Notícias

Dois rinocerontes são mortos por caçadores em reserva ambiental

Imagem ilustrativa, rinocerontes na Namíbia | Foto: Nampa
Imagem ilustrativa, rinocerontes na Namíbia | Foto: Nampa

Dois rinocerontes foram encontrados mortos no Parque Nacional Etosha, uma reserva natural que fica na Namíbia, na semana passada, confirmou o Ministério do Meio Ambiente e Turismo na terça-feira.

De acordo com o diretor de relações públicas do ministério, Romeo Muyunda, os corpos dos animais foram descobertos no sábado por membros da equipe, e o incidente foi confirmado como morte por caçadores.

Os rinocerotes deveriam estar protegidos dentro da reserva, que é vigiada por guardas armados, os caçadores provavelmente entraram escondidos no local.

A informação foi divulgada depois que os funcionários do ministério e a Unidade de Recursos Protegidos da Polícia da Namíbia examinaram a cena e determinaram que as mortes dos rinocerontes estavam ligadas à caça.

“Eles foram até o local para encontrar os cartuchos de balas usados”, explicou Muyunda. Embora os corpos dos rinocerontes tenham sido descobertas por patrulhas que fazia a roda a pé, há também vigilância por helicóptero na área.

No entanto, dada a ampla área e vegetação do parque, a vigilância por helicóptero não é capaz de detectar todos os incidentes de caça.

“Etosha é enorme, e fazemos patrulhas regularmente. Algumas áreas têm muita vegetação, então você não pode ver muito de cima, enquanto algumas áreas não são acessíveis a pé”, disse ele.

Muyunda confirmou que um total de 29 espécies ameaçadas foram caçadas este ano, com 23 rinocerontes e seis elefantes.

Ele acrescentou que a maioria desses animais foram caçados em fazendas particulares.

Com base nas estatísticas fornecidas ao Ministério da Namíbia em meados de maio, esses números são comparativamente inferiores aos dos cinco anos anteriores.

O país experimentou um dos maiores incidentes registrados de caça de rinocerontes em 2015 quando um total de 97 rinocerontes foram mortos por caçadores.

Desde então, o total de rinocerontes caçados ficou em uma média entre 50 e 60 por ano.

Em uma reunião de 45 membros do grupo de especialistas em rinocerontes africanos da União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN) realizada no início deste ano, a vice-ministra do Meio Ambiente, Bernadette Jagger, atribuiu a redução dos casos de caça aos esforços combinados da Força de Defesa da Namíbia, da polícia, dos proprietários de fazendas privadas e das unidades do Ministério do Meio Ambiente.

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

​Read More
Notícias

Patrulha Ambiental resgata tartaruga marinha no Recreio (RJ)

Divulgação
Divulgação

Guardas da Patrulha Ambiental resgataram uma jovem tartaruga-verde, na sexta-feira (2), no Recreio dos Bandeirantes, zona Oeste do Rio. Bastante debilitada, a tartaruga foi encontrada por banhistas na areia da praia da Macumba. Eles acionaram a Patrulha por meio da Central 1746.

Após o resgate, o animal foi conduzido para o Centro de Recuperação de Animais Silvestres (CRAS), da Universidade Estácio de Sá, para receber atendimento veterinário. Segundo os GMs que fizeram o resgate, a tartaruga estava magra e fraca, provavelmente por causa da ingestão de lixo nas águas.

A Guarda Municipal alerta à população sobre o resgate de animais silvestres: ao flagrá-los em área urbana ou em qualquer situação de risco fora do seu habitat, deve-se acionar a equipe da Patrulha Ambiental para um resgate seguro. O manuseio não é aconselhável e muito menos tentar afugentá-los, pois pode agravar qualquer lesão que os animais apresentarem. A Patrulha pode ser acionada por meio do telefone 1746, da Prefeitura do Rio, que funciona 24h.

Fonte: G1

​Read More
Notícias

Filhotes de cobra são resgatados durante patrulhamento em rodovia em Itatinga (SP)

18
Divulgação

Dois filhotes de cobra foram localizados por uma equipe da Polícia Militar Rodoviária que realizava patrulhamento na noite de segunda-feira (11), na Rodovia Castello Branco, em Itatinga (SP). Os animais eram transportados irregularmente em um carro que passava pelo trecho.

De acordo com informações da polícia, o motorista, de 37 anos, foi abordado durante patrulhamento de rotina. Em vistoria no veículo, foram localizados dois filhotes de “cobra do milho”, uma espécie proveniente dos Estados Unidos.

O homem foi autuado por transporte ilegal de animais estrangeiros e responderá em liberdade. Os animais foram encaminhados para a Unesp de Botucatu.

Fonte: G1

​Read More
Notícias

Patrulha mata cães de rua a tiros no Marrocos e registram crueldade

02
Divulgação

Uma “patrulha sanitária” de limpeza urbana gravou um vídeo no qual mostra seu trabalho enquanto mata a tiros cachorros em situação de rua em uma cidade do Marrocos.

O vídeo cruel está há dias circulando pelas redes e nos meios de comunicação eletrônicos e mostra como operários da cidade de Alcácer Quibir (norte do Marrocos) saem durante a noite com escopetas em busca de cachorros de rua.

No vídeo é possível ver pelo menos 30 cachorros mortos a tiros por dois operários em plena rua e alguns feridos e que uivam no meio de uma poça de sangue enquanto agonizam.

