Notícias

ONG resgata 40 cães explorados para a venda em canil clandestino no PR

Foto: ONG Salvando Vidas/Divulgação

Uma operação conjunta entre a Guarda Municipal, a Prefeitura de Sarandi, no Paraná, e a ONG Salvando Vidas promoveu o resgate de 40 cachorros de raça explorados para venda. Os animais foram encontrados na terça-feira (29) nos fundos de uma casa, em um canil clandestino.

A força-tarefa criada para o resgate dos cães levou mais de quatro horas para retirar todos os animais do local. Seis veículos foram usados no transporte dos cachorros.

Apesar de não terem sido constatados maus-tratos, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente informou ao G1 que o local não tinha alvará de funcionamento e, portanto, funcionava na clandestinidade.

Tratados como objetos lucrativos, as fêmeas eram exploradas para dar à luz filhotes objetificados e vistos como mercadorias. O canil clandestino, que funcionava em um imóvel no bairro Jardim Novo Panorama, foi descoberto após denúncias anônimas.

De acordo com a prefeitura, um casal e uma idosa de 82 anos moram na residência, onde também vivia um papagaio, aprisionado ilegalmente em cativeiro. A idosa era a responsável pelos cuidados dos animais na maior parte do tempo.

Resgatados, os cachorros foram levados para o abrigo da entidade de proteção animal, onde permanecerão até que a Justiça decida o destino deles. Enquanto a decisão judicial não for expedida, a ONG não poderá disponibilizar os cães para adoção. O destino do papagaio não foi informado.

Atualmente, a Salvando Vidas abriga 105 cachorros. Para mantê-los, a associação pede a colaboração da sociedade. Para doar ração, remédio, dinheiro ou outros itens necessários aos animais basta entrar em contato com os voluntários através do telefone (44) 99954- 6950 ou pelas redes sociais.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Concurso da Guarda Municipal de Rio Claro (SP) prevê equipe de proteção animal

O edital do concurso prevê treinamento para a equipe que atuará no combate a maus-tratos a animais


A Prefeitura de Rio Claro, no interior de São Paulo, vai realizar um concurso para a Guarda Civil Municipal (GCM) que prevê uma equipe para o combate a maus-tratos a animais. Serão disponibilizadas 50 vagas.

Pixabay/julianoreishippie

A proposta é que os profissionais tenham uma viatura específica para a proteção animal e que eles não só fiscalizem, como punam casos de maus-tratos. As informações são do portal Cidade Azul Notícias.

“Com o efetivo atual da guarda não temos condições de ter esse serviço, mas com o acréscimo de mais 50 guardas poderemos oferecer à população mais esse atendimento para atender ocorrências e dar suporte aos protetores e ONGs que recebem denúncias desse tipo”, explica o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.

O prefeito lembra ainda medidas adotadas pelo município nos últimos anos que beneficiam os animais. “Conseguimos criar um código de proteção e defesa dos animais que foi um grande ganho para a cidade, e em breve vamos inaugurar um gatil e um abrigo para animais de grande porte, e estamos trabalhando para avançar ainda mais na causa animal”, afirma.

A equipe que atuará no combate aos maus-tratos a animais deve receber treinamento para conhecer as leis e normas que regem os direitos animais.

Em 2019, uma lei que protege os animais foi sancionada em Rio Claro. A medida estabelece multa de até R$ 8 mil para maus-tratos. Há ainda uma legislação federal que prevê detenção de três meses para crimes do tipo, além de multa. A pena pode aumentar caso o animal morra.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Guarda Municipal resgata mais de 100 ovos de tartaruga em praia na Bahia

Este é o segundo resgate de ovos de tartaruga marinha realizados em janeiro na região. Mais de 300 ovos foram resgatados


Uma equipe do Grupo Especial de Proteção Ambiental (GEPA) da Guarda Civil Municipal de Salvador, na Bahia, resgatou mais de 100 ovos de tartaruga na praia de Patamares no sábado (25).

