Notícias

Associação realiza manifesto contra maus-tratos de animais em Cavalgada

Principal preocupação do grupo é com o mal que o calor pode provocar nos animais - Foto: Regiclay Saady/Arquivo
Principal preocupação do grupo é com o mal que o calor pode provocar nos animais – Foto: Regiclay Saady/Arquivo

A associação Patinha Carente realiza neste sábado, 26 de julho, às 17h, uma caminhada manifesto contra os maus-tratos de animais na Cavalgada da Expoacre 2014, que será realizada na manhã de domingo, 27.

A caminhada irá começar na Concha Acústica, seguindo até o começo do Parque da Maternidade e retornando para o local da partida.

Cartazes com frases de conscientização foram produzidos para o evento – Foto: Reprodução Facebook
Cartazes com frases de conscientização foram produzidos para o evento – Foto: Reprodução Facebook

A manifestação não é contra a festa, mas contra os maus-tratos dos animais que participam da cavalgada, como explica a presidente da Patinha Carente, Vanessa Facundes.

“A maioria das pessoas não se preocupa em oferecer água aos animais que caminham por um longo trajeto. Muitas vezes as patas sangram devido às longas distâncias e o asfalto quente e nada é feito para protege-los”.

Durante a cavalgada, o grupo oferecerá água e curativos aos animais.

Também mostrarão faixas de conscientização contendo leis gerais contra os maus-tratos de animais. A tenda da associação ficará próxima à loja “Trimania”, no Autoposto Triângulo.

“Se identificarmos algum caso de maus-tratos, a polícia será acionada. O movimento não é contra o divertimento, o que não concordamos é que esse divertimento ocorra através do sofrimentos desses animais”, afirma Facundes.

Fonte: Página 20

​Read More
Notícias

Associação realiza feira de adoção na Expoacre nesta sexta-feira

Cães e gatos estarão disponíveis para adoção nessa sexta-feira (Foto: Veriana Ribeiro/G1)
Cães e gatos estarão disponíveis para adoção nessa sexta-feira (Foto: Veriana Ribeiro/G1)

A Sociedade Amor a Quatro Patas, uma associação sem fins lucrativos que trabalha pela proteção de animais, realiza nesta sexta-feira (2) às 19h a adoção de cães e gatos na feira Expoacre.

O sócio Maik Araujo aconselha que interessados cheguem cedo. (Foto: Veriana Ribeiro/G1)
O sócio Maik Araujo aconselha que interessados cheguem cedo. (Foto: Veriana Ribeiro/G1)

De acordo com o coordenador de marketing da associação, Maik Araujo, a entidade optou por fazer duas pequenas feiras de adoção na Expoacre. A primeira aconteceu na terça-feira e cerca de 20 animais conseguiram um novo lar. “A procura foi gigante na terça, em menos de uma hora adotaram todos”, lembra Maik.

Por causa da grande procura, Araújo recomenda que as pessoas interessadas cheguem cedo para a adoção. Para realizar o procedimento é preciso ter comprovante de endereço e a identidade. “A pessoa chega, vê o animal, se gosta faz uma pequena entrevista, uma triagem, para saber se ela tem condições de criar o animal”, afirma.

No caso de mais de um tutor querendo adotar um animal, essa entrevista é usada como desempate. ” Se persistir o empate, a gente faz um sorteio”, explica Maik.

O autônomo Márcio Nery Araújo tinha um cachorro de pequeno porte, que acabou morrendo. No estande da associação ele olha os filhotes para adoção e fica em duvida se deve ou não levar um novo companheiro para casa. “Achei a ideia ótima, mas ainda estou pensando, porque não sou só eu, são seis pessoas lá em casa”, comenta.

Fonte: G1

​Read More