Notícias

Desinfetante usado contra coronavírus mata animais selvagens na China

Autoridades locais afirmam que os trabalhadores podem ter exagerado na quantidade de desinfetante usado


Pelo menos 135 animais de 17 espécies diferentes, incluindo melros, javalis e doninhas, morreram por conta de um desinfetante usado para combater o coronavírus na região de Chongqing, que faz fronteira com Wuhan, onde o epicentro da doença se concentra.

Pixabay

Autoridades locais reconheceram que os trabalhadores podem ter exagerado na quantidade de desinfetante pulverizado na natureza.

Segundo informações do Daily Mail, campanhas de desinfecção estão sendo realizadas em locais públicos pela Vigilância Sanitária do país.

Segundo o Departamento Florestal de Chongqing, nenhum dos animais mortos estava contaminado pela doença, pela gripe aviária ou pela doença de Newcastle, que é altamente contagiosa e afeta aves no mundo todo. Os corpos dos animais, segundo o Departamento, foram destinados de maneira ecologicamente correta.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Animais silvestres são apreendidos em Duque de Caxias (RJ)

Policiais civis da 59ª DP (Duque de Caxias – RJ) realizaram uma operação na feira livre daquele município, na manhã deste domingo (18/04), para combater a venda de animais silvestres. Na ação, quatro pessoas foram presas em flagrante e grande quantidade de animais silvestres apreendidos.

Foram apreendidos um papagaio, um gavião, três corujas, 36 melros, quatro xanxões, um trinca ferro, um tiê sangue, um tucano, seis jabutis e duas tartarugas d’água. O tucano foi apreendido com Alexandre Teixeira Da Silva, 31 anos. Os jabutis e as tartarugas foram encontrados com Aline Silva De Souza, 30, e os demais animais estavam dentro do porta malas de um veículo, onde foram presos Wallas Da Silva Rangel, 29 anos, e Valdeir Siqueira De Oliveira, 33 anos.

De acordo com os agentes, alguns animais estavam amontoados dentro de pequenas gaiolas de transporte, sem comida e água, enquanto outros estavam amarrados dentro de sacos. Todos os presos foram autuados pela prática de crime ambiental, maus-tratos a animais e receptação qualificada. Os animais foram encaminhados para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS), em Seropédica.

Fonte: Site da Baixada

​Read More