Notícias

Frequentadores de reserva estão matando macacos com bebidas alcoólicas

(da Redação)

A cidade de Assis,  interior de São Paulo, tem uma pequena reserva florestal onde vive há muitos anos um grupo de macacos-prego. Há sete meses, estimava-se em mais de 120 o número de primatas que habitavam a área.

Macaco prego embriagado  Foto: APASS
Macaco-prego embriagado. Foto: APASS

Nos últimos dias, a população despencou para apenas 47. A atitude cruel, irresponsável e criminosa de algumas pessoas está matando os macacos-prego da reserva. Descobriu-se que eles estão consumindo, entre outras coisas, bebidas alcoólicas, dadas por frequentadores do parque.

A denúncia foi feita pela ONG APASS (Associação Protetora dos Animais Silvestres de Assis). Integrantes da APASS foram até o local e durante 15 dias conversaram com pessoas que dão comida (salgadinhos, doces, balas, bolachas, refrigerantes, cerveja e bebidas de alto teor alcoólico).

Macacos buscam comida   Foto: APASS
Macacos buscam comida. Foto: APASS

A APASS já levou ao conhecimento da Promotoria do Meio Ambiente, do IBAMA de Assis e da imprensa. “Começaremos com uma campanha educativa junto aos frequentadores para orientar o que pode e o que não pode ser dado para alimentação e os riscos de contaminação viral e bacteriano para os animais e para as pessoas”, esclareceu Aguinaldo Marinho, presidente da entidade.

​Read More