Notícias

Após críticas, CASACOR Paraná substitui poltrona feita de peles de animais

A poltrona foi utilizada no evento CASACOR Paraná, que recebeu duras críticas de internautas. Em menos de 24h após a repercussão da foto, o evento de decoração publicou um comunicado onde o arquiteto responsável pelo ambiente que expôs a poltrona, afirma que a peça foi substituída.

Poltrona é feita de peles de animais com duas cabeças reais nos encostos de braço
Foto de poltrona feita de peles de animais foi exposta em evento da CASACOR Paraná (Foto: Reprodução / Facebook)

O arquiteto é Carlos Navero, que disse que o ambiente que ele idealizou era composto de reaproveitamento e as peles da poltrona foram reutilizadas de um casaco que possui mais de 50 anos. Ele completou dizendo que não tinha a intenção de incentivar ou apoiar a matança e exploração de animais.

Mulher sentada na poltrona
Organizadores do evento decidiram substituir a peça após críticas (Foto: Reprodução / Facebook)

CASACOR

A marca, pertencente ao Grupo Abril, é a maior mostra de arquitetura, paisagismo e design de interiores das Américas, recebendo aproximadamente meio milhão de visitantes por ano.

Contudo, este não é o primeiro caso de exploração animal que o evento CASACOR se envolve. Em Goiânia, o evento expõe até o dia 21 de junho um boi vivo em um dos ambientes do evento.

 

​Read More