Notícias

Cantora Kesha lança linha de maquiagem vegana


Em 3 de dezembro, a nova marca de beleza vegana Kesha Rose Beauty vai estrear no mercado. A marca foi criada pela estrela pop Kesha (anteriormente conhecida como “Ke$ha”) e contará com uma paleta de sombras com 12 tons “celestiais”, delineador líquido e duos de batom/gloss em tons nomeados com inspiração nas músicas do seu próximo álbum High Road, programado para estrear em janeiro.

Os itens estarão disponíveis para compra individualmente e a coleção toda inteira será vendida por US $ 120 e virá em uma caixa de colecionador com uma nota da Kesha – ou os clientes podem optar por comprar a linha por US $ 90 sem a caixa ou a nota.

“Meu relacionamento com maquiagem não é apenas para me fazer sentir perfeita, bonita ou melhor. É mais para me fazer sentir que meu interior autêntico está sendo mostrado do lado de fora de mim”, disse Kesha ao WWD em reportagem do dia 08 de novembro. “Às vezes, em se tratando de beleza, parece que o objetivo é a perfeição. Na minha linha, esse não é o objetivo. Meu objetivo é a felicidade”.

Este ano, várias celebridades optaram por seguir a linha vegana com suas linhas de beleza das quais são proprietárias, incluindo a estrela da série Stranger Things (Netflix), Millie Bobby Brown, com a Mills, Lady Gaga, com Haus Laboratories, e Kylie e Kendall Jenner, com as linhas Kylie Skin e Moon, respectivamente.

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

​Read More
Notícias

Cantora Lady Gaga lança marca de produtos cosméticos veganos

Por Rafaela Damasceno

A cantora e atriz Stefani Joanne Angelina Germanotta, conhecida mundialmente como Lady Gaga, lançou uma marca de maquiagem sem nenhum tipo de crueldade contra os animais. O nome da linha é Haus Laboratories.

Campanha publicitária da nova linha de maquiagem de Lady Gaga
Foto: Haus Laboratories

A coleção, cheia de brilho e glamour, já está disponível para pré-encomenda e começará a ser enviado pela Amazon em setembro. No Instagram, a marca afirma: “Sem crueldade e vegana, porque amamos os animais e você”.

No site, Lady Gaga afirma que nunca se sentiu bonita. Em sua luta para descobrir sua beleza interior e exterior, ela declara que conheceu o poder da maquiagem. Segundo ela, a maquiagem aumentou sua auto-estima e inspirou sua bravura.

Essa não é a única linha vegana da cantora. Em 2017, Lady Gaga fez uma parceria com a Starbucks para criar quatro bebidas veganas. Parte do lucro foi revertido para sua instituição de caridade, Fundação Born This Way da Lady Gaga, que visa empoderar jovens.

O novo estilo de vida que a cantora parece ter adotado intriga muitos veganos, que não se esqueceram do episódio em que Lady Gaga compareceu ao MTV Video Music Awards de 2010 vestindo uma roupa completamente feita de carne.

Nota da Redação: É maravilhoso que a cantora Lady Gaga esteja usando sua posição para incentivar seus fãs a consumirem produtos sem crueldade, mas achamos importante ressaltar que o veganismo é muito mais do que uma moda passageira e vai muito além de um comércio. O veganismo é um estilo de vida e adotá-lo implica comprometimento, respeitando os animais em todos os sentidos e condenando qualquer tipo de exploração.

​Read More
Notícias

Aluna de química de MT cria maquiagem vegana com matérias-primas naturais

Uma estudante da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) criou uma linha de maquiagem vegana e orgânica com produtos de origem natural sem substâncias tóxicas na composição e que não agridem a pele. Sandynara Aguiar Gama, de 19 anos, mora em Várzea Grande, na região metropolitana de Cuiabá (MT). Ela desenvolveu 15 produtos de modo caseiro.

A linha de produtos foi apresentada como projeto de ciências em uma instituição de ensino. A ideia foi apresentada em abril na Feira Nacional de Empreendedorismo (FNE) do Centro de Cursos Brasileiros (Cebrac). O objetivo principal da feira foi a importância da sustentabilidade.

