Notícias

Justin Bieber é criticado por apoiar exploração animal ao comprar gatos

A organização internacional de defesa animal PETA afirmou que o artista perdeu a chance de dar um bom exemplo aos fãs e seguidores de suas redes sociais


O cantor Justin Bieber foi criticado por apoiar a exploração de animais ao comprar dois gatos da raça savannah ao invés de optar pela adoção.

Reprodução/Instagram/Justin Bieber

O ato do cantor, que é um formador de opinião devido a sua popularidade, incentiva o comércio de animais, que os explora para reprodução e venda e que frequentemente os maltrata. Além disso, a atitude de Justin é prejudicial também para os animais resgatados de abandono e maus-tratos, que muitas vezes passam anos nas ruas ou em abrigos, à espera de um lar. Ignorando essa realidade, o cantor influencia seus fãs a também não cogitarem a adoção no lugar da compra.

Diante do caso, a organização internacional de defesa animal PETA enviou um comunicado ao jornal USA Today por meio do qual repudiou o ato do cantor.

De acordo com a entidade, o artista perdeu a chance de dar um bom exemplo aos fãs e seguidores de suas redes sociais. As críticas vieram à tona após Justin publicar uma foto dos dois gatos, que comprou como presente de casamento com Hailey Baldwin – objetificando os animais duas vezes, primeiramente ao comprá-los como se fossem mercadorias, depois ao tratá-los como presentes.

“Justin Bieber poderia inspirar fãs do mundo todo a adotarem gatos de algum abrigo para animais em vez de dar mais combustível para a demanda de gatos híbridos, contribuindo para a crise de superpopulação de animais e provando que, quando o assunto é ajudar na causa dos animais, sua posição é: ‘Eu não ligo'”, afirmou a vice-presidente da PETA, Lisa Lange, no comunicado encaminhado ao jornal.

O valor dos gatos comprados por Justin pode variar de US$ 15 mil a US$ 20 mil, o equivalente a cerca de R$ 80 mil. O alto custo dos animais revela outra faceta dessa história: lotados de animais, que geram gastos, os abrigos poderiam trabalhar de melhor forma, beneficiando seus resgatados e até resgatando novos animais, se essa quantia fosse direcionada a eles, como doação, ao invés de ser usada para perpetuar a exploração de seres sencientes.

Até o momento, Justin Bieber não se pronunciou a respeito das críticas.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Macaco abandonado por Justin Bieber está traumatizado

O macaco abandonado por Justin Bieber semanas após ter sido levado para a casa do cantor está traumatizado.

Quando ainda era filhote, há cinco anos, o macaco foi covardemente abandonado pelo cantor em um aeroporto alemão. Bieber decidiu abandonar o filhote por não ter os documentos necessários para que o primata tivesse a entrada liberada em um país europeu.

Justin Bieber e o macaco Mally, que foi covardemente abandonado pelo cantor (Foto: Reprodução/ Instagram/VEJA)

Mesmo tendo sido resgatado e passado anos desde que foi abandonado, o animal ainda carrega as consequências negativas da vida em cativeiro e do abandono. O.G Mally, como passou a ser chamado o primata, permanece traumatizado. Além disso, ele tem apresentado dificuldade para se comunicar com outros macacos.

“Ele foi tirado da mãe antes que pudesse aprender a viver como um macaco”, afirmou Asta Knoth, responsável pelo Parque Serengeti, em Hodenhagen, na Alemanha, para onde o animal foi levado. “Ele tem dificuldades com a linguagem dos macacos-prego e os sons que emite se parecem bastante com a linguagem dos humanos”, acrescentou.

Bieber e os maus-tratos a animais

O caso de abandono do macaco não é o primeiro pelo qual Bieber é responsável. Ele já foi acusado de ter abandonado um gato e um cão da raça buldogue, além de ter explorado um animal silvestre para entretenimento humano ao alugar um tigre para participar de uma de suas festas particulares.

Os casos de negligência com os animais também não se limitam a Bieber entre os famosos. Chris Brown decidiu dar de presente à filha um macaco. A atitude, que gerou inúmeras críticas nas redes sociais, pode levar o cantor à prisão, isso porque ele não detinha licença para tutelar um animal silvestre, que, inclusive, foi entregue às autoridades. O caso de Chris Brown segue agora nas mãos da Procuradoria de Los Angeles, nos Estados Unidos.

