Notícias

Bombeiros de SP abandonam cão na rua depois de resgatá-lo em córrego

Onde estamos? O caso é tão absurdo que a redação da ANDA faz esta pergunta.

Um cão da raça american staffordshire terrier foi resgatado na tarde deste domingo (22), no Córrego do Ipiranga, no Parque da Independência, na zona sul de São Paulo. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o animal era dócil e não tentou morder ninguém da corporação.

Cão é resgatado de córrego e depois abandonado nas ruas pelo Corpo de Bombeiros. Foto: Raphael Zanetti

Segundo os policiais, o cão não apresentava sinais de maus tratos e a corporação não sabe como ele caiu no córrego. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o animal foi levado ao batalhão, localizado na região do Ipiranga, e ficou algumas horas no local, mas, como o tutor não apareceu para buscá-lo, ele foi solto em uma das ruas do bairro.

Segundo o Corpo de Bombeiros, este tipo de procedimento é adotado quando o animal não apresenta risco para a sociedade, não está machucado e não tem seu dono localizado.

De acordo com a assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Saúde, responsável pela administração do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), os animais somente são recolhidos para o local mediante denúncias de maus-tratos; quando são vítimas de acidentes (atropelamentos); ou quando são cães agressores e invasores de locais públicos, como escolas e hospitais.

Fonte: Terra

Nota da Redação: A corporação dos bombeiros primeiro salva e depois joga nas ruas para ser atropelado, para passar fome e sede, para sofrer agressões, violências. A atitude da corporação é de absoluta falta de responsabilidade e acreditamos inclusive que os bombeiros prevaricaram porque segundo a Lei federal 9605, em seu artigo 32, abandonar animais é crime.

​Read More