Notícias

Iogurtes vegetais podem superar iogurtes lácteos a partir de 2025

Cresce o número de opções de iogurtes não lácteos na América do Norte (Acervo: What I Vegan)

Um relatório divulgado esta semana pela Data Bridge Market Research (DBMR), uma das maiores firmas de pesquisa global de mercado, que atende 500 companhias do mundo todo, informa que os iogurtes à base de vegetais podem superar os iogurtes lácteos a partir de 2025, pelo menos na América do Norte. A DBMR considera em proporcionalidade a queda no consumo de laticínios e o crescimento da procura e da oferta por alternativas baseadas em vegetais.

Segundo o relatório, o que tem favorecido o crescimento do mercado de iogurtes não lácteos, e deve favorecer mais ainda, é o aumento do número de pessoas intolerantes à lactose, de consumidores se abstendo do consumo de laticínios por questões de saúde e o crescimento do veganismo.

Na América do Norte, atualmente o mercado de iogurtes sem laticínios se baseia em matérias-primas como amêndoas, coco, soja, aveia, arroz, cânhamo, castanha-de-caju e linhaça, entre outras. Até 2025, a maior participação no mercado de iogurtes deve ser do iogurte baseado em amêndoas, prevê o relatório.

Entre os sabores de iogurtes não lácteos mais comercializados hoje em dia estão o natural, baunilha, morango, mirtilo, manga, framboesa e pêssego. Além disso, novas opções de sabores estão surgindo a cada ano. Por enquanto o único desafio tem sido o considerável preço flutuante das matérias-primas. Ainda assim, a DBMR qualifica esse mercado como uma grande oportunidade para quem mira o futuro.

Fonte: Vegazeta

​Read More