Chris Brown deu um macaco de presente para a filha (Foto: Getty Images/Instagram)

Nota da Redação: a ANDA repudia a decisão dos cantores de criar animais silvestres em cativeiro, privando-os da vida em liberdade ao lado da família a qual pertencem, e condena também o ato cruel de Justin Bieber ao abandonar não só o macaco, como também um gato e um cachorro. Além disso, a Agência de Notícias de Direitos Animais também faz um alerta a respeito do local para onde o macaco foi levado após ter sido abandonado pelo cantor em um aeroporto. O Parque Serengeti é um local temático que tem o objetivo de gerar lucro aos proprietários por meio da exposição de animais selvagens. Dessa forma, a ANDA aconselha aos leitores a não visitarem o local em uma possível viagem à Alemanha, visto que é o dinheiro dos visitantes que mantém o parque em funcionamento, dando-lhe o direito de permanecer explorando a vida selvagem em prol do lucro, o que é lamentável e inaceitável.

 

​Read More
Notícias

Justin Bieber abandona cão doente e que precisa de cirurgia, diz site

Justin Bieber posa com cachorrinho (Foto: Reprodução/Instagram)
Justin Bieber posa com cachorrinho
(Foto: Reprodução/Instagram)

Justin Bieber não para de dar maus exemplos. Depois de dar um soco em um fã, ser flagrado nu ao lado de uma suposta namorada e ameaçar sair das redes sociais após ser criticado por seguidores, ele é um destaque negativo mais uma vez.

Agora, de acordo com o site TMZ, o cantor abandonou o cãozinho Todd, que ele adotou em agosto. Doente, o animal precisa de uma cirurgia que custa 8 mil dólares (pouco mais de R$ 25 mil).

O pequeno animalzinho foi então adotado por um dos dançarinos de Bieber, C. J. Salbador, que criou uma campanha virtual para custear o tratamento médico do cão, que foi diagnosticado com uma doença que pode impedi-lo de andar, correr ou brincar.

Questionado pelos fãs se o cantor tem ajudado com algo, C. J. disse que preferiu não envolver Bieber e nem a família dele na história. Vale lembrar que, antes de Todd, o músico já abandonou um hamster, um macaco e outro cão.

Fonte: EGO

​Read More
Notícias

Justin Bieber é flagrado usando casaco de peles na Califórnia

Por Rafaela Pietra | Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

justin bieber com casaco de peles
O cantor foi fotografado com um casaco de peles na Califórnia | Foto: Divulgação / TMZ

O astro pop Justin Bieber, 22, foi flagrado por paparazzis na última segunda-feira (19) usando um casaco de peles. Segundo o site TMZ, quando perguntado se a peça era realmente feita de peles de animais, o cantor respondeu: “Sim, é de verdade!”

Esta não é a primeira vez que Bieber é flagrado em uma situação de total desrespeito e consideração pela vida de animais. O cantor possui um histórico de maus-tratos e abandono e já foi alvo de críticas e processos por seus atos. 

Em maio, o astro foi fotografado ao lado de um tigre na festa de noivado do seu pai, em Toronto. Na época, a PETA chegou a emitir uma carta aberta contra Justin Bieber por seus atos. Em 2014, o cantor foi acusado de abandonar uma cadela na Califórnia e, em 2013, um macaco vítima do tráfico de animais e tutelado por Bieber foi resgatado na Austrália, após ser abandonado por ele.

Em 2014, Jeremy Bieber, pai de Justin Bieber, foi acusado de atirar em um cão tutelado pela família de uma sacada.

​Read More
Notícias

PETA emite carta aberta contra Justin Bieber por foto com tigre abusado

Divulgação
Divulgação

O grupo defensor dos direitos animais PETA criticou o cantor Justin Bieber após ele posar para uma foto ao lado de um tigre acorrentado na festa de noivado de seu pai em Toronto, no Canadá. A organização afirmou que o animal veio de um zoológico cujo proprietário foi acusado de abuso animal. E ainda fez um alerta: “Justin Bieber teve sorte de não ter tido sua garganta arrancada por este tigre de cativeiro”, disse.

