Notícias

Obra que põe em risco diversas espécies animais é embargada no RS

O Instituto Gaúcho de Estudos Ambientais (InGá) obteve liminar que embarga a obra do condomínio Playa Vista no município de Xangrí-la (RS). A ação civil pública foi ajuizada pela entidade no início de fevereiro deste ano, contra a empresa Metagon, a Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam) e o município de Xangri-lá, no litoral gaúcho. A ação civil pública tem como objetivo condenar os réus a restaurar a área que foi devastada com a construção.

A obra está sendo realizada sobre áreas de preservação permanente de dunas, lagoa e curso d’água. O local é de grande importância (habitat) para a fauna silvestre, sendo constatada a presença de diversas espécies de aves migratórias e de espécies em extinção. Foi verificada ainda a presença de tuco-tuco branco – espécie que só existe em uma pequena região da zona costeira brasileira.

Ficamos perplexos com a situação, pois, embora as dunas e as lagoas sejam ambientes dignos de especialíssima proteção da ordem jurídica, essas áreas foram destruídas sem que sequer fossem apresentados os estudos ambientais. Ficamos consternados com o ponto a que chegou a ingerência política na questão ambiental.”, diz Marcelo Mosmann, advogado do InGá.

​Read More