Notícias

Ibama deflagra operação contra o tráfico interestadual e internacional da fauna silvestre no RJ

Em operação de combate ao tráfico de fauna silvestre, fiscais do Ibama encontraram, na zona oeste do Rio de Janeiro, mais de mil partes de animais, além de quatro tartarugas e duas cobras, que seriam vendidas no tráfico de fauna silvestre.

Partes de animais, quatro tartarugas e duas cobras foram encontradas (Foto: Divulgação)

Os agentes chegaram aos suspeitos com a ajuda de denúncias anônimas sobre a movimentação dos traficantes. As negociações era feitas pela internet. “Trata-se da maior quantidade e diversidade de partes de animais silvestres flagrados com um infrator”, disse o coordenador de Fiscalização do Rio de Janeiro, Geraldo Cunha.

Segundo o coordenador de Operações de Fiscalização, Roberto Cabral Borges, as diferentes espécies indicam tráfico interestadual e internacional. O Ibama continuará a análise para identificar a origem dos animais e a possibilidade de haver outros envolvidos nas infrações.

Entre os itens encontrados havia peles de jaguatiricas (espécie ameaçada de extinção); olhos de tigre; couros e “chocalhos” de cobra; cavalos-marinhos; asas de corvo e de morcego; crânios de coruja; ossos de águia e de raposa; mandíbulas de crocodilo e de guaxinim; dentes de urso; garras de leão; unhas de preguiça; rabos de esquilo e de lobo; penas de faisão e de papagaio, cascos de tartaruga e de jabuti; répteis, anfíbios e insetos secos; chifres de cervo e de bode montanhês; patas de tatu; máscaras de lobo; e produtos como colar, punhal e uma faca de ossos.

Fonte: Mix Vale
​Read More
Notícias

Onça-parda morre após ser atropelada em rodovia de MS

Uma onça-parda morreu após ter sido atropelada nas margens da rodovia BR-163, próximo à cidade de Eldorado, em Mato Grosso do Sul.

O corpo do animal, um macho adulto, foi levado para a capital, Campo Grande, onde será taxidermizado para ser usado nos trabalhos da PMA de conscientização da importância de preservar a fauna silvestre brasileira.

Onça-parda foi resgatada por agentes da concessionária e por policiais ambientais
A onça-parda chegou a ser resgatada após atropelamento, mas não resistiu aos ferimentos (Foto: Divulgação / PMA)

Onça-parda

Também chamada de puma ou suçuarana, ela pode ser vista em todas as Américas, vivendo cerca de 15 anos, podendo atingir até 100 quilos.

Trata-se de um animal que vive só, em lugares de difícil acesso, como florestas, montanhas e desertos.

 

 

 

​Read More
Notícias

Policia Ambiental de Rio Claro (SP) resgata aves da fauna silvestre

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Os policiais militares Vergel e Tiago, ambos da Policia Ambiental de Rio Claro localizaram ontem, 23 pássaros da fauna silvestre. A ocorrência teve inicio após atendimento de denuncia anônima onde o denunciante dizia que o proprietário de uma casa localizada na rua Nestor Timoni, bairro Indaiá II, em Santa Gertrudes estaria criando aves irregularmente.

Através de informações os PMs chegaram ate a residência onde localizaram quatro Curiós, 13 Trinca Ferro e seis Coleirinhas. O tutor apresentou autorização para criar 19 aves, sendo que quatro Trinca Ferro não possuía a documentação e estava fora da listagem.

O dono do imóvel foi autuado em R$ 2 mil reais por manter em cativeiro espécimes da fauna silvestre nativa. As quatro aves foram resgatadas e encaminhadas ao criadouro conservacionista de Piracicaba.

Fonte: Canal Rio Claro

​Read More
Notícias

Polícia detém quatro por matar capivara em Estrela do Norte (SP)

(Foto: Polícia Militar Ambiental/ Divulgação)
(Foto: Polícia Militar Ambiental/
Divulgação)

A equipe da Polícia Militar Ambiental flagrou e deteve quatro homens que arrastavam uma capivara morta para dentro de um veículo em uma fazenda em Estrela do Norte, por volta das 18h da última quarta-feira (18). Os agentes foram até o local após denúncia anônima.