Foto: Jéssica Souza Bruno/ Arquivo pessoal

Sandynara disse ter observado o mercado de cosméticos e viu a possibilidade de crescimento e de destaque na área de maquiagens naturais.

O intuito foi desenvolver uma linha de maquiagem natural que não prejudicasse a pele, que não contém na composição nenhum tipo de substância tóxica e que não haja necessidade de ser testada em animais e nem substâncias de origem animal.

A estudante relatou ao G1 que fez os produtos sozinha sob orientação de um professor do curso. A fabricação aconteceu na residência dela. Ela possui todos os laudos técnicos dos ingredientes utilizados, comprovando assim, a autenticidade do material sendo natural. Os laudos técnicos são assinados por uma profissional habilitada em química.

Foram produzidos um tônico facial, demaquilante bifásico, esfoliante de café, máscara de aveia, sombra em pó, iluminador líquido, gloss labial, batom líquido, base, pó, blush, protetor labial, sombra em base, batom e delineador em creme.

Foto: Sandynara Aguiar Gama/ Arquivo pessoal

Na composição das maquiagens foram usados produtos naturais, como beterraba, argila branca, flor de alecrim, óleo de pequi, óleo de manga, azeite de oliva, cacau em pó, farinha de amora, óleo de rícino, e outros produtos de origem natural.

Segundo a estudante, foram desenvolvidos 15 produtos, como fabricação caseira, e dois que ainda estão em processo de desenvolvimento, como o rímel e o delineador líquido. Foi gasto cerca de R$ 2 mil para comprar as matérias-primas e os recipientes.

A qualidade dos produtos foi comprovada com testes de pH, método científico que avalia e classifica as soluções químicas e com laudos técnicos das matérias primas utilizadas.

Os produtos causaram surpresa nos colegas, mas que ficaram curiosos com o método de fabricação. “Muitas pessoas que conheço acharam a ideia interessante, por ser natural e vegano. A questão do desenvolvimento do produto é o que mais chamou a atenção da maioria dos meus colegas e amigos”, contou.

Além de apresentados na feira, os produtos também foram vendidos ao público que teve o interesse em comprar e restaram algumas amostras. Surgiram propostas de empresas interessadas em vender o produto nas lojas.

Para a produzir as maquiagens, a estudante e criadora pesquisou sobre produtos vendidos no mercado de cosméticos naturais e adquiriu conhecimento suficiente para ter sucesso no desenvolvimento dos produtos.

Questionada sobre o tempo de validade dos produtos por serem de origem completamente naturais e diferentes dos produtos com química sintética, ela explicou: “As fórmulas dos produtos naturais devem conter de acordo com as certificadoras 95% de matérias primas naturais. Normalmente, para conservação de cosméticos (não naturais) é usado conservantes, que agridem a pele, entre outros malefícios. A validade do produto pode ser comprometida principalmente se houver água na fórmula, que acelera os fungos e bactérias”.

Sandynara explicou que praticamente não utilizou água nos cosméticos. Para auxiliar a conservação dos produtos, ela usou vitamina E e óleos essenciais que possuem uma ação que ajuda a evitar a oxidação e contaminação.

Foto: Sandynara Aguiar Gama/ Arquivo pessoal

Portanto, os produtos desenvolvidos de modo caseiro e com substâncias de origem natural possuem uma validade menor por não conterem vários tipos de conservantes, mas que existe outros métodos para melhorar a questão da validade, afirmou a estudante.

A estudante disse ao G1 que pensa em expandir a ideia, como criar um negócio no ramo, patentear os produtos, mas é necessário investimento financeiro ou investidores. A expansão precisaria de um laboratório adequado com todas as exigências e equipamentos necessários.

Sobre a expansão, ela contou que gostaria de construir uma loja física para expor os produtos veganos e que o espaço funcionaria como uma farmácia de manipulação. Está estudando meios para expandir, mas que já recebeu propostas de investimento e pretende estudá-las em breve.

