Notícias

Discurso de Joaquin Phoenix afetará indústria de laticínios, admite especialista

O discurso também se tornou tema de um artigo intitulado “Opinião: não deixe as bocas grandes de Hollywood te derrubarem”


Foto: PETA

Segundo o especialista em agronegócio, Philip Clarke, é provável que indústria de laticínios sofra algumas consequências após o discurso do ator Joaquin Phoenix (45), no Oscar.

Em seu discurso, Phoenix defendeu os direitos animais e expôs a crueldade da indústria laticínia e, em especial, com relação a exploração das vacas para a produção do leite, sua declaração foi caracterizada pelas mídias sociais como um ‘ataque verbal’ para a comunidade agrícola.

Em um dos trechos de seu discurso, o ator disse: “Entramos no mundo natural e o saqueamos. Achamos que temos o direito de inseminar artificialmente uma vaca e roubar seu bebê, mesmo que seus gritos de angústia sejam inconfundíveis. Depois, pegamos o leite destinado ao filhote e o colocamos em nosso café e em nossos cereais”.

O discurso provocou raiva de fazendeiros no Twitter e também se tornou o tema tópico de um artigo intitulado Opinião: não deixe as bocas grandes de Hollywood te derrubarem, publicado pela revista de agronegócio, Farmers Weekly .

Na edição da revista, o editor executivo Philip Clarke escreveu: “O agronegócio sofreu um ataque verbal novamente – desta vez o astro do cinema, Joaquin Phoenix, de Hollywood, usou seu discurso de prêmio de melhor ator no Oscar desta para criticar o setor de laticínios”.

E completou: “Recentemente, um conhecido vegano falou que nós (profissionais do agronegócio), roubamos leite dos filhotes das vacas e que depois colocamos em nosso café e em nossos cereais. A nossa indústria tem enfrentado críticas injustificadas, por causa de um discurso que foi falado diante de uma platéia de milhares de pessoas e provavelmente sofreremos com um custo adicional (a perda da demanda do mercado)”.

Confira mais matérias da ANDA sobre Joaquin Phoenix, AQUI. 


Nota da Redação: é importante esclarecer que o veganismo é um termo criado pela The Vegan Society em 1949 para descrever um estilo de vida alinhado com a defesa dos direitos animais. Para esta entidade, o veganismo é “uma forma de viver que busca excluir, na medida do possível e do praticável, todas as formas de exploração e de crueldade contra animais, seja para a alimentação, para o vestuário ou para qualquer outra finalidade”. O veganismo, em sua raiz conceitual, não se restringe unicamente à dieta, considerada vegetariana estrita, totalmente livre de qualquer produto ou ingrediente de origem animal. No entanto, com a popularização deste estilo de vida e do surgimento de novos termos, como dietas plant based (baseada em plantas, em tradução literal) e com o aumento considerável do uso do termo “vegano” por celebridades e influenciadores, optamos por reproduzir as mesmas informações fornecidas pelas fontes das matérias.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

​Read More