Em nota, a instituição afirmou que Michael Hackenberger, o proprietário do zoológico, recebeu cinco acusações de crueldade contra os animais por conta de um vídeo secreto filmado por eles. A gravação, divulgada pela instituição, mostra o treinador chicoteando um tigre. Hackenberger é conhecido, e forneceu tigres para filmes de Hollywood como “As Aventuras de Pi”.

O PETA enviou nesta segunda-feira uma carta ao cantor, pedindo que ele não incentive esse tipo de comportamento. “Animais exóticos utilizados para entretenimento geralmente são arrancados de suas mães em uma idade jovem, apanham de treinadores e são forçados a viver em recintos apertados. Eles podem até mesmo receber sedativos para que fiquem dóceis em festas e eventos como o que Justin participou”, explicou a organização que também criticou Bieber pelas redes sociais.

O PETA também criticou Justin Bieber no Twitter Foto: Reprodução do Twitter
O PETA também criticou Justin Bieber no Twitter Foto: Reprodução do Twitter

Fonte: Extra

​Read More
Notícias

Justin Bieber se promove às custas de tigre vítima do confinamento e exploração

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Foto: Reprodução/Daily Star
Foto: Reprodução/Daily Star

O cantor Justin Bieber, 22, foi flagrado ao lado de um tigre na festa de noivado do seu pai, em Toronto.

O astro aproveitou a festa privada para tirar fotos com o animal. A atitude pode ter impressionado os fãs do rapaz, mas não os defensores dos direitos animais.

Recentemente, foi constatado que existem mais tigres confinados nos EUA do que nas florestas do mundo todo, levantando a questão da proibição da tutela de animais selvagens.

“Quando você não sabe com quem estão esses tigres, quem os vende e o que acontece com eles, não há como assegurar que não estejam sendo vítimas do tráfico ilegal da vida selvagem,” declarou Leigh Henry, porta-voz do World Wildlife Fund, sobre o assunto.

Foto: Reprodução/Daily Star
Foto: Reprodução/Daily Star

E não é a primeira vez que Justin Bieber viola os direitos animais. Ele tutelava um macaco chamado Mally, que foi confiscado em 2014 durante sua turnê de Munich, justamente porque Bieber não conseguiu provar que o animal não era mais uma vítima do tráfico da vida selvagem.

Na época, um porta-voz do Hodenhagen Serengeti Wildlife Park disse ao Daily Mail: “Só podemos concluir que o macaco foi comprado ilegalmente.”

Nota da Redação: Posar ao lado de um animal gravemente ameaçado de extinção, exibindo suas condições em cativeiro em nome da vaidade humana é um ato execrável. Tratando-se de uma figura pública, o ato é ainda mais grave e promove o desrespeito aos direitos animais, além de encorajar o tráfico da vida selvagem.

​Read More
Notícias

Após abandonar animais, Justin Bieber quer outro macaco

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Cantor com macaco Mally, abandonado por ele em 2013. Foto: PTI News
Cantor com macaco Mally, abandonado por ele em 2013. Foto: PTI News

Justin Bieber manifestou recentemente a intenção de ter outra vez um macaco para manter como animal de companhia, o que encontrou fortes críticas de defensores dos animais e oposição por parte da North American Primate Sanctuary Alliance (NAPSA). As informações são do PTI News.

Isso ocorre após o cantor ter sido alvo de escândalos por conta de tutela irresponsável ao macaco Mally. O cantor enfrentou problemas com as autoridades na Alemanha em março de 2013 por levar ilegalmente o animal ao país sem as vacinas e documentos necessários e, ao invés de providenciar o que foi solicitado, ele escolheu abandonar o macaco e teve de pagar pesadas multas por isso, conforme publicado pela ANDA.

Foto: DailyLife
Foto: DailyLife

A NAPSA emitiu uma declaração instando Bieber a repensar a sua decisão, uma vez que ele não é capaz de prover o cuidado adequado ao animal, conforme reportado pela Vanity Fair.

