Notícias

Elefante tira uma soneca no meio de rodovia e bloqueia o tráfego de veículos

Foto: Viral Press
Foto: Viral Press

Pressionados pela invasão humana em seus habitats naturais, os animais selvagens sofrem as consequências dessa diminuição de seus espaços de circulação, muitas vezes sendo atropelados, entrando em conflito com seres humanos (plantações) ou mesmo sendo mortos por “representarem uma ameaça” em seu próprio território.

Este elefante, no entanto, escolheu um lugar inusitado, no meio de sua rota, para tirar um cochilo, e o momento incrível foi capturado em vídeo. O imenso animal bloqueia uma rodovia e segura o tráfego de veículos, ao deitar-se e tirar uma soneca no meio da estrada.

O motorista Nattawat Patsungsing, 57, conta que ficou surpreso ao assistir o imenso paquiderme que ficou parado por cerca de 20 minutos na pista de Nakhon Ratchasima, nordeste da Tailândia.

O Sr. Patsungsing, que filmou o magnífico elefante indiano do seu carro, teve que parar e ficar em silêncio para evitar assustar o animal.

As filmagens começam com o Sr. Patsungs dirigindo lentamente em direção