Foto: Divulgação/Guarda Civil Municipal

O resgate ocorreu após pessoas que passavam pelo local avistarem uma tartaruga desovando na praia e acionarem os guardas. As informações são do G1.

O local não é comum para desova de tartarugas, que costumam deixar os ovos com mais frequência no Litoral Norte da Bahia.

Robson Pires, supervisor da GEPA, afirmou ao G1 que este é o segundo resgate de ovos de tartaruga marinha realizados pela equipe em janeiro. Mais de 300 ovos foram resgatados.

As equipes são treinadas pelo Projeto Tamar, que monitora as tartarugas e soltou 40 milhões de animais da espécie na natureza em 2019.

O trabalho de resgate de ovos implica em técnica, paciência e disciplina, segundo Pires, já que eles são bastante delicados.

Os ovos ficaram sob a responsabilidade do Tamar, que irá levá-los para local apropriado e seguro.

Em casos semelhantes a este, a população de Salvador pode acionar a Guarda Civil Municipal através do telefone 71.3202-5312.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Homem é detido pela Guarda Municipal após atirar em cachorro no Paraná

Um homem, que não teve a identidade revelada, foi detido pela Guarda Civil Municipal (GCM) na última segunda-feira (15) no Jardim Monte Carlo, em Ponta Grossa, no Paraná, sob a suspeita de ter atirado em um cachorro com uma espingarda de pressão. A arma foi apreendida pelos guardas.

(Foto: Reprodução / A Rede / COP)

Moradores da região denunciaram o caso de maus-tratos ao cachorro e acionaram a GCM. O cão foi encaminhado para uma clínica veterinária particular com uma bala de chumbinho alojada no corpo. As informações são do portal A Rede.

O acusado foi levado para a delegacia de Polícia Civil, para onde também foi encaminhada a espingarda e dezenas de chumbinhos utilizados como munição para a arma.

Maltratar animais é crime previsto na Lei de Crimes Ambientais e tem como punição três meses a um ano de detenção, além de multa.

​Read More
Notícias

Vídeo: guarda municipal chuta cão e agride homem em situação de rua

Um guarda municipal da cidade de São Vicente, no litoral de São Paulo, foi flagrado agredindo um cachorro e um homem em situação de rua em plena luz do dia. As agressões ocorreram na Praça de 22 de Janeiro, no Centro, e foram registradas por uma testemunha que mora em um dos prédios da região.

Guarda agride cachorro e homem em situação de rua (Foto: Reprodução/G1)

Nas imagens (veja abaixo), foi registrado o momento em que o guarda municipal se aproxima de pessoas em situação e rua que estão deitadas, dormindo, no chão. Ele começa a acordá-las quando decide chutar um cachorro que estava no local. Em seguida, ele pisa na mão de um dos homens. Neste momento, mais um guarda se aproxima, enquanto o outro puxa com truculência o homem em situação de rua, arrastando-o para fora da área do vídeo.

O autor da filmagem, que não quis se identificar, diz que os casos de agressão por parte dos guardas são frequentes. “Na hora em que comecei a gravar o vídeo, já sabia que eles iriam fazer isso ou algo parecido. É desumano”, desabafa.

O uso de armas de fogo dentro e fora do trabalho dos guardas, autorizado por habeas corpus em 2016 pelo Tribunal de Justiça de São Paulo, fez com que a truculência dos guardas aumentasse, segundo o munícipe, que mora na região há dez anos. As informações são do portal G1.

“Acho que isso sobe na cabeça deles. Independente de serem moradores de rua, são seres humanos, iguais a gente. Temos que ter amor ao próximo. Alguns deles [guardas] trabalham no canil. Como chutam um cachorro? Não é certo”, afirma.