O trabalho de Sandynara foi supervisionado pela professora Kenya Rafaela, que foi a orientadora do projeto e pela química Fábia Elaine Ferreira que assinou os laudos técnicos para a estudante que ainda está se profissionalizando.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. Doe agora.


 

​Read More
Cosméticos e maquiagens testados em animais.
Notícias

PETA tenta impedir testes de maquiagem à prova de ácido em animais

A organização Pessoas pelo Tratamento Ético dos Animais (PETA, sigla em inglês) contestou sobre a possibilidade do uso de animais em testes de cosméticos à prova de ataque ácido. A Dr. Almas Ahmed, médica responsável pelas pesquisas de desenvolvimento do produto, disse que testar seu produto em animais era uma possibilidade, mas esclareceu que pretende buscar alternativas

Cosméticos e maquiagens testados em animais.
Foto: Pixabay

A médica havia lançado uma página de arrecadação com o objetivo de conseguir 250 mil libras (aproximadamente 1 milhão e 200 reais) para financiar o desenvolvimento do seu produto chamado Acarrier, em uma clínica, no Reino Unido. Logo em seguida, a PETA se manifestou para se opor as possibilidades desse novo produto ser testado em animais.

A ONG defensora da causa animal afirmou que respingar animais com ácido causaria revolta.

“Esta é uma alternativa cruel e abominável”, disse Emily McIvor, assessora de política científica da PETA UK. “Haveria uma revolta popular, para não mencionar as acusações legais, caso decidam usar animais para fazer testes com ácido. Se esses forem os métodos para avaliar a eficácia deste produto, a Dr. Ahmed será justamente condenada.”

Ela ainda sugeriu para que a médica optasse por métodos humanos alternativos.

“A PETA pede à Dr. Ahmed que use apenas métodos de teste de última geração, incluindo modelos tridimensionais reconstruídos de pele humana, que forneçam resultados relevantes para o ser humano e poupam os animais de serem submetidos a queimaduras, úlceras com sangue, crostas, e dor extrema.”

Quando questionada sobre as preocupações da PETA, a Dr. Ahmed disse que está considerando alternativas humanitárias.

“Inicialmente estávamos pensando na possibilidade de testes em animais, agora estamos procurando ativamente por outras opções, para que o produto seja livre de crueldade“, disse a médica.

“Estamos felizes em apoiar a PETA e produzir um cosmético livre de crueldade. Quero tranquilizá-los e explicar que absolutamente nenhum teste em animais ocorreu e gostaria de trabalhar com eles para que continue assim”.

A lei que proíbe a realização de testes em animais com produtos de cosméticos, no Reino Unido e Europa, também se aplica a produtos de higiene diária, como sabonete, shampoo, desodorante e creme dental, bem como perfumes e maquiagem.

​Read More
Notícias

Após pedidos de clientes, marca de cosméticos “Mecca Max” adota veganismo

A marca de cosméticos cruelty-free Mecca Max decidiu atender aos pedidos de clientes e anunciou que todos os seus produtos agora são veganos. De acordo com informações do site Livekindly, a Mecca Max acumulou uma quantidade significativa de clientes de todo o mundo que são atraídos pelos seus preços baixos.

“Sabíamos que os produtos amigos dos animais eram importantes para os nossos clientes”, disse a gerente de marca Ellie Hockley à Pedestrian. “Não fazia todo o sentido remover qualquer derivado animal ou subproduto de nossas formulações sem comprometer seu desempenho”.

O post do Instagram foi direcionado para os fãs:

Os pontos de venda da marca disponibilizam cosméticos de mais de 70 marcas externas. Entretanto, a mudança para as novas fórmulas veganas serão exclusivas apenas ao produtos da própria Mecca Max.

Produtos da Mecca-Max agora serão completamente veganos (Foto: Reprodução)

Essa transformação das grandes empresas de cosméticos está virando tendência: atingiu também a outras marcas, como a Milk Makeup, que anunciou tornar-se vegana no final de março. A empreendedora vegana e personalidade da televisão Heather Mills afirmou também estar pronta para lançar a “primeira linha cosmética internacional verdadeiramente vegan do mundo”.

