Você é o Repórter

Cão aguarda tutor em lar temporário em Campinho

Por Vivanuncios

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

O cão da foto é Baby. Foi encontrado muito debilitado, magro, com anemia e desnutrição em Campinho (RJ). A protetora resgatou e cuidou e hoje Baby está saudável e pronto para ter uma família.

É manso, se adapta bem com outros animais, é tranquilo, quase não late e pode ficar em apartamento sem problemas.

Ele se encontra em um lar temporário.

Contato: Fátima – (21) 3681-0445, (21) 9445-6658 ou (21) 8189-0681.

 

​Read More
Notícias

Família real de Mônaco recebe elefantes ameaçados de morte na França

Baby e Nepal serão transferidos para uma propriedade da família real de Mônaco - Foto: AFP
Baby e Nepal serão transferidos para uma propriedade da família real de Mônaco – Foto: AFP

Os dois elefantes que estavam ameaçados de morte na França partiram, nesta quinta-feira, do zoológico da cidade de Lyon (leste) para uma propriedade da família real de Mônaco, indicaram fontes. A princesa Stephanie de Mônaco se ofereceu, em abril, para receber os dois elefantes, Baby e Nepal, que seriam mortos na França devido à suspeita de que tinham tuberculose.

A filha do príncipe Rainier e de Grace Kelly, que já foi artista de circo, disse que os receberia na propriedade da família Grimaldi em Roc Angel, perto da fronteira entre França e Mônaco. A chamada “princesa rebelde” disse que ela mesma irá cuidar dos dois animais.

Os elefantes, que eram explorados pelo circo Pinder, deixaram o zoológico do Parque da Tête d’Or nesta quinta-feira em contêineres especiais, indicou Claire-Cécile David, porta-voz da prefeitura de Lyon.

Entenda o Caso

Os elefantes Baby e Nepal vivem no zoológico da cidade de Lyon desde 1999 e, a suspeita de tuberculose fez com  o o zoo anunciasse a morte dos animais. Os dois elefantes estavam sendo mantidos em confinamento solitário desde 2010, quando o primeiro teste deu positivo.

Uma ação através da internet rendeu um documento com mais de 69 mil assinaturas, pedindo que os elefantes não fossem mortos. Mesmo assim, o tribunal considerou que a segurança dos animais não é “suscetível de ser estabelecido in vivo. Somado a isso, os testes solicitados pelo seu tutor, que só teria de permitir a confirmação da infecção, daria tempo para implementar e colocar em perigo as pessoas responsáveis pela conduta.”

A lista de defensores dos elefantes, então, não parou de aumentar. A ex-atriz Brigitte Bardot, através de sua instituição Fondation Brigitte Bardot entrou na briga pela vida dos animais e, até a princesa Stéphanie de Mônaco ofereceu seu apoio.

Na justiça

O diretor do circo, Gilbert Edelstein, tutor dos animais, recorreu à Justiça pedindo mais tempo para a realização de novos exames. A Associação Circense Europeia ofereceu seus veterinários para os testes, porém o juiz do tribunal administrativo de Lyon confirmou a decisão pela matar os animais.

Insatisfeito, Edelstein entrou com um recurso contra a sentença no Conselho de Estado. Ele garantiu que testes já realizados afirmam que, em 2010, Nepal não possuía a doença e Baby, depois de obter um resultado “duvidoso”, foi submetida a novos exames que confirmaram a ausência da tuberculose.

Neste intervalo, o caso ganhou notoriedade no país e milhares de pessoas protestam, pela internet, contra a morte das elefantas, pedindo inclusive a graça presidencial ao presidente François Hollande. Em janeiro, Brigitte Bardot recebeu uma carta do presidente da República francesa, informando que a execução dos dois elefantes, Baby e Nepal, com suspeita de tuberculose no zoo de Lyon, foi anulada.

Na carta, escrita pessoalmente por Hollande, o presidente explica que interveio junto do Ministro da Agricultura Stéphane Le Foll para assegurar o bom desfecho do caso.

A antiga musa do cinema francês ameaçou seguir os passos do colega Gérard Depardieu e pedir um passaporte russo, em protesto ao tratamento dado aos dois elefantes.

Fonte: Terra/AFP

​Read More
Notícias

Cão é sequestrado por duas mulheres, em Ribeirão Preto (SP)

Esta é a segunda vez que 'Baby' é levado por estranhos (Foto: Divulgação)

Um cachorro da raça Spitz Alemão foi sequestrado nesta segunda-feira (6) em frente a um salão de beleza no Centro de Ribeirão Preto, em SP. A tutora do cão trabalha no estabelecimento. Esta é a segunda vez que o cão é levado.

A câmera de segurança de uma loja da Rua São Sebastião registrou o momento em que duas mulheres pegaram o cachorro na Rua Marcondes Salgado, 415.

O spitz alemão tem 5 anos, de nome ‘Baby’, é pequeno, cor de mel e bastante peludo. Segundo a tutora do cachorro, Rosângela da Silva Lopes, uma das mulheres que aparece nas imagens tem cabelos compridos até a cintura.

Um cão desta raça é vendido no mercado por cerca de R$ 2 mil.

Baby foi sequestrado pela primeira vez durante o carnaval deste ano. Ele ficou dois dias desaparecido. Rosângela divulgou fotos pela internet e conseguiu encontrá-lo.

Quem tiver alguma informação sobre o paradeiro do cachorro, pode ligar para  (16) 3019 4322.

Fonte: Jornal A Cidade

​Read More
Você é o Repórter

Poodle meiga e linda que foi atirada de um carro busca um lar em SP

Cristiane Macedo Scabelli
cristiane@macedoscabelli.com.br

A Baby foi resgatada dia 06/01 por minha irmã e uma amiga que conhece a triste história desta pequena:

Há 2 anos ela foi atirada para fora de um carro que partiu a deixando em um ponto de ônibus nas ruas do nosso bairro, uma família a adotou,não era bem tratada, nunca fizeram um carinho nela, se mudaram e simplesmente a abandonaram na calçada, é revoltante.

Foi resgatada, está temporariamente na casa da minha mãe até ser adotada.
Ela tem medo de movimentos bruscos, mas depois que entende que receberá carinho ela é se derrete.

Tem aproximadamente 3 anos, vermifugada e castrada .

Vamos ajudá-la a encontrar um lar com bastante amor.

Contato:
Cristiane: cristiane@macedoscabelli.com.br
cel.: 11-9104-2514 (GUARULHOS/SP)

​Read More
Você é o Repórter

Poodle abandonada duas vezes aguarda novo lar em Guarulhos (SP)

Cristiane
cristiane@macedoscabelli.com.br

A Baby foi resgatada dia 06 de janeiro por minha irmã e uma amiga que conhece a triste história desta pequena: Há 2 anos ela foi atirada para fora de um carro que partiu a deixando em um ponto de ônibus nas ruas do nosso bairro.

Uma família a adotou, mas não era bem tratada, nunca fizeram um carinho nela, se mudaram e simplesmente a abandonaram na calçada, é revoltante.

Foi resgatada e está temporariamente na casa da minha mãe, em Guarulhos (SP), até ser adotada. Ela tem medo de movimentos bruscos, mas depois que entende que receberá carinho ela se derrete.

Tem mais ou menos 3 anos, será castrada segunda-feira (10). Vamos ajudá-la a encontrar um lar com bastante amor.

Contato: Cristiane – (11) 9104-2514 – cristiane@macedoscabelli.com.br

​Read More