Notícias

Rihanna é criticada por vender roupas com pele de animais em sua grife

Casacos e cachecóis feitos de pele de cordeiro estão sendo comercializados pela grife da cantora


A cantora Rihanna está recebendo inúmeras críticas por vender roupas com pele de animais através da sua grife “Fenty”. Seguidores da artista nas redes sociais observaram que casacos e cachecóis da marca são descritos no site oficial como feitas “100% de pele de cordeiro”.

Reprodução

“Casaco de pele em pleno quase 2020 é um baita retrocesso”, disse uma internauta. “Cadê a militância na hora de querer ganhar dinheiro, né?”, escreveu um seguidor. As informações são do portal Vagalume.

As polêmicas de Rihanna com sofrimento animal, no entanto, são antigas. Em 2017, a cantora foi criticada pela organização internacional de defesa animal PETA após usar um casaco de pele de raposa em um desfile da marca Dior.

A entidade enviou, na época, uma carta à cantora pedindo que ela parasse de usar pele de animais e enviou para ela um casaco de material sintético.

Reprodução

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More