Notícias

Polícia fecha rinha de galo e prende suspeito em Bataguassu, MS

Policiais ambientais encontraram aves com esporas cortadas (Foto: Divulgação/PMA)

Um homem de 24 anos de idade foi preso nessa terça-feira (20) em Bataguassu, cidade a 335 quilômetros de Campo Grande (MS), por suspeita de manter uma rinha de galo em uma residência. Três aves e vários petrechos foram apreendidos pela Polícia Militar Ambiental.

De acordo com a PMA, os galos estavam bastante machucados e com esporas cortadas. No local havia gaiolas que serviam para alojar os animais antes das lutas. A polícia também recolheu protetores de esporas e outros materiais utilizados nas rinhas.

O suspeito foi multado em R$ 1,5 mil e levado à delegacia de Polícia Civil e deve responder pelo crime ambiental de maus-tratos a animais. A pena em casos de condenação varia de três meses a um ano de detenção.

Aves resgatadas estavam machucadas, diz PMA (Foto: Divulgação/PMA)

Fonte: G1

​Read More
Notícias

Bombeiros resgatam arara-canindé ferida em Bataguassu (MS)

Na noite de ontem (14), o Corpo de Bombeiros de Bataguassu (MS) realizou o resgate de uma arara-canindé, natural da fauna local. A ave encontrava-se na propriedade rural Três Irmãs.

Segundo o dono do local, quando estava dirigindo pela rodovia MS-395, próximo do município de Bataguassu, avistou a ave caída no meio da pista de rolamento, se debatendo por estar ferida. Após capturar o animal, Arlindo entrou em contato com o Corpo de Bombeiros de Bataguassu.  A equipe realizou o resgate a fim de  entregar a ave aos órgaos competentes.

O Corpo de Bombeiros faz um alerta para a população: ao encontrar um animal silvestre, não o leve para casa, mesmo que esteja ferido. Faça contato com os bombeiros através do telefone de emergência 193 ou 3541 3400 ou com a Polícia Ambiental, através do telefone 3541 9137, pois existe o risco de piorar as condições de saúde dos animais.

Fonte: MS Notícias

​Read More