O rapaz, que publicou o vídeo em rede social, afirma temer, agora, represálias. “Eles estão sempre em uma base móvel, na Praça 22. Meu sentimento é de indignação e revolta. Minha tia é policial militar e disse que é perigoso agir assim com uma arma na mão. Eu sei porque vejo o preparo dela, que é diferente. Agora, depois do vídeo, eles ficam olhando em direção à janela. Tenho medo”, relata.

A Prefeitura de São Vicente, por meio da Guarda Civil Municipal, alegou ter enviado o caso para análise da corregedoria da GCM.

Confira o vídeo abaixo:

​Read More
Notícias

Cão é resgatado após ficar preso em bueiro em Botucatu (SP)

Um cão foi salvo por guardas municipais, nesta terça-feira (18), após ter ficado preso em um bueiro no bairro Arlindo Durant, em Botucatu, São Paulo.

Guardas Municipais socorreram o cão em perigo
Cão foi resgatado por guardas municipais (Foto: Divulgação / Guarda Municipal de Botucatu)

Agentes da Guarda Municipal faziam o patrulhamento da região quando moradores avisaram sobre a situação do cão. Ao chegarem no local, viram o animal com a maior parte do corpo dentro do bueiro. O cãozinho estava muito debilitado e com muito frio.

Após socorrerem o animal, os agentes acionaram a Unidade de Vigilância de Zoonoses, que levou o cão para receber atendimento veterinário. Felizmente, o cãozinho está se recuperando rapidamente.

Cão foi abrigado pelo canil municipal
Cão está se recuperando em canil municipal à espera de adotantes (Foto: Divulgação / Canil Municipal)

O animalzinho idoso está se recuperando e deve ficar de observação nos próximos dias, segundo o canil municipal.

​Read More
Notícias

Tartaruga é resgatada após ficar presa em rede em santuário em SP

Uma tartaruga foi salva nesta quinta-feira (15) após ter ficado presa em uma rede colocada em um santuário ambiente em São Vicente, no litoral de São Paulo.

Tartaruga em barco após resgate
Guardas Municipais salvaram a tartaruga (Foto: César Morgado/Prefeitura de São Vicente)

Durante um patrulhamento, guardas municipais encontraram o objeto no local. Ao tentarem retirar a rede da zona de preservação, os guardas notaram a presença de uma tartaruga enroscada no objeto. Eles, então, resgataram o animal e o levaram imediatamente para receber atendimento de biólogos no centro de recuperação Aiuká.

“Ela parece estar bem. Nós não conseguimos identificar se é macho ou fêmea, mas vimos que ela parece estar saudável. Apenas cansada por conta do incidente”, explica a bióloga Carolina Galvão.

A Guarda Municipal segue investigando o barco responsável pela soltura da rede no local de proteção ambiental.

​Read More
Notícias

Cão que foi quase enterrado vivo é adotado Guarda Municipal, em SP

Por Sophia Portes / Redação ANDA (Agência de Notícias de Direitos Animais)

Cão que foi agredido agora é “mascote” da Guarda (Foto: Guarda Municipal/Divulgação)

Um cãozinho sem raça definida de São Manuel, em São Paulo, foi encontrado embrulhado em um pano dentro de um balde após ser espancado com um pedaço de madeira e quase ser enterrado vivo pelo próprio tutor. Ele agora vive uma vida feliz, após ser adotado pela Guarda Municipal, que o salvou.

Por conta de sua história os guardas apelidaram o cãozinho de Milagre, agora “mascote” da corporação. “Por tudo que aconteceu, o cara espancou ele com um pedaço de pau. Perto do que sofreu e vinha sofrendo foi um milagre ele ter sobrevivido. Agora todo mundo que vem aqui pergunta dele, quer saber como ele está”, conta o subcomandante da Guarda Wagner Augusto de Camargo ao G1.

A Guarda Municipal foi acionada por vizinhos do agressor e tutor do animal, que viram quando ele batia no cão dentro de casa. O animal, que estava quase morto, foi socorrido e levado ao veterinário. Deram água, comida e o mais importante de tudo: amor.

Milagre está recebendo atendimento veterinário intensivo, pois além das sequelas do espancamento, ele também está sofrendo de doença do carrapato.

Tutor agredia animal a pauladas (Foto: Guarda Municipal/Divulgação)

Segundo a Guarda, quando encontraram o animal ele estava embrulhado em um pano dentro de um balde, pronto para ser enterrado no quintal. Ainda de acordo com a Corporação, o suspeito, de 35 anos, disse que espancou o animal porque ele estava com carrapatos e com sarna, e por isso iria sacrificá-lo a pauladas. O criminoso foi encaminhado à delegacia e vai responder em liberdade por crime de maus-tratos.

Cão estava embrulhado dentro de balde, prestes a ser enterrado vivo, quando a Guarda o resgatou (Foto: Integração FM/Divulgação)

 

​Read More
Notícias

Guarda Municipal de Salvador (BA) resgata mais de 900 animais silvestres em um ano

Divulgação

No último ano,  agentes do GEPA  (Grupo Especial de Proteção Ambiental), da Guarda Civil Municipal de Salvador, realizaram mais de 900 resgates a animais silvestres. Em 2015, 755 animais foram resgatados. Entre as espécies salvas estão raposas, jacarés, tartarugas, cobras, corujas, gaviões, tamanduás, ouriços, bichos-preguiça, micos e iguanas.

Na quinta-feira (26), a guarda foi acionada para resgatar uma jiboia de aproximadamente 1,60 metro, numa residência localizada em Brotas. No ano passado, foram resgatadas 43 espécies diferentes de animais. Já em 2016, o número subiu para 55 espécies.

Os animais silvestres resgatados são encaminhados para o Centro de Triagem de Animais Silvestres do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), localizado rua Fernando Pedreira, na Estrada das Barreiras, no bairro do Cabula.

Já as espécies de tartarugas salvas são encaminhadas para o Projeto Tamar, nas unidades de Arembepe ou Praia do Forte. Caso o cidadão encontre alguma espécie silvestre fora do habitat, o indivíduo deve tentar evitar pegar o animal. A recomendação é que as pessoas acionem a Guarda Civil através da Central de Operações no telefone (71) 3202-5312.

Fonte: R7

 

​Read More
Notícias

Guarda Municipal resgata cachorros vítimas de maus-tratos em Apucarana (PR)

07
Divulgação

A Guarda Municipal resgatou dois cachorros vítimas de maus-tratos na manhã desta quarta-feira (13), em Apucarana (a 63 quilômetros de Maringá). Os animais foram encontrados em uma residência bastante suja, localizada na Rua René Camargo Azambuja.

Uma denúncia chegou até a Guarda Municipal dando conta que no endereço havia maus-tratos a animais. Uma equipe foi até o imóvel e confirmou a acusação, com o achado de um cachorro com a coleira presa diretamente à pele do corpo, onde havia um machucado.

Divulgação
Divulgação

Dentro do imóvel estava um segundo cão, este com muita sarna. A porta do local estava com diversos vidros quebrados e as equipes conseguiram alcançá-lo para fazer o resgate. Os dois serão levados ao Canil Municipal para atendimento veterinário.

Segundo vizinhos, uma senhora nipônica mora na casa, mas ninguém se encontrava no momento. As equipes de atendimento da ocorrência ficaram chocadas com a quantidade de sujeira no local, onde há também ratos, morcegos e larvas do mosquito transmissor da dengue.

Uma equipe da Vigilância Sanitária deve comparecer à residência para fiscalização e autuação da moradora. Além disso, ela deve responder criminalmente pelos maus-tratos.

08
Divulgação
Divulgação
Divulgação

Fonte: Massa News

​Read More
Notícias

Guarda Municipal resgata duas cobras nos bairros Gávea e na Prainha, no Rio de Janeiro

00
Divulgação

Guardas municipais realizaram o resgate de duas cobras, em dois dias, nas regiões Sul e Oeste da cidade. Uma das cobras, resgatada nesta quarta-feira (6), por guardas do 2º Grupamento Especial de Praia (2º GEP), na Prainha, tem aproximadamente um metro de comprimento e estava com ferimento na cauda. Ela foi encontrada durante patrulhamento de rotina na área externa do estacionamento. Após o resgate, os GMs acionaram guardas do Grupamento de Defesa Ambiental (GDA) para que o animal fosse conduzido até unidade veterinária para receber atendimento.

O segundo resgate foi de uma jiboia de cerca de dois metros, que aconteceu na terça-feira (5), em casa localizada no Alto da Gávea, altura da rua Osório Duque Estrada. O resgate foi realizado por guardas da Patrulha Ambiental – parceria da Guarda Municipal e da Secretaria de Meio Ambiente – após solicitação do morador, feita pela Central 1746. Como não apresentava ferimentos ou sinais de debilitação, a cobra foi levada até o Parque Marapendi, onde foi realizada a soltura.

A Guarda Municipal orienta a população a acionar a Patrulha Ambiental ao flagrar animais silvestres em área urbana na cidade do Rio ou em qualquer situação de risco fora do seu habitat, para um resgate seguro. Os agentes podem ser acionados por meio do telefone 1746, da Prefeitura do Rio, que funciona 24h. Somente no primeiro trimestre de 2016, foram realizados 334 resgates após solicitação da população por meio da Central. Em dois casos, os animais resgatados sofreram maus-tratos.

Divulgação
Divulgação

Fonte: Jornal do Brasil

​Read More
Notícias

ONG denuncia caso de maus-tratos a animais do canil da Guarda Municipal de Macapá (AP)

14
Divulgação

Uma ONG está denunciando maus-tratos a cães do Canil da Guarda Municipal de Macapá. Há um ano, o presidente da ONG gravou um vídeo que mostrava a falta de comida e de local apropriado para os cachorros. Hoje, para escapar dessa situação, os animais estão vivendo nas residências dos próprios guardas. O comandante da Guarda Civil Metropolitana de Macapá (GCMM) disse que em julho o abrigo estará pronto.

O vídeo mostra cenas das instalações do Canil Municipal e do Canil da Guarda Municipal. As imagens foram gravadas pelo presidente da ONG Unidade de Proteção Animal Costelinha (Upac), Vitor Hugo.

Ele conta que na época os animais não tinham o que comer e nem água para beber. E aparentavam estar desnutridos e fracos. Um pastor alemão que aparece no vídeo anda de um lado para outro, aparentando estar desorientado, e quando late aparenta fraqueza.

Ele disse que pulou o muro do local com ajuda de um amigo para gravar as imagens. Entre os cachorros existe ainda um da raça belga malinois. Veja o vídeo.

“Estamos por saber onde estão esses cães. O vídeo mostra a situação de maus-tratos que eles são submetidos. Hoje a prefeitura não tem estrutura nenhuma para comportar esses animais. A única coisa que eles fazem é vacinar”, denuncia Vitor.

O comandante da GCMM, Ubiranildo Macedo, disse que quando assumiu o comando da Guarda, os cachorros já estavam vivendo em condições precárias e que alguns ficavam presos em salas. Os cães não estão sendo usados em operações e nem treinando por problemas operacionais, segundo o comandante.

Divulgação
Divulgação

“Eu retirei os cachorros naquela época de lá e agora eles estão em canis particulares e na residência de alguns guardas. Estamos reformando o espaço. Eu recebi o comando com os cachorros dentro de salas, que não é conveniente porque ficava abafado”, informou.

Segundo ele, o que falta para retomar a obra é a falta de alguns materiais de construção, como cimento. Ubiranildo disse ainda que dentro de dois meses o abrigo estará pronto.

15
Divulgação

Fonte: Sales Nafes

​Read More