Notícias

Cachorro entra em delegacia para pedir ajuda após se perder

Reprodução | Facebook

Um belo e sociável cãozinho se perdeu de seus tutores e decidiu entrar em uma delegacia para pedir ajuda. O caso aconteceu em Odessa, no Texas (EUA). O momento inusitado foi registrado e compartilhado pela equipe da delegacia em uma página de humor no dia 12 de fevereiro e rapidamente viralizou em todo o mundo.

Assim que chegou na delegacia, o esperto cachorro ficou sob duas patinhas com as mãos apoiadas no balcão, aguardando atendimento. Ansioso, ele claramente queria dizer algo. Agitado, ele recebeu atenção da equipe da delegacia, mas ninguém entendia o que ele desejava. Então, o cachorrinho resolveu ir embora.

Reprodução | Facebook

Segundo a postagem na página Facebook Support Our Permian Basin Police Officers: “Este rapaz feliz entrou na recepção do Departamento de Polícia na noite passada. Pensamos inicialmente que ele queria candidatar-se a uma alguma vaga de trabalho. Demos-lhe bastante amor e atenção até que ele decidiu que era hora de ir embora”, disse.

Policiais foram em busca do cachorrinho, mas descobriram que ele já tinha reencontrado seu tutor e se chamava Chico. Os policiais disseram nas redes sociais que ficaram muito felizes de saber que o cachorro retornou para sua família e afirmam que ele é bem-vindo para visitar seus novos amigos na delegacia sempre que quiser.

Reprodução | Facebook

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

​Read More
Notícias

Hipopótamo surpreende clientes ao aparecer em um posto de gasolina

O proprietário da posto, Anel Snyman, disse que, apesar do episódio ser surpreendente, a região é um local que possui muitos hipopótamos


Marie Stubbe/Magnus News

Recentemente, um hipopótamo surpreendeu alguns motoristas quando apareceu à noite em um posto de gasolina na África do Sul. Em um vídeo gravado no dia 23/02, o animal foi visto se aproximando do movimentado pátio do posto Engen, em Santa Lúcia.

Os clientes que estavam no local ficaram impressionados enquanto assistiam o animal passando pelas fileiras de bombas de gasolina. O proprietário do posto, Anel Snyman, disse que, apesar do episódio ser surpreendente, a região é um local que possui muitos hipopótamos.

Snyman disse ao Daily Mail (24): “Isso é bastante normal em Santa Lúcia, especialmente nas ruas mais afastadas da estrada principal. Os hipopótamos realmente andam por aí e cuidam de seus próprios assuntos”, disse ele, brincando.

Confira o vídeo do momento:


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

​Read More
Notícias

Bezerro criado com cães passa a se comportar como cachorro

O bezerro brinca com os filhotes de cachorro como se fosse um deles, dorme de maneira semelhante e abana o rabo


Um bezerro órfão adotado por uma família australiana passou a se comportar como um cachorro devido à convivência com os cães da família.

© Facebook/ Von Rhys Kennels German Shepherd Breeders

Buddy, como é chamado o bezerro, tinha apenas um dia de vida quando foi adotado por Coral e Wayne Algie. A adoção foi realizada após a mãe do filhote ficar presa em uma represa em New South Wales, na Austrália.

Desde que foi adotado, Buddy tem sido criado com filhotes de cachorro de Bada, uma cadela tutelada pelo casal que, segundo o jornal Mirror, trata o bezerro como seu filho.

Com seis semanas de vida, o bezerro aprendeu a brincar com os filhotes de cachorro, dormir de maneira semelhante aos cães e a abanar o rabo. As informações são do Notícias ao Minuto.

O tamanho de Buddy, no entanto, impede que ele durma dentro de casa. Por essa razão, o espaço para o descanso dele fica na varanda do imóvel do casal. Coral, no entanto, garante que ele vai ser sempre parte da família, “independentemente do tamanho que fique”.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
cachorro na corrida
Notícias

Cachorro decide participar de corrida e chega em primeiro lugar

Como os únicos dois competidores oficiais neste concurso de corridas, é de se esperar que um deles seria o vencedor da competição. Mas um adorável cachorro decidiu se juntar a eles na corrida e ainda chegou em primeiro lugar, conforme mostra o vídeo que repercutiu nas redes sociais.

cachorro na corrida
Foto: YouTube | Reprodução

O incidente divertido ocorreu no Concurso Nacional de Atletismo do Chile no ano passado. Não muito tempo depois da largada ter sido disparada para a corrida de 400 metros, um cachorro apareceu na pista ao lado dos dois velocistas, claramente ansioso para mostrar sua velocidade.