“Por favor não repita a iniciativa. Simplesmente não é possível atender às necessidades de um macaco dentro de uma casa particular…Isso se provará perigoso a você e ao animal, bem como se mostrará como atitude irresponsável diante do seu público”, diz a organização no documento.

O macaco Mally não foi o primeiro e nem o último animal a ser abandonado pelo cantor. Em 2012, ele foi acusado de ato de crueldade ao presentear uma fã com o seu hamster na saída de um show na Califórnia, e em 2014, ele abandonou sua cachorra Karma com um treinador no Canadá. Com relação ao assunto, na época, ele irresponsavelmente declarou que “Isso é tipo levar a sua filha para a escola e não voltar para buscá-la”.

​Read More
Notícias

Justin Bieber abandona cachorrinha no Canadá

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Mais uma polêmica para a longa lista de Justin Bieber. O astro teen abandonou um filhote de bulldog, a sua cachorrinha Karma, diz o jornal The Sun. Segundo a publicação, o cantor deixou Karma com um treinador em Ontario, no Canadá, em fevereiro e, desde então, nunca foi buscá-la.

Em entrevista ao The Sun, o treinador Trevor Dvernichuk revelou que está com a cachorrinha há meses.

“Isso é tipo levar a sua filha para a escola e não voltar para buscá-la”.

Trevor disse que o pai de Bieber, Jeremy Bieber, pediu para que ele ficasse com Karma por algumas semanas para treiná-la antes de mandá-la para os Estados Unidos. No entanto, o astro teen não voltou para buscá-la e também não retornou as ligações do treinador.

Além disso, Justin Bieber também não pagou pelos serviços de Trevor.

O astro teen ganhou Karma em dezembro de 2013 e foram os fãs dele que escolheram o nome da cachorrinha.

Karma é o terceiro animal que Bieber “se desfaz”.

No Natal de 2012, Justin Bieber deu seu hamster Pac para uma fã durante o show Jingle Bell, pedindo para que ela cuidasse dele. Infelizmente, em março de 2013, o animal morreu.

Em junho do ano passado, o macaco de Bieber foi apreendido na Alemanha, já que o cantor não tinha os documentos necessários de vacinação para transportar o animal com ele.

O animal ficou em Munique à espera do cantor, que deveria voltar com os documentos necessários para levá-lo para casa. Justin Bieber não cumpriu o prazo estabelecido pelas autoridades alemãs e, atualmente, o macaco mora em um abrigo na Alemanha.

Fonte: R7

​Read More
Notícias

Justin Bieber paga multa por abandonar macaco na Alemanha

bieber

Justin Bieber finalmente pagou a conta por abandonar seu macaco. O cantor enfrentou problemas com as autoridades na Alemanha em março do ano passo por levar ilegalmente o animal, Mally, ao país sem os papéis necessários ou vacinas, e, ao invés de providenciar os documentos solicitados, ele escolheu deixar o macaco para trás.

A Agência Germânica de Conservação da Natureza diz que o cantor finalmente pagou os US$ 10,7 mil (R$ 22 mil) na última semana, que irão cobrir os custos pelo macaco ter vivido em um abrigo pelos últimos 17 meses, como também sua importação.

Fonte: O Fuxico

​Read More
Notícias

Justin Bieber deve $1.500 por cuidados com macaco que foi abandonado na Alemanhã

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O cantor Justin Bieber está, novamente, recebendo críticas dos protetores e militantes pela causa animal. Como se não bastassem todos os problemas que acarretaram a tutela do macaco Mally, que foi apreendido na Alemanha durante uma viagem de Bieber, o cantor passou a dever $1.500 ao zoológico alemão para onde Mally foi enviado, graças ao descaso do artista.

Durante a passagem de Justin pela Alemanha, o macaco foi apreendido por autoridades da alfândega, que alegaram que Justin não tinha a documentação necessária. Desde então, o cantor não teve nenhum contato com o pequeno animal.

Na tarde desta terça-feira (30), o site News Briefs divulgou uma nota sobre o assunto, apresentando novas informações sobre o caso.

