Notícias

Baleias encalhadas são devolvidas ao mar no Chile

Quinze baleias encalharam em uma praia da cidade chilena de Iquique mas foram devolvidas ao mar por 300 voluntários que trabalharam durante várias horas, informou a imprensa local.

Três delas, no entanto, apareceram mortas horas mais tarde, apesar dos esforços dos voluntários e militares. Segundo alguns analistas, os cetáceos vivem em mar aberto, a cem milhas do litoral, e podem ter encalhado na costa à procura de alimentos, principalmente pequenos peixes e lulas.

As baleias foram avistadas na Praia Brava, em Iquique, à meia-noite do domingo passado e os trabalhos de resgate se prolongaram durante toda a madrugada da segunda-feira, enquanto dezenas de pessoas se preocupavam em jogar água sobre os cetáceos para mantê-los úmidos.

Estes animais podem chegar a medir 5 metros de comprimento e alcançar uma tonelada de peso, mas os exemplares encalhados em Iquique mediam cerca de 2,5 metros e pesavam 300 quilos.

Fonte: Terra


​Read More
Home [Destaque N2], Notícias

Pacífico mais quente pode ter matado 200 leões-marinhos

Foto: Reprodução/Jornal DIA DIA
Foto: Reprodução/Jornal DIA DIA

Mais de 200 leões-marinhos apareceram mortos neste fim de semana na região de Punta Patache, a 1.700 quilômetros do norte de Santiago, Chile. A área fica nas cercanias do porto de Iquique.

Segundo o governo chileno, o fenômeno El Niño – aquecimento cíclico natural das águas superficiais do oceano Pacífico – pode ser o responsável pelo desequilíbrio ecológico no país. Grande parte dos animais mortos são filhotes.

Provavelmente, por causa das águas mais quentes, as mães das crias tiveram que ficar mais tempo no mar atrás de comida. A vida marinha costuma fugir do calor. Os jovens leões-marinhos, portanto, podem ter morrido de fome.

Grupos ambientalistas regionais apontam uma outra possível causa para o desequilíbrio: a poluição. No local, existe uma indústria de molibdênio, uma termoelétrica e algumas mineradoras.

No ano passado, por causa também do aumento anormal da temperatura das águas do Atlântico, ocorreu uma migração inédita de pinguins pela costa do Brasil. Os cientistas associaram o fenômeno diretamente ao aquecimento global.

Fonte: Jornal DIA DIA

​Read More