados o gavião e os tucanos da espécie Toco, o maior dos tucanos. Onívoro, sua dieta consiste basicamente em frutas, insetos, lagartos, ovos, filhotes de outros pássaros e artrópodes.
​Read More
Notícias, ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PM apreende mais de cem aves silvestres em São Gonçalo (RJ)

Policiais militares do Batalhão de Polícia Florestal e do Meio Ambiente (BPFMA) apreenderam 117 pássaros silvestres durante uma operação em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Segundo a Polícia Militar, as aves estavam escondidas nos fundos de uma casa no bairro do Mutuá.

Os pássaros foram localizados com a ajuda de informações colhidas através do Disque-Denúncia. Entre as espécies apreendidas estão pichanchões, coleiros e maritacas. De acordo com a polícia, as aves serão levadas para o zoológico de Niterói, também na Região Metropolitana, onde deverão ser soltas.

Ainda segundo policiais do batalhão, três pessoas que estavam na casa foram detidas e encaminhadas para a 72ª DP (São Gonçalo), onde prestaram depoimentos. Durante a prisão, os suspeitos alegaram que os pássaros seriam vendidos numa feira livre.

De acordo com a polícia, os três deverão responder em liberdade pelo crime de tráfico de animais.

Fonte: G1

​Read More