Notícias

Vereador de Curitiba quer punir quem alimentar pombos

A Câmara Municipal de Curitiba deve votar, na próxima segunda-feira (12), um projeto do vereador Professor Galdino (PSDB) que prevê punição a pessoas flagradas alimentando pombos em vias, praças, prédios e locais de acesso público.

De acordo com a rádio CBN Curitiba, inicialmente, a ideia é advertir o infrator. A multa, com valor estabelecido pelo Executivo Municipal, só ocorrerá em caso de reincidência.

Na defesa do projeto, o vereador se refere aos pombos como “pragas” e enfatiza que os animais são grandes transmissores de doenças.

Fonte: Bonde

Nota da Redação: É estarrecedor perceber como uma cidade que é considerada  evoluída culturalmente pode estar a um passo de instituir essa lei. Ao mesmo tempo em que estabelecerá a  punição a quem está apenas preocupado com a vida de animais inocentes, disseminará ideais especistas, na contramão do que vem sendo o reconhecimento do direito à vida dos animais. Se existe uma superpopulação de pombos, ela resulta da ação do próprio ser humano, por meio da ocupação dos habitats, da devastação dos ambientes naturais e do acúmulo de lixo, que acaba atraindo esses animais aos centros urbanos. O ser humano, mais uma vez, reforça sua incapacidade de respeitar e conviver harmoniosamente com outras espécies. O vereador Galdino só se esqueceu de que o ser humano é o maior transmissor de doenças à própria espécie, nem por isso estamos incentivando o extermínio de pessoas doentes.

​Read More