Segundo a polícia, a corporação foi acionada após uma queixa de caça. Os policiais permaneceram à distância, em uma plantação de cana-de-açúcar. O quarteto começou a se deslocar em direção à viatura com o animal morto, momento em que foi feita a abordagem.

Um deles confessou que o grupo realmente matou o animal com uma arma de fogo, e que a arma estaria em sua residência. Após buscas, foram encontrados um revólver calibre 32, 20 munições calibre 22 e duas munições calibre 20.

Os quatro envolvidos foram autuados por infração ambiental por matar animal de fauna silvestre no valor de R$ 500 cada. Eles foram enviados para a delegacia de Estrela do Norte, onde foram tomadas as providências necessárias.

Fonte: G1

 

​Read More
Notícias

Após multa por ‘adotar’ arara, mulher alega demora em apreensão de ave em Pitangueiras (SP)

Imagem: Reprodução
Imagem: Reprodução

Há seis meses, a vida de uma moradora de 63 anos de Ibitiúva, distrito de Pitangueiras (SP), mudou depois que ela “adotou” uma arara-canindé encontrada em um canavial. Por um lado, foi como a chegada de uma amiga para a doméstica Maria Natalina Ferreira, que chega a dormir com o bicho na hora do almoço, tamanha a afinidade e o carinho. Por outro, representou prejuízo.

Além de ter sido multada pela Polícia Militar Ambiental, ela alega não ter mais condições financeiras de tomar conta do animal e que as autoridades demoram em recolhê-lo, mesmo depois da notificação.

Procurada pela reportagem da EPTV, a PM Ambiental informou que ainda não apreendeu a arara por falta de local adequado.

O resgate

Tudo começou, segundo Maria Natalina, no dia em que seu filho encontrou e resgatou a arara enrolada em linhas de pipa no meio de um canavial em Ibitiúva. Sem saber para onde levá-la, a doméstica passou a cuidar da ave, chamada de Lola, por conta própria, decisão que mais tarde lhe custaria caro.

“Cortamos a linha dela tudo. Dei banho nela, fiz papinha de fubá. Dei na colher. Depois é que arrumaram uma mamadeira. Ela dormia comigo, eu não tinha gaiola. Meu neto, que trabalha em uma serralheria, fez uma gaiola pra mim. Agora ela dorme nela à noite. De dia, ela dorme comigo no sofá”, afirma a doméstica, que confirma ter sabido, desde o início que não poderia ficar com a ave.

Maria Natalina cuida de arara em distrito de Pitangueiras, SP (Foto: Cláudio Oliveira/EPTV)
Maria Natalina cuida de arara em distrito de Pitangueiras, SP (Foto: Cláudio Oliveira/EPTV)

Denunciada à Polícia Ambiental, ela foi multada em R$ 5 mil em outubro por manter a ave silvestre em casa sem autorização. Alegando falta de condições financeiras, bem como qualquer ameaça ao animal, Maria Natalina afirma que conseguiu baixar a sanção para R$ 1,5 mil, parcelada em dez vezes.

Na mesma época, segundo a doméstica, as autoridades avisaram que buscariam Lola até dezembro, por falta de um local adequado para ela. Embora goste da presença da arara-canindé em casa, a doméstica relata não ter condições financeiras de continuar abrigando e alimentando o animal.

“Eu quero que ela vá voar para onde existam outras iguais a ela. Falaram que não tinha lugar pra ela, mas quero que eles venham buscar. É o certo. Não estou tendo condições, meu ganho é pouco”, diz.

Arara foi encontrada em canavial, afirma moradora de Pitangueiras (Foto: Cláudio Oliveira/EPTV)
Arara foi encontrada em canavial, afirma moradora de Pitangueiras (Foto: Cláudio Oliveira/EPTV)

Fonte: G1

 

​Read More
Notícias

Homem é preso e 10 animais são resgatados em São Gonçalo, RJ

Araras Canindé foram apreendidas em São Gonçalo (Foto: Divulgação/ Linha Verde)
Araras Canindé foram apreendidas em São Gonçalo (Foto: Divulgação/ Linha Verde)

Policiais da Unidade de Policiamento Ambiental (UPAm) da Serra da Tiririca prenderam na quinta-feira (29) um homem suspeito de tráfico de animais, além de 10 espécimes da fauna silvestre, em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio. A prisão aconteceu depois que os agentes receberam informações do Linha Verde.