Não está claro de onde exatamente o cachorro veio, mas não há dúvida sobre o fato de ele ter alcançado a linha de chegada antes dos outros dois. Apesar de não ter sido registrado formalmente, todos os expectadores do evento sabem que o cão foi o grande vencedor da corrida.

​Read More
Notícias

Cachorra encontra e salva ouriço preso em ralo

Uma cachorra avistou um ouriço preso em um ralo, no quintal de sua família adotiva. Após a descoberta, ela correu até sua tutora e abanou o rabo animadamente, como se estivesse tentando dizer algo.

Lorna Back decidiu seguir a cachorra, chamada Rosie, e logo entendeu o que ela queria mostrar. Um ouriço caiu de cabeça no ralo do quintal e estava completamente preso. Back podia ver que o ouriço claramente precisava de ajuda, e então, contatou a RSPCA.

“O ouriço, que agora chamamos de Spike, não conseguia sair de jeito nenhum”, disse Herchy Boal, um inspetor da RSPCA, em um comunicado à imprensa.

Ouriço foi encontrado preso em ralo, com nível de água cada vez maior (Foto: RSPCA)

Boal avaliou a situação rapidamente quando chegou no local e tentou libertar o animal. Ele alcançou o buraco com luvas protetoras e tentou puxá-lo para fora. Entretanto, Spike estava incrivelmente assustado e estressado, o que tornou o resgate ainda mais desafiador.

“O buraco não era muito profundo, então consegui colocar a minha mão. Mas sempre que eu tentava, Spike naturalmente se enrolava em uma bola para se proteger”, disse Boal.

“Eu não consegui libertá-lo quando ele ficou grande demais para caber no buraco. Eu estava preocupado porque sabia que havia água no ralo e podia ouvir. Não queria que ele se afogasse, então eu estava tentando manter seu rosto longe da água”.

Boal realizou inúmeras tentativas para libertar Spike, incluindo usar uma corda de pular para levantá-lo um pouco e pegar o animal com mais facilidade. Mas só depois de 45 minutos o ouriço ficou cansado demais para se assustar e começou a relaxar e se desenrolar, e Boal conseguiu tirá-lo do buraco com segurança.

Depois de 45 minutos de tentativas, Spike foi resgatado (Foto: RSPCA)

Spike foi rapidamente levado ao Birmingham Animal Hospital da RSPCA para ser examinado de algum ferimento. Felizmente, ele parecia estar com boa saúde e deve ser libertado de volta à vida selvagem dentro de alguns dias.

Ouriço está sob cuidados médicos e logo será libertado na natureza (Foto: RSPCA)

“Foi um alívio, e foi graças a Rosie que ele foi encontrado em primeiro lugar”, disse Boal.

Quando conseguiram resgatar o animal, Rosie correu feliz pelo jardim. Se ela não tivesse encontrado Spike, a situação do ouriço pode ter tido um resultado muito diferente.

Heroína: Rosie avistou o ouriço e avisou sua tutora para que ela o ajudasse (Foto: RSPCA)

“Nós vamos brincar bastante com ela e dar também alguns petiscos caninos pelos seus esforços”, Lorna brinca.

​Read More
Histórias Felizes

Cadelinha rouba GoPro de tutor e corre com a câmera ligada em sua boca

Bonnie, uma pitbull, tornou-se sensação da internet depois que seus tutores publicaram um vídeo que mostra o animal brincando em torno de um jardim com uma câmera presa a uma raquete de ping pong muito bem apertada em sua mandíbula. Ovídeo foi gravado e publicado em Fort Smith, no estado de Arkansas, nos EUA.

Durante toda a gravação, é possível ver o seu tutor e colegas perseguindo o cachorro, tentando salvar a câmera. Mas a cadela corre muito, fugindo de todos. Mesmo com inúmeras reviravoltas, a simpática Bonnie continua a evitar a gangue atrás dela.

A filmagem humorística foi publicada pela primeira vez na página do Instagram do proprietário em 2016 e recentemente foi relembrada pelo mesmo, ao postá-la no Reddit quatro dias atrás por Carmenlightning, que escreveu: “A única razão pela qual temos uma GoPro”.