A exploração de animais é muito expressiva na área dos cosméticos. Empresas não-veganas podem conter um amplo espectro de ingredientes derivados de animais, desde óleo de tubarão à pele e besouros esmagados, conhecidos como carmim. A cera de abelha, entre outros produtos apícolas, também é muito utilizada na maquiagem como o rímel e o protetor labial.

​Read More
Destaques, Notícias

Treinadora passa batom em uma beluga em espetáculo na China

Um vídeo de uma treinadora aplicando maquiagem em uma beluga causou indignação na China. Usuários da web criticaram o comportamento da tratadora. Eles temem que os produtos químicos na composição do produto possam causar danos à saúde do mamífero.

beluga sofrendo abuso para entretenimento
Foto: reprodução

O vídeo em questão foi postado em 9 de junho no Dou Yin (抖 音), um popular aplicativo de vídeo chinês, e viralizou nas redes sociais do país. Nele, a baleia beluga pode ser vista esperando pacientemente enquanto a treinadora desenhava um lábio em sua boca.

A imagem foi postada com uma mensagem se referindo à aparência da beluga, dizendo que o animal tinha ficado “incrivelmente bonito” após a crueldade. A treinadora foi acusado de usar a baleia para se popularizar nas mídias sociais.

Após a revolta dos usuário da plataforma, o vídeo foi excluído de sua postagem original.

“É realmente seguro passar batom em uma baleia? Ela [a treinadora] já pensou sobre isso antes de fazê-lo?” questiona um dos usuários do Dou Yin.

PETA Asia foi notificada do incidente através de um perfil na rede social Weibo, equivalente chinês ao Twitter. A organização disse que já havia flagrado a Sun Asia Ocean World em outros casos de maus-tratos animais. O aquário foi notificado pela Peta por manter as belugas e os golfinhos em tanques rasos, o que poderia representar um perigo para a saúde dos animais.

“Esses mamíferos marinhos têm necessidades sociais e espaciais, e foram encontrados ansiosos e sofrendo em um pequeno espaço”, disse o assessor de imprensa da Peta Asia, Keith Guo.

O Sun Asia Ocean World pediu desculpas ao público pelo incidente, e em um comunicado oficial. O aquário também expressou “profundo remorso” e autocrítica pela má conduta de seus funcionários, e alegou que a treinadora que aparece no vídeo deixou a empresa no mês passado. Ele também explicou que o vídeo foi filmado em 2017 e enviado para Dou Yin por outra pessoa, que não é o treinador em questão.

De acordo com o World Wildlife Fund, as baleias beluga são mamíferos extremamente sociáveis ​​que vivem, caçam e migram juntos em bandos, que variam de alguns indivíduos a centenas de baleias

Existem mais de 200.000 baleias beluga no mundo, afirmou a lista vermelha da União Internacional para a Conservação da Natureza.

​Read More
A marca de beleza abandonou a fabricação de produtos com origem animal.
Notícias

Marca de maquiagem torna-se livre de crueldade animal

A marca de maquiagens Milk Makeup anunciou que agora é vegana e totalmente livre de crueldade animal em sua produção. A marca, criada em 2016, nunca foi testada em animais e recentemente aboliu todos os produtos de origem animal de suas formulações.

De acordo com a co-fundadora da empresa, Dianna Ruth, é possível que qualquer produto seja feito com alternativas naturais ou sintéticas “Não há produto animal ou subproduto que não tenha uma alternativa natural ou sintética segura”.

A marca de beleza abandonou a fabricação de produtos com origem animal.
A marca de beleza aboliu o a prática de exploração animal. (Foto: Milk Makeup)

Produtos como colágeno, gelatina, cera de abelha e lanolina foram substituídos por ingredientes à base de plantas, incluindo óleo de abacate e manteiga de manga. Conforme o anúncio da marca os desenvolvedores do produto se preocupam com as substancias usadas e agora a linha de produtos de beleza é livre de crueldade e totalmente vegana. A mudança está disponível nos EUA até o momento.