Homem foi preso por tráfico de animais silvestres (Foto: Divulgação/ Linha Verde)
Homem foi preso por tráfico de animais silvestres
(Foto: Divulgação/ Linha Verde)

Segundo os policiais, o detido dizia ser o responsável dos animais silvestres em cativeiro que estavam em seu quintal, porém não possuía nenhuma licença ambiental para a prática. O policiais conseguiram resgatar duas araras Canindé, um papagaio e sete jabutis, todos animais da fauna silvestre.

Os animais apreendidos foram levados juntamente com o suspeito para a 75ª DP onde a ocorrência foi registrada. Em seguida os pássaros foram encaminhados para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS) em Seropédica, na Baixada Fluminense, onde após tratamento serão libertadas em seu habitat natural.

Fonte: G1

​Read More
Notícias

Biólogo é preso por matar e congelar animais em Cabreúva (SP)

(Imagem: reprodução)
(Imagem: reprodução)

Um homem foi preso por tráfico de drogas e por matar animais silvestres em Cabreúva (SP), na noite desta quarta-feira (7). Na casa do suspeito foram encontrados tijolos de maconha e bichos congelados.

A Polícia Militar chegou até a casa no bairro Vilarejo, no distrito do Jacaré, depois de receber uma denúncia anônima. Foram encontrados sete tijolos de maconha, totalizando 6,5 quilos, uma balança de precisão, um colete a prova de balas e vários animais silvestres mortos e congelados, entre eles, um macaco, um pica-pau, uma cobra, uma coruja e um tamanduá.

O suspeito, de 29 anos, já tinha passagem por porte ilegal de armas. Ele disse na delegacia que é biólogo e que empalhava esses animais para ajudar no trabalho que desenvolve. O homem foi levado para o Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista e deve responder processo por tráfico de entorpecentes e também por matar animais da fauna silvestre.

Animais estavam congelados quando a polícia chegou à casa do suspeito (Foto: reprodução/TV TEM)
Animais estavam congelados quando a polícia chegou à casa do suspeito (Foto: reprodução/TV TEM)

Fonte: G1

 

​Read More
Notícias

Pássaros são apreendidos em Marília (SP)

Foram apreendidos na terça-feira (9) dez pássaros da fauna silvestre, em Marília (SP). Segundo informações da Polícia Ambiental, houve duas ocorrências, ambas em área rural no bairro Morumbi.

Em um sítio foram apreendidas duas aves e foi feita advertência ao proprietário do imóvel. No outro sítio foram apreendidas oito aves da fauna silvestre, sendo que uma delas está em extinção. Nesse caso o dono do sítio foi multado no valor de R$ 8,5 mil. Nos dois casos os pássaros foram soltos em habitat natural após passarem por avaliação veterinária.

Fonte: G1

​Read More
Notícias

Veterinários promovem campanha contra o tráfico de animais

A 40ª Expoagro, que inicia na próxima sexta-feira (06) será o palco do lançamento da Campanha Nacional de Combate ao Tráfico de Animais Selvagens, promovida pelo Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) com o apoio do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Amazonas (CRMV/AM). A campanha foi lançada nacionalmente em Brasília no fim de setembro e terá duração de um ano e atividades em todos os Estados brasileiros.

No Amazonas, o momento escolhido para fazer o lançamento da campanha é a realização da maior feira agropecuária do Estado, a Expoagro. Durante os dez dias de realização do evento, Veterinários, Zootecnistas e voluntários farão distribuição de material educativo sobre a importância de combater o tráfico de animais selvagens, realizarão palestras, orientações e atividades para as crianças.

Segundo o médico veterinário Paulo Alex Carneiro, Presidente do CRMV/AM, a conscientização da população é o melhor caminho para acabar com o tráfico de animais da fauna silvestre brasileira. “Queremos conscientizar as pessoas para o enorme mal que o tráfico de animais selvagens causa à nossa biodiversidade. Por ano milhares de animais são capturados por traficantes e a maioria morre antes de chegar aos compradores, isso está acabando com várias espécies que não nasceram para viver em cativeiro e sim livres na natureza”, destacou.