Quando já estão mortos, outros operários (aparentemente do serviço de lixos) recolhem os corpos e os jogam em um reboque, onde um funcionário conta as vítimas: “56, 57”.

O vídeo está circulando justo quando foi lançada uma campanha nas redes sociais Facebook e Twitter “JesuisBoby” para acabar com esta prática, pensada para conter as epidemias de raiva.

Uma das promotoras do grupo, Lubna Ketani, pediu a promoção de campanhas de vacinação destes cachorros e de esterilização para conter a extensão do vírus da raiva, como alternativa ao massacre destes animais.

“É nosso dever e responsabilidade proteger estes cachorros”, anunciou a ativista, que acrescentou que a cada ano os matadouros de Casablanca sacrificam entre 5 mil e 8 mil cães de rua.

Os promotores da campanha consideraram que a lei 56.12 sobre a prevenção e a proteção das pessoas contra os perigos dos cachorros se transformou em “um extermínio programado da raça canina no Marrocos”. Esta legislação foi aprovada na câmara baixa do parlamento marroquino em 2013.

01
Divulgação

Fonte: Terra

​Read More
Notícias

Mulher é detida nos EUA por esbofetear cavalo

Uma mulher foi detida na Flórida (EUA) depois de ter esbofeteado um cavalo da polícia. A norte-americana foi libertada depois de 12 horas, mas enfrenta agora um processo judicial, segundo informa a CNN.

A polícia efetuava várias patrulhas a cavalo, no sábado de manhã, para tentar controlar uma multidão quando se deparou com a agressão de Stephanie ao cavalo. No entanto, a mulher desmente que tenha agredido o cavalo e alega que apenas o afastou da sua cara.

A mulher enfrenta agora uma sentença que pode ir desde uma multa de mil dólares a um ano de prisão.

Fonte: IOL

​Read More
Notícias

Bicho-preguiça é salvo de atropelamento por patrulha da PM

A Estrada do Tinguá, em Nova Iguaçu, quase foi lugar para o fim da vida de um bicho-preguiça no fim da manhã de sábado (5). O animal atravessava a pista, e antes que chegasse ao outro lado da via, uma patrulha da Polícia Militar passou pelo local e evitou que o pior acontecesse.

O bicho-preguiça foi levado pelos oficiais do Departamento de Policiamento Ostensivo (DPO), que em seguida remanejado para a Reserva Biológica do Tinguá, seu habitat natural. A captura parou o trânsito e causou comoção nos motoristas que passavam. A reserva é um santuário ecológico de 26 mil hectares que abriga espécies da Mata Atlântica.

Fonte: Yahoo Notícias


Nota da Redação:
 Centenas de espécies correm diariamente risco de serem mortos em rodovias por todo o país.  A falta de uma política de proteção de animais silvestres, que vivem em áreas invadidas por estradas, provoca a morte todos os anos de milhares de animais.  Essa triste realidade tem que mudar.

​Read More
Notícias

Autoridades estão investigando a morte de seis gamos em Torres Novas, Portugal

As autoridades estão investigando a causa da morte de seis gamos (animal que se assemelha a um veado, mas mais corpulento e de cauda comprida) que foram encontrados mortos em Lapas, nas proximidades de Torres Novas, em Portugal.

Só as análises toxicológicas aos órgãos dos animais podem dizer qual a causa da morte, mas para o tutor dos gamos, o médico João Amora, tratou-se de um ato de maldade. “Os animais morreram todos na mesma noite, por isso que não tenho dúvidas de que foram envenenados”, disse ao jornal.

“O local encontra-se inacessível, mas através da rede da vedação poderiam atirar pedaços de fruta envenenada aos animais”, sustenta João Amora, dizendo que no local não foram encontrados quaisquer projéteis de bala. As autoridades tiveram conhecimento do caso por uma chamada anônima e trataram de informar sobre o sucedido. Depois do alarme, uma patrulha da PSP deslocou-se ao local mas, por esta não ter uma equipe especializada para esse tipo de ocorrência, foi pedida a colaboração dos elementos do serviço de proteção da natureza (SEPNA) da GNR. A veterinária municipal também foi informada sobre o que aconteceu.

Na aldeia, todos os habitantes com quem falamos acreditam que os animais morreram de fome, mas João Amora garante que estavam todos bem de saúde e devidamente alimentados.

Com informações de O Mirante

​Read More
Notícias

Patrulha ambiental apreende pássaros da fauna silvestre em MG

Terça-feira, 28, por volta de 12h30, durante patrulhamento ambiental, a equipe de São João da Ponte, composta pelo cabo Márcio e pelo soldado Evilésio, fiscalizou a residência da fazenda Vale do Arapuim/Orion, na comunidade de Araruba, zona rural de Varzelandia (MG). No local, onde reside Moacir Pereira Aquino, 25 anos, foram encontrados 40 pássaros da fauna silvestre brasileira (2 trinca-ferros, 13 canários, 1 quem-quem, 6 periquitos, 6 cigarrinhas, 3 maritacas, 1 papagaio, 4 azulões, 3 cardeais e 1 pássaro-preto).

Durante a abordagem, o morador evadiu do local ao notar a presença dos patrulheiros. Por contrariar a lei federal 9.605, os animais foram recolhidos para o Ibama, em Montes Claros (MG). Não lavrado o auto de infração por falta de convênio com o Ibama.

Com informações de  O Norte de Minas

​Read More