Notícias

MP abre inquérito contra CCZ de Tocantins e órgão presta esclarecimento

O Ministério Público do Tocantins, através do promotor Zé Maria da Silva, que atua no Centro de Apoio Operacional das Promotorias (CAOP) do Meio Ambiente, instaurou inquérito para investigar as irregularidades no Centro de Controle de Zoonozes de Palmas, denunciadas pelo jornal O GIRASSOL, com a reportagem “CCZ de Palmas – Animais sofrem maus tratos”.

Segundo o promotor, o órgão deverá prestar esclarecimentos sobre o caso nesta quinta-feira (23). “Isso é um problema sério. Nós vamos averiguar justamente a conduta desses profissionais e já estamos estudando os casos mais graves para tomar medidas imediatas”, disse Zé Maria.

O gerente de vigilância ambiental do CCZ, Heguel Delmiro, disse que irá apresentar ao MP uma nova proposta para o controle dos animais errantes. “Palmas será a única Capital da região Norte do país que realizará esse novo método de eutanásia”, disse.

Fonte: O Girassol

Nota da Redação: O único método aceitável para controle populacional de cães e gatos é a castração. Mas, vamos esperar para ver qual será a solução adotada por essa administração. Esperamos que eles se redimam, tenham bom senso e acima de tudo éticano trato com as questões animais.

​Read More