Notícias

Atleta vegana quebra recorde mundial de resistência muscular em prancha abdominal

A atleta vegana, Dana Glowacka, quebrou o recorde mundial feminino de tempo (resistência muscular) realizando a mais longa permanencia em uma prancha abdominal até hoje.

Glowacka, que ficou em segundo lugar no Desafio Internacional de Prancha da Copa do Mundo em Pequim, em 2016, conseguiu manter a posição na prancha por surpreendentes quatro horas e 20 minutos.

Gratidão

“Estou muito grata. Realmente, se você colocar todo o seu empenho em algo que você acredita, você vai conseguir realizar isso! Obrigada”, ela escreveu no Instagram.

“Eu tenho treinado por quatro anos com George Hood. Quatro anos com quatro horas e 20 minutos terminados. Isso leva a mente a manter o corpo em pé”.

Glowacka, que pratica Ashtanga e Yin -Yoga há anos para ajudar no equilíbrio, foi convidada pela empresa de vestuário vegana, Plantpump, independente de ela ser ou não vegana.

“Sim, eu sou uma atleta vegana. Spirulina [está] no meu sangue”, ela respondeu.

Titulares do recorde mundial

Glowacka não é a única atleta vegano a competir pelo título de recordista mundial. No ano passado, a icônica maratonista Fiona Oakes marcou seu quarto Recorde Mundial do Guinness.

A mais recente conquista de Oakes foi para a “Meia Maratona mais rápida em uma fantasia de animal (feminino)”, que ela completou em junho passado.
Depois que seu recorde foi aprovado, Oaks dedicou a honra ao “Poder Vegano” – afirmando que era “para os animais, as pessoas e o planeta”.

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

​Read More
Notícias

Gatinho é resgatado em alto mar após ficar horas à deriva

Divulgação
Divulgação

Um gatinho passou por momentos de desespero ao cair em alto mar, em Istambul, na Turquia. Após passar horas à deriva, o gato foi salvo da morte por um grupo de trabalhadores. Ele já aparentava cansaço e estava sendo rodeado por gaivotas. Não há informações sobre como o bichano foi parar na água.

Os trabalhadores relatam que o animal de assustou com o barulho do barco e tentou fugir. O grupo, então, resgatou o animal em uma rede, mas ele consegue fugir. Após várias tentativas, a equipe consegue resgatá-lo e o animal sobe no barco pela correia utilizada para recolher detritos flutuantes no oceano.

Fonte: Jornal de Brasília

​Read More