As autoridades alemãs postaram uma nota oficial pedindo que Justin Bieber entre em contato com eles, tudo devido a uma fatura que ficou pendente, com despesas do seu ex-macaco, OG Mally. Bieber não conseguiu adquirir a vacina necessária e documentos de importação para o macaco, quando ele chegou no local para uma turnê pela Europa, em março.

Mally tornou-se “propriedade do governo alemão” em maio, quando o cantor canadense deixou de reivindicar o animal. Um porta voz da Agência Federal diz que Bieber tem uma semana para pagar € 1.130 ($1.500) pelos cuidados com o macaco. Franz Boehmer disse nesta terça-feira que, caso contrário, os funcionários aduaneiros “têm maneiras de fazê-lo pagar” da próxima vez que ele entrar na Alemanha.

Com informações de EW

Nota da Redação: Por uma grande e lamentável  irresponsabilidade humana, este macaco-prego foi arrancado de sua vida em liberdade para ser tratado como “pet”, e depois abandonado, acabando preso em um zoológico, onde viverá uma vida muito diferente da que poderia viver se estivesse livre na natureza. Justin Bieber deu um péssimo exemplo à sociedade.

​Read More
Notícias

ONG premia artistas que mais se destacaram na defesa dos direitos animais

Justin Bieber é um dos indicados (Foto: Reprodução/Midiacon)

A organização não governamental, People for the Ethical Treatment of Animals (PETA), em português: Pessoas pelo Tratamento Ético dos Animais, está oferecendo troféus para celebridades como Justin Bieber, Ke$sha e a estrela de “Glee” , Lea Michele, no PETA 2 6TH Annual Libby Awards 2011 deste ano, por seus esforços em prol dos direitos animais.

Justin Bieber, que apareceu em uma campanha para a organização no início do ano, usando frases de efeito, como: “Meu mundo inclui paixão pelos animais… ” e “Animais podem fazer seu sorriso. Adote o seu em um abrigo local”, está concorrendo junto com seus colegas pop star’s, Kesha e os rappers k-os e Waka Flocka Flame, na categoria de artista mais “Animal-Friendly Pop/Hip-Hop”. Kesha apareceu em uma campanha de anúncios contra a matança de focas canadenses.

“Todos os nossos candidatos trabalharam duro para focarem os holofotes para uma variedade de questões animais importantes”, disse Marta Holmberg, gerente da organização, sobre os indicados. “Como as nossas estrelas têm conseguido demonstrar, a compaixão não é apenas uma virtude – é também um caminho para o sucesso”, concluiu.

Os vencedores serão eleitos pelo PETA com base em fatores como: o número de votos recebidos, o entusiasmo dos candidatos em serem amigos dos animais, e comentários de fãs dos candidatos.

A votação já foi encerrada e o resultado do “Libby Awards” será divulgado dia 17 de janeiro de 2012.

Com informações do Top TVZ

​Read More
Notícias

Justin Bieber e Selena Gomez adotam filhote de cachorro em abrigo do Canadá

Casal declarou seu amor pelos animais (Foto: Reprodução)

Na última sexta-feira (21), Selena Gomez e Justin Bieber adotaram um filhote de cachorro da raça husky em um Centro de Resgate de Animais localizado em Winnipeg, no Canadá.

Um voluntário do abrigo contou os detalhes sobre o processo ao site HollywoodLife: “Eles vieram aqui e ficaram mais de uma hora brincando com os cachorros, depois manifestaram interesse em adotar um dos cães. Ambos foram amigáveis e tinham noção da responsabilidade de cuidar de um animal”.

“Deu para perceber que eles são amantes de animais e fico feliz por terem tomado a decisão de adotar um filhote e não ter comprado um em uma loja. Justin e Selena são adolescentes incríveis”, completou.

Em entrevista recente ao jornal The Herald Bellingham, Selena falou muito sobre a adoração que tem por cachorros. “Eu tenho cinco cães: dois encontrei abandonados em um estacionamento, outros dois foram deixados na rua por um vizinho. Enquanto eu estava gravando o filme Os Feiticeiros de Waverly Place em Porto Rico, vi um filhote ser atropelado na minha frente. Eu o levei ao veterinário e agora ele mora na minha casa. São todos muito mimados”.

Com informações do Vírgula

​Read More