Notícias

Filhotes de tartaruga são soltos no mar de Florianópolis


Esta foi a primeira vez que a espécie cabeçuda desovou na região

As 35 tartaruguinhas da espécie cabeçuda, encontradas no dia 7 de fevereiro em Florianópolis (SC), foram soltas na praia da Barra da Lagoa pelo Projeto Tamar.

Centenas de pessoas presenciaram o momento em que os filhotes, que pesam dez gramas e têm cinco centímetros de comprimento, caminharam até o mar.

A fêmea adulta fez a desova de 115 ovos na praia do Campeche. Deles, apenas 93 vingaram e boa parte já conseguiu ir para o mar.

Os filhotes que não conseguiram caminhar até o mar, receberam tratamento do Tamar.

A tartaruga cabeçuda é a segunda espécie mais comum de se encontrar em Florianópolis e em Santa Catarina.

Porém, segundo especialistas, a desova na região não é comum.

Esta foi a primeira vez que o Projeto recolheu os filhotes.

Apesar da aparência frágil, as tartarugas cabeçudas são aptas a viver no mar.

Se sobreviverem aos predadores, elas podem chegar a pesar 250 kg.

Porém, de acordo com dados, de cada mil filhotes, a média de sobreviventes é de duas a cinco tartarugas.

Os visitantes que puderam presenciar a lenta corrida dos bichos para mar, ficaram encantados com a imagem de esforço pela vida que os pequenos conseguiram transmitir.

Clique aqui para assistir ao vídeo.

Fonte: R7

​Read More