Este é um passo importante para a forma de produção de produtos de beleza, tendo em vista que a maioria das indústrias de cosméticos usam substâncias de origem animal como tutano de boi, queratina, almíscar, óleo de figado de tubarão, banha de porco e cochonilha – usado para colorir batom, pó, e sombras.

Após mudar a forma de fabricação de produtos cosméticos, a Milk Makeup se une a outras marcas como Kat Von D, Marc Jacobs Beauty, Natura, Urban Decay, Too Faced, The Balm, O Boticário, BareMinerals, The BodyShop, Lush, Korres, Elf, NYX e Colourpop – que fabricam produtos livre de crueldade animal.

​Read More
Notícias

Kat Von D lança programa em defesa dos animais para maquiadores profissionais

Agora, o objetivo de Kat Von D é fazer com que a maquiagem profissional seja livre de crueldade e para isso apresenta o Pro Program Kat Von D Beauty, o único programa profissional que defende uma causa.

Foto: Kat Von D Beauty

Neste mês, maquiadores, tanto alunos como profissionais, estão convidados a se inscrever para participar do programa. Todos os membros aceitos no Pro Program receberão um cartão de membro exclusivo e 30% de desconto em todos os produtos adquiridos no site da marca para que possam completar o kit de maquiagem com seus produtos Kat Von D Beauty favoritos, entre eles o batom Everlasting Liquid Lipstick, a base Lock-It Foundation, o delineador Tattoo Liner e a paleta de sombra Shade + Light Contour Palette.

Os primeiros cinco mil membros do programa receberão um kit de boas-vindas edição limitada de luxo contendo produtos exclusivos e dois kits essenciais de produtos de maquiagem de tamanho normal (delineador Tattoo Liner e corretivo Lock-It Concealer Crème em White Out).

Os membros do Pro Program Kat Von D Beauty recebem os seguintes benefícios: 30% de desconto em todos os produtos Kat Von D Beauty comprados no site da marca, acesso antecipado e produtos apenas para profissionais, envio gratuito nos EUA e internacional para 123 países, sem limite mínimo e acesso exclusivo a experiências apenas para membros inscritos.

Os membros do Pro Program também desempenharão um papel ativo em tornar a maquiagem livre de crueldade: com todos os pedidos do programa, a Kat Von D Beauty fará uma doação a uma entidade protetora dos direitos dos animais. Em 2018, a entidade selecionada por Kat foi a Mercy For Animals, uma organização sem fins lucrativos que promove políticas e opções de alimentação éticas e compassivas.

“Aprendi tanto com eles (Mercy for Animals) sobre como é importante e sensacional ser vegano – para os animais, para a humanidade e para o planeta! A divulgação da mensagem é inteligente, informativa, honesta, direta e fácil de ser seguida. É dirigida não apenas à comunidade vegana, mas principalmente, ao universo não vegano”, disse Kat Von D.

Todos os detalhes, juntamente com os critérios para a inscrição, estão disponíveis no site da marca.

Fonte: Exame

​Read More
Notícias

Batons da nova linha de Kat Von D ajudam animais resgatados de maus-tratos

A marca de beleza Kat Von D sempre se mostrou preocupada com os animais. Em 2016, ela anunciou que iria se tornar completamente vegana e, neste ano, a proposta é ajudar animais que foram resgatados de situações de maus-tratos.

As embalagens dos batons vêm com a foto dos animais homenageados (Foto: Instagram/ @katvondbeauty)

Quatro novas cores do batom líquido Everlasting serão lançadas em parceria com a ONG Farm Sanctuary. O marrom terracota será chamado Hilda, nome de uma ovelha da ONG. O rosa pêssego irá homenagear Julia, uma porca. Já o tom de azul escuro metálico é uma homenagem a Bruno, um boi resgatado. E, para finalizar, o vermelho escuro se chamará Thumbelina, um tributo a uma galinha. A foto de cada um dos animais virá na embalagem dos batons.

Infelizmente, a novidade não vai chegar ao Brasil.