Veterinários promovem campanha contra o tráfico de animais durante a 40° Expoagro (Foto: Divulgação)
Veterinários promovem campanha contra o tráfico de animais durante a 40° Expoagro (Foto: Divulgação)

Sobre a Campanha

O tráfico de animais selvagens é a terceira maior atividade clandestina no mundo, ficando atrás apenas do tráfico de drogas e armas. O Brasil é um dos principais alvos dos traficantes por conta de sua imensa biodiversidade, mais de 10% dos 1.400.000 seres vivos catalogados no planeta estão em solo brasileiro. O dado alarmante é que de cada dez animais traficados, nove morrem antes de chegar ao seu destino final.

Além disso, muitas pessoas criam animais selvagens em casa como se fossem domésticos e não compreendem o mal que fazem. Se os animais forem comprados de forma ilegal, as pessoas que os criam são também consideradas traficantes e devem arcar com as consequências penais se descobertas. Por isso, é preciso alertar a sociedade para a gravidade do problema.

Com esse cenário, o Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) que tem como missão promover o bem-estar da sociedade considera de fundamental importância capitanear um dia de conscientização contra o tráfico de animais selvagens, em todas as capitais do país. E esta será apenas uma das ações da Campanha Nacional de Combate ao Tráfico de Animais Selvagens planejadas por esta Entidade.

Fonte: A Critica 

​Read More
Notícias

Pássaros são encontrados em cativeiro dentro de residência, em Abre Campo (MG)

pássaros
Foto: Divulgação

A Polícia Militar de Meio Ambiente de Manhuaçu recebeu denúncia de que um morador do Córrego do Onça, zona rural de Abre Campo, estaria capturando pássaros da fauna silvestre e que possuía armas de fogo, sem os devidos registros.

Na casa dele, os policiais encontraram dois pássaros da fauna silvestre brasileira “trinca-ferro” e uma armadilha de rede para captura de pássaros.

Ainda nos levantamentos, foi encontrada escondida atrás de um guarda-roupa uma espingarda cartucheira calibre .36, uma garrucha tipo polveira e dez cartuchos. No forro de um dos cômodos da casa ainda havia um cano de espingarda tipo polveira, conhecido como “toco” utilizado como armadilha de espera na prática de caça.

O autor foi preso em flagrante e conduzido com os pássaros, as armas, as munições e os demais materiais para a delegacia de Matipó.

Fonte: Portal Caparaó

​Read More
Notícias

Traficante de pássaros é preso em Espera Feliz (MG)

pássaros
Foto: Divulgação

Os militares do 2° Grupo de Meio Ambiente de Alto Caparaó apreenderam quinze pássaros da fauna silvestre, entre eles sete trinca-ferros, cinco coleiros, um tico-tico, um canário da terra e um azulão. O traficante de aves silvestres foi localizado através de um levantamento dos policiais a partir de outra ocorrência da semana passada.

Segundo a Polícia Militar de Meio Ambiente, alguns pássaros estavam com anilhas adulteradas, com medidas irregulares (abertas ou fora da medida). Outros nem anilhados estavam.

O autor foi preso em flagrante e conduzido para a Delegacia de Polícia de Espera Feliz. No dia dois, um homem foi preso com uma dezena de pássaros sendo levados num ônibus para o Rio de Janeiro, onde iria vendê-los. A PM descobriu que ele havia comprado um trinca-ferro desse comerciante de pássaros por 1.200 reais.

Um caderno com anotações da venda de pássaros foi apreendido pela equipe policial.

Fonte: Portal Caparaó

​Read More
Videos

Dá no pé, louro!

Os médicos Veterinários Fabiano Pessoa e Sandovaldo Moura criaram um projeto de educação ambiental através de pequenos vídeos que buscam conscientizar sobre o tráfico e o respeito aos animais, além da preservação na fauna.

Neste vídeo o personagem principal é o Papagaio, também conhecido como Louro, uma ave que vive até 100 anos e é considerada umas das aves mais inteligentes do mundo, sendo capaz de reproduzir inúmeros sons, inclusive a fala humana. O papagaio é um dos animais silvestres que mais sofrem com o tráfico no país, sendo comercializados como animais domésticos.

​Read More