Notícias

NatGeo e Mattel lançam a Barbie conservacionista da vida selvagem

A fabricante multinacional de brinquedos Mattel fez uma parceria com a National Geographic para produzir uma coleção de bonecas Barbie focadas em indústrias nas quais as mulheres são sub-representadas, como ciência, pesquisa e conservação.

“A Barbie permite que as meninas experimentem novos papéis através da narrativa, mostrando que podem ser qualquer coisa e, através da nossa parceria com a National Geographic, as meninas agora podem se imaginar como astrofísicas, biólogas marinhas e outras mais”, Lisa McKnight, vice-presidente sênior e gerente geral da Barbie.

Ela continuou: “A Barbie e a National Geographic representam uma combinação de força motriz e nossos esforços criativos conjuntos permitem que as crianças explorem o mundo e os diferentes campos da carreira em suas próprias casas”.

Além de uma bióloga marinha, astrofísica e polar, as bonecos representarão ocupações como conservacionista da vida selvagem, fotojornalista e entomologista. As personagens vêm com acessórios relevantes certificados por um conselho consultivo composto por mulheres da  National Geographic Explorers.

“Ajudar as pessoas a entender o mundo é, e sempre foi, o objetivo principal da National Geographic”, disse Susan Goldberg, editora-chefe da revista e diretora editorial da National Geographic Partners.

“Por meio de nossa parceria com a Barbie, estamos empolgados para alcançar as crianças de uma maneira nova, usando o poder do jogo para inspirar nossa próxima geração de exploradores, cientistas e fotógrafos”.

Alguns dos designs mais recentes da Mattel mostram bonecas com diferentes tamanhos de corpo ou com deficiências.

A iniciativa, além de dar representatividade positiva e educar humanamente sobre a vida selvagem (ao contrário de zoológicos), quebra uma reputação anterior da Barbie, que no passado recebeu críticas por sua representação superficial das mulheres e por promover padrões corporais irreais para as meninas.

A última coleção da Barbie voltada para a carreira é acompanhada de material promocional que estimula o aprendizado. A programação e o conteúdo relacionados também estarão disponíveis ao longo do ano no canal do YouTube da Barbie. A conta, que tem quase seis milhões de assinantes, vê a Barbie fazendo vlog sobre causas e histórias relevantes para crianças – especialmente, as meninas.

A nova coleção da Barbie estará disponível no outono de 2019. As bonecas e suas coleções de carreira variam de US $ 14,99 a US $ 29,99 e podem ser compradas pela internet também.

​Read More
Notícias

Série mostra combate ao tráfico de animais silvestres

Se existe um crime que consegue reunir boa parte do que há de errado com a globalização, o tráfico de animais silvestres é um excelente candidato ao papel.

Conforme mostra a série “Crimes contra a Natureza”, do Natgeo, está tudo ali: populações pobres vendendo sua biodiversidade a preço de banana, elites ignorantes comprando amuletos inócuos feitos a partir de espécies em extinção e crueldade contra animais e pessoas.

A série acompanha um grupo de ambientalistas e policiais que tenta impedir o avanço do tráfico de animais no Sudeste Asiático.

Apesar da linguagem visual já desgastada, o programa presta um serviço importante ao mostrar, por exemplo, as conexões entre o tráfico de animais e o de sexo humano nas ruas tailandesas, por exemplo.

E quem está assistindo tem a chance de ver, ainda que em situações tristes, alguns dos mamíferos mais espetaculares do mundo, como tigres, lóris (um pequeno primata,) e pangolins (comedor de insetos que lembra vagamente um tatu com armadura de gladiador).

Serviço:

NA TV
Crimes contra a Natureza
Estreia da série
QUANDO hoje, às 20h, no Natgeo
CLASSIFICAÇÃO não informada

Fonte: Folha de São Paulo

​Read More