Notícias

Estudo aponta que obesidade avança entre cães e gatos


Jennie está com dificuldade para se locomover em virtude de seu sobrepeso. Foto: Reprodução Extra


O aumento da obesidade entre humanos já apresenta reflexos no mundo animal, principalmente no universo dos cães e gatos. Uma pesquisa feita em 2009  nos Estados Unidos  mostra que 45% dos cachorros e 58% dos gatos estão acima do peso ou obesos. Os números, quando comparados aos dados de uma pesquisa anterior, indicam um crescimento na incidência.

Maribeth Ashley, tutora de dois cachorros, percebeu que estava com problemas quando Jennie, uma cadela da raça pastor alemão, de 6 anos, e Pickles, um vira-lata misturado com sheperd da mesma idade, demonstraram dificuldade para entrar e sair do carro. Como os cães sempre foram ágeis, o alerta serviu para que Maribeth marcasse uma consulta no veterinário:” Ele me disse que os cachorros estavam tão gordos que já tinham displasia, problemas coronarianos e todos os males ligados à obesidade.”

Maribeth, de 71 anos, moradora do Texas, havia recebido um prognóstico muito parecido de seu médico dias antes:estava muito acima do peso, precisava baixar suas taxas de colesterol e a pressão arterial.

Como nos humanos, o sobrepeso nos animais aumenta o risco de artrite, doenças do coração, resistência à insulina, diabetes e alguns tipos de câncer. Alimentos ricos em gorduras devem ser evitados. Para contornar o problema, os animais também precisam fazer dieta e exercícios planejados para emagrecer.


Fonte: Extra

​Read More