Você é o Repórter

Protetora pede justiça contra agressor que derrubou cavalo de caminhão, em Brasília

Marcia Peres
marciaperes2@hotmail.com

Flagrante do animal sendo transportado solto (Imagem: Reprodução/Correio Braziliense)

Todos ou pelo menos a maioria das pessoas sabem do caso do cavalo que por irresponsabilidade e por maldade de um motorista cruel, caiu de um caminhão em uma estrada dedo Distrito Federal.

Ele ficou preso à corda pelo pescoço (foi enforcado), foi arrastado por alguns metros pelo asfalto (foi esfolado) e por pouco suas patas não foram parar debaixo do pneu. Se isso tivesse acontecido, ele poderia ter suas patas arrancadas pelo pneu em movimento.

A cena do bichinho caindo do caminhão não sai da minha mente. Então, abri esse tópico na tentativa de agirmos pra fazer justiça a esse animal inocente, que não pôde sequer se defender da queda.

Não temos nenhuma notícia sobre o estado dele. Então, queria sugerir ao povo que ama os animais, que entrem em contato com a PROANIMA, que é uma ONG de proteção animal em Brasília. Com certeza eles devem ter um depto jurídico que pode agir nesse caso.

Eles precisam contatar com a polícia que deve ter registrado o caso, e com o jornal que publicou essa notícia, o Correio Brasiliense e através daí identificar o homem que filmou tudo. Com certeza ele deve ter mais coisas registradas. Mas não somente a PROANIMA precisa agir, mas nós também.

Vamos entrar em contato com a Globo exigindo notícias do animal. Precisamos entrar em contato com o jornal que publicou a notícia, o Correio Brasiliense e a pessoa que filmou a queda do animal. O Jornal tem essas informações todas. Precisamos entrar em contato com os meios de comunicação de Brasília para que eles possam pedir à população que se alguém souber do paradeiro desse motorista canalha e sobre a situação do cavalo, que entre em contato com a Proanima.

Sugiro também que se tem alguém que seja advogado e que possa se juntar à PROANIMA, então por favor, façam isso. Outra sugestão é entrar em contato com o Wagner Montes, da Record, e com o programa da Luisa Mel, da TV Gazeta (é só entrar no site desses programas pelo Google, e clicar em “contato” ou “fale conosco” e mandar a mensagem) para pedir  a eles que nos ajudem na investigação da pessoa que praticou esse crime para que a Proanima possa processar. O Wagner ama a justiça e a Luisa ama os animais, e tenho certeza que eles podem ajudar de alguma forma.

Gente, temos mil maneiras de ajudar esse animal (se ele ainda estiver vivo) e fazer justiça por ele. O que não podemos é ficar de braços cruzados. Então vamos lá, pessoal, vamos agir. A justiça desse animal está em nossas mãos.

​Read More