Fonte: Estadão

​Read More
Kat Von D
Notícias

Kat Von D comenta reformulação de marca de beleza sem crueldade

Em uma entrevista recente para a Byrdie, Von D explicou mais sobre o processo de mudança: “Isso foi surpreendentemente fácil de muitas maneiras. Consumiu nosso tempo e também energia e dinheiro, é claro, mas acredito que não existem pessoas o suficiente tentando. Apenas estou facilitando para as outras marcas seguirem”.

Kat Von D
Foto: Rosdiana Ciaravolo/Getty Images

Em termos de substitutos de ingredientes comuns derivados de animais, a maquiadora e tatuadora constatou que opções mais econômicas foram encontradas para “realmente superar aquelas vindas de animais”, segundo o ClearlyVeg.

“Por exemplo, o carmim, que é responsável por vários tons lindos de vermelho e roxo. Encontramos a substituição na beterraba, e a recompensa foi muito melhor. Nós ainda éramos capazes de misturar cores e descobrir mais, então é ótimo. O mesmo com a cera de abelhas. Temos um ótimo substituto sintético derivado dos girassóis. Em um nível ambiental, claro, isso é ótimo. Em nível de vaidade, também é ótimo – você ainda tem a mesma qualidade, senão melhor e é maravilhoso eticamente”, acrescentou.

Von D, que também irá lançar uma linha de sapatos veganos neste ano, encerrou a entrevista com o seguinte questionamento: “Se posso inspirar pessoas a serem mais conscientes em como utilizam seus dólares, é bom. Se posso inspirar outras marcas – porque estamos superando muitas marcas grandes – qual a sua desculpa?”

​Read More
Notícias

Vegana e orgânica, marca de maquiagem alemã chega ao Brasil

A marca alemã Baims, do ramo de maquiagem totalmente sustentáveis, vai começar a ser produzida e comercializada no Brasil.

Além dos benefícios éticos de consumo da marca, os produtos também possuem propriedades anti-envelhecimento e clareadoras.

Linha de maquiagem tem produto para pele, olhos e boca
A linha de maquiagens vegana e orgânica será produzida e vendida no Brasil (Foto: Divulgação)

Os itens poderão ser comprados através do site da Baims ou na Esmell, estabelecimento voltado para a estética, do bairro do Leblon, na Zona Sul do Rio de Janeiro.

Os produtos de beleza são criados em Frankfurt, na Alemanha, e produzidos em Santa Catarina, no Brasil, por meio de matéria-prima totalmente orgânica e livre de testes em animais.

“Primeiro me apaixonei pelos produtos e depois recebi o convite para ser embaixadora da marca, justamente, porque me encantei pela qualidade de tudo”, contou Alana Rox, apresentadora do programa ‘Diário de uma Vegana’, transmitido pelo canal de TV GNT, ao se tornar embaixadora da marca Baims no Brasil.

Apresentadora afirma ter adorado os produtos da marca vegana
A apresentadora de TV Alana Rox se tornou embaixadora da marca vegana no Brasil (Foto: Divulgação)

 

 

 

​Read More
Kat Von D
Notícias

Kat Von D lança conjunto de escovas de maquiagem veganas

“Estamos vivendo tempos maravilhosos agora, nos quais a tecnologia está fazendo com que seja tão fácil realizar escolhas compassivas nos produtos que compramos sem ter que explorar os animais”, disse Von D aos seus 3,6 milhões de seguidores no Instagram.

Kat Von D
Foto: Reprodução, VegNews

Em 2016, a artista de maquiagem/tatuagem se comprometeu a tornar sua marca completamente vegana e já lançou vários itens sem crueldade – incluindo uma versão da popular paleta de contorno Shade + Light (Sombra + Luz), segundo a VegNews.

Von D  apoia organizações de direitos animais como, por exemplo, a Mercy for Animals e foi recentemente à Conferência Nacional dos Direitos Animais em Washington, DC, nos EUA. Atualmente, ela também desenvolve uma linha de 26 sapatos veganos que deve ser lançada no final deste ano.

​Read More