Notícias

Camaleões são expulsos de habitat por empreendimento imobiliário, no MA

O desaparecimento de uma área verde da Travessa dos Periquitos (Renascença 2), por conta da construção de um empreendimento imobiliário da Construtora Mota Machado, desalojou mais de duas dezenas de camaleões que habitavam as árvores daquele local.

Os animais – entre eles, algumas fêmeas prenhas – agora ocupam arbustos perto do muro de um condomínio. Eles correm risco de morte por estarem próximos da rua e por caminharem, às vezes, no muro, que tem uma cerca elétrica.

Vítimas do desmatamento de uma área verde, os camaleões agora vivem num arbusto, perto de um muro, correndo risco com a cerca elétrica. Foto: Júnior Foicinha/ JP

Preocupada com a sobrevivência dos camaleões, Synara Fagundes Almeida, 35 anos, que milita na defesa de animais, já procurou, por inúmeras vezes, o Instituto Brasileiro de Recursos Naturais e Renováveis (Ibama), que não tomou nenhuma atitude.

“A ação irresponsável da construtora que, de forma impiedosa, não cuidou do remanejamento dos animais, agora os mantém em local totalmente impróprio à sua sobrevivência. O pior é que existem algumas fêmeas prenhas, que se não forem colocadas em habitat adequado, provavelmente morrerão”, disse Synara.

Foto: Júnior Foicinha/ JP

 

Foto: Júnior Foicinha/ JP

Fonte: Jornal Pequeno

Nota da Redação: Na Amazônia e no Região Nordeste do Brasil, o lagarto conhecido como iguana (Iguana iguana) é por vezes chamado de camaleão, embora pertença a uma família diferente (família Iguanidae). Fonte: Wikipedia.

​Read More