Reprodução | The Daily Mail

“Esta é Bonnie, nossa pequena e quase irritantemente perfeita pitty. Nós resgatamos e promovemos cães com freqüência e a encontramos faminta e abandonada. Ela percorreu um longo caminho e nunca olhou para trás. Nós amamos nossa pequena BonBon”, relata os tutores sobre a cadela em entrevista ao jornal britânico The Daily Mail.

Os usuários de mídia social se apaixonaram pelo cão, e agora muitos querem tentar o truque com seus próprios animais domésticos. “A única razão pela qual eu quero [uma GoPro] é colocá-la em meus animais”, dizia um dos comentários. “As pequenas piscadas do proprietário no fundo tentando recuperar o atraso estão me matando”, afirmava outro.

​Read More
Histórias Felizes

Homem descobre que raposa entregava jornais em sua casa todos os dias

Inexplicavelmente, um rapaz chamado James Eubanks, morador de uma cidadezinha no estado da Carolina do Norte, nos EUA, começou a receber jornais todos os dias em sua casa. Ele não havia feito nenhuma solicitação que se recordasse, e ficou extremamente intrigado com a situação – alguns dias era apenas um exemplar, em outros, cerca de 10 apareciam em seu quintal.

Como se as entregas de jornais não fossem malucas o suficiente, com o passar dos dias Eubanks passou a encontrar listas telefônicas junto. Até que um dia chegaram nove listas – muito mais do que ele precisaria, caso tivesse solicitado. Foi então que ele decidiu desvendar este mistério.

Reprodução | The Dodo

Para aprofundar a busca, era importante primeiro descobrir o que é que vinha acontecendo em seu quintal durante as noites e, para isso, ele instalou câmeras de vigilância com sensor de movimento. Dessa maneira, ele poderia pegar quem fosse que estivesse invadindo sua casa para deixar-lhe os jornais e listas em flagrante. “Mistério resolvido!” Eubanks exclamou em um post no Facebook.

Pela sua cabeça, passavam milhares de possibilidades, e ele conseguia criar diversas histórias para explicar aquela inusitada situação. Mas o que realmente acontecia, ele não estava esperando: quem passava em sua casa regularmente era uma raposa cinza – ou melhor, um grupo de raposas cinzentas.

Reprodução | The Dodo
Reprodução | The Dodo

“Sem as fotos, ninguém acreditaria nisso. Garanto a vocês”, disse Eubanks em uma entrevista concedida ao canal FOX 8 News de Winston-Salem. As imagens foram publicadas em seu perfil pessoal do Facebook, um pouco borradas, mas que mostravam exatamente a silhueta de uma raposa carregando sua última entrega.

Apesar de ter acalmado a sua curiosidade sobre quem era o indivíduo que passava diariamente pela sua casa, o rapaz acabou criando mais uma questão em sua cabeça. Como por exemplo, por que essas raposas continuavam trazendo jornais e listas telefônicas para James Eubanks?

Reprodução | The Dodo

Outra questão ainda mais intrigante é: de onde viriam aquelas entregas? E a única coisa que Eubanks consegue desejar é que ele não seja o único afetado por essas entregas indesejadas. Afinal, os documentos que as raposas levavam até ele, tiveram que vir de algum lugar, e neste lugar provavelmente existiam assinantes que aguardavam ansiosamente pelos produtos pedidos que nunca chegavam até lá.

De uma forma ou de outra, com a repercussão da notícia na mídia local, é bem provável que essa revelação trará alívio para um jornaleiro local que pode ou não estar recentemente desempregado, já que, ao nascer do sol, as suas entregas nunca estavam aonde deveriam estar.

​Read More
Histórias Felizes

Repórter é interrompido por cãozinho enquanto apresentava previsão do tempo em telejornal

Enquanto o jornalista norte-americano Khambrel Marshall apresentava a previsão do tempo da semana no canal de TV KPRC 2 em Houston, Texas, algo inesperado aconteceu. No meio da transmissão ao vivo, um cachorrinho decidiu aparecer na frente das câmeras, e fazer companhia para o repórter.

O filhote, chamado Angel, estava escalado para aparecer no próximo bloco. O tema abordado seria o abrigo de animais em que vivia, e o objetivo principal era encontrar um lar permanente para ele. Aparentemente, Angel ficou cansado de esperar pelo seu momento e resolveu entrar em cena antes da hora, virando o centro das atenções.

A compaixão e carinho presentes na maneira como Marshall lidou com a situação foram únicos: ele não só acariciou o animal como o segurou em seu colo e fez questão de apresentar o resto do bloco desta maneira. “Na próxima semana vai chover, mas isso não vai ajudar a te refrescar nem um pouquinho”, ele alertou o pequenino.

Era incontestável. Angel havia roubado o show. Transformou um boletim meteorológico de rotina em algo verdadeiramente adorável. “Essa é a coisa mais fofa de todas”, escreveu um espectador online. E muitos outros endossaram o coro.

Após a fofa interrupção, era a hora de Angel entrar em cena – ao menos de acordo com o que havia sido originalmente planejado. “Ele obviamente ama o clima – ou as pessoas do clima”, observou Marshall, antes de começar a falar sobre o funcionamento do abrigo e, principalmente, conhecer um pouco mais sobre o filhote.

Sem querer, o cãozinho acabou atraindo ainda mais atenção para ele – o vídeo acabou rodando a internet – e, com sorte, conseguirá muito em breve o que foi até o programa buscar: um novo lar.

​Read More
Notícias

Filhote de cervo fica preso de cabeça para baixo entre duas casas

Nesta segunda-feira, duas famílias vizinhas na Inglaterra se assustaram com um barulho estranho e repetitivo vindo do lado de fora de suas casas. Quando olharam pela janela, avistaram um filhote de cervo preso, de cabeça para baixo, entre as paredes que separavam os seus lares.

Reprodução | Express

Localizadas na cidade de Watford, parte do condado de Hertfordshire, as construções seguiam a arquitetura vitoriana, muito comum na região: bem próximas uma da outra, deixando um espaço de respiro de cerca de 10 cm – onde o animal ficou agarrado.

O som que ouviam de suas casas era o do pobre cervo se debatendo contra as paredes, enquanto se contorcia e lutava incansavelmente tentando se libertar. Eles resolveram então ligar para a Royal Society for the Prevention of Cruelty to Animals (RSPCA), organização sem fins lucrativos do Reino Unido que geralmente lida com situações difíceis de resgate de animais.

Quando Jaime Godfrey, inspetor da RSPCA, chegou ao local, mesmo com toda a experiência adquirida em anos de trabalho, ele achou a situação bastante inusitada. “Eu não tenho ideia de como ele conseguiu ficar assim de cabeça para baixo – foi bizarro”, disse em entrevista ao Express, jornal local.

O que não assustou o inspetor foi a espécie do animal. Cervos Muntjac são originários do sul da Ásia, mas eram animais domésticos muito populares nas épocas vitoriana e georgiana na Inglaterra. Uma pequena população selvagem continua na região depois que eles escaparam do palácio inglês Woburn Abbey, na década de 1920.

Reprodução | Express

Passado o momento de espanto, a equipe de resgate começou a trabalhar. “Olhando de cima para baixo para a estreita abertura, consegui usar uma pinça para agarrar com cuidado o cervo e ao poucos puxá-la para cima e para fora do espaço”, conta Godfrey.

Depois do resgate bem sucedido, a filhote de cervo foi analisada e, de acordo com o inspetor, ela sofreu algumas lesões externas e arranhões, mas milagrosamente não teve nenhum ferimento grave.

“Ela estava compreensivelmente extremamente angustiada e assustada, então decidi soltá-la o mais rápido possível”, diz o inspetor para explicar o motivo de ter soltado o pequeno cervo tão cedo. Logo depois de salva, ela foi levada para perto de Cassiobury Park, onde foi libertada.

“A melhor parte do trabalho é assistir os animais correndo para a natureza, onde eles pertencem, depois de uma situação tão estressante”, acrescenta Godfrey. “É uma ótima sensação saber que consegui salvar uma vida.”

A RSPCA é uma associação que existe no Reino Unido desde 1824, criada para promover o bem-estar dos animais. Desde então, ela investiga casos de abuso e exploração, participa de resgates, e busca lares temporários ou definitivos para animais. Já se expandiu para outras regiões e continentes.

​Read More
Histórias Felizes

Mulher se surpreende ao encontrar filhote de gato dentro de bolsa na rua

Uma moradora da cidade de Cardiff, no País de Gales, saiu para dar uma volta no bairro onde mora quando, no meio da rua, encontrou uma bolsa fechada caída no chão. A princípio, imaginou que fosse apenas isso, até que percebeu que o objeto estava se mexendo.

Reprodução | The Dodo

Foi então que ela abriu a bolsa para checar o que tinha lá dentro, e levou um susto: um filhote de gato estava no fundo dela. O fato dela estar fechada indicava que a pessoa que o colocou ali não queria que o animal escapasse daquela terrível situação.

Como ela não teria condições de criar o animal, levou-o até a RSPCA, organização responsável por cuidar de animais em situação de rua e encontrar lares adotivos para eles, para que o gatinho pudesse ter toda a ajuda que precisava – e também atendimento veterinário.

Reprodução | The Dodo

“Eu fiquei chocada e desanimada de que alguém considere aceitável tratar um gatinho de uma maneira tão cruel e perigosa”, disse Annie Simmonds, uma inspetora da RSPCA, em um comunicado à imprensa. “Ela deve ter ficado absolutamente aterrorizada“.

O filhote tinha apenas 20 semanas de vida quando foi abandonado à própria sorte, e depois de receber atendimento veterinário, a equipe da RSPCA constatou que estava tudo certo com a saúde dele.

Reprodução | The Dodo

Assim que ela percebeu que estava sendo bem cuidada, e começou a se sentir um pouco mais confortável ao redor das pessoas, a personalidade dela aflorou. Ela se mostrou uma gatinha muito doce e amigável, e até então tem se virado muito bem sob os cuidados dos profissionais da RSPCA.

Mesmo que as coisas agora tenham se acertado e a vida da gatinha tenha sido salva, todos os envolvidos com a situação ainda estão em choque com o ocorrido, e estão tentando entender o que aconteceu para que ela tenha sido abandonada para morrer em uma situação tão absurda.

​Read More
Notícias

Gata dá à luz filhotes embaixo da cama de homem que não era seu tutor

O cineasta britânico Paris Zarcilla não esperava se tornar tutor de gatinhos na última quarta-feira (30). Não porque sua gata não estivesse grávida, mas porque ele não tinha conhecimento de que o animal estava aninhado embaixo de sua cama.

A reação do homem foi muito espontânea e divertida. Ao encontrar os animais dentro de sua casa, ele detalhou minuciosamente tudo o que aconteceu no dia em sua conta no Twitter.

“Os instintos paternos estão aparecendo. Transbordando de sentimentos. Não sei como lidar com isso,” dizia em uma das postagens. “Cancelando todos os meus planos. Vou ficar embaixo da cama e passar o resto do dia com os meus quatro novos filhos. #newdad,” brincava em outra.

Zarcilla diz que não tem certeza sobre a origem da gata, mas tem especulações. Talvez seja uma gata da vizinhança, que tenha conseguido escapar e entrar em sua casa, que de vez em quando ele deixa destrancada, para ter os filhotes. O porquê de ela ter escolhido embaixo da sua cama como local perfeito para parir, continua sendo um mistério.

Para se certificar de que um possível tutor ou tutora da gatinha esteja a procura dela, ele planeja levá-la a uma clínica veterinária, para que chequem por um microchip, e possam descobrir se ela está ou não foragida.

Caso contrário, ele terá muito prazer em poder adotar todos os cinco animais. “Eu estou tão pronto para ser pai agora,” disse em entrevista ao portal The Dodo.

​Read More
Notícias

Cão vira protagonista de caso policial inusitado

Divugação
Divugação

Policiais do condado de Sonoma, na Califórnia (Estados Unidos), foram chamados a uma casa depois que o morador ouviu “barulhos estranho” no telhado, e se surpreenderam com o “culpado”: um cão da raça great dane.

O morador, de 18 anos, estava sozinho em casa quando fez o chamado. Os policias chegaram preparados para reagir a uma possível tentativa de assalto.

O jovem se trancou em um quarto da casa, com seus cães. Mas, ao chegar ao local, a polícia viu que o responsável pelo barulho era um dos cães da casa – que o tutor, assustado, não percebeu que estava desaparecido.

Os policiais relataram à imprensa local que eles “morreram de rir”. E aproveitaram para fotografar o cão, que estava olhando através de uma claraboia.

Divugação
Divugação

Fonte: Gazeta Web

​Read More