Notícias

Idoso é condenado à prisão após atirar em gatinho na Inglaterra

Um homem, 73 anos, foi condenado à prisão por atirar com uma pistola de ar em um gatinho, da raça siamês, que teria invadido o jardim de sua casa em Cambridge, na Inglaterra.

Gatinho aparece enfaixado após cirurgias
Gatinho foi baleado no pescoço e no quadril (Foto: Reprodução / Meio Norte)

De acordo com o jornal inglês Daily Mail, ao ver o gatinho, Christopher Boswell disparou duas vezes a arma e depois jogou o animal pela cerca. No mesmo dia, a tutora do filhote, Caroline King, estava procurando por ele quando passou pela casa de Christopher. Sem qualquer tipo de remorso, o homem admitiu o crime.

O gato filhote foi levado ao hospital veterinário, onde precisou passar por procedimentos cirúrgicos para retirar os projéteis e acabou tendo que amputar a pata direita traseira. Apesar dos ferimentos graves, o animal se recupera bem e já recebeu alta do hospital.

Gatinho aparece com pata traseira direta amputada após agressão
Gatinho teve que passar por procedimento cirúrgico de amputação da pata traseira (Foto: Reprodução / Meio Norte)

O Tribunal de Magistrados de Cambridge julgou o caso. Durante a audiência, o aposentado admitiu que pratica atividades de caça desde os 17 anos de idade e alegou sofrer com o alcoolismo e lutar contra um câncer.

Após a investigação confirmar que a bala que atingiu o gato era da arma do idoso, o julgamento das autoridades foi de que se tratava de “um incidente desagradável que merecia uma sentença de prisão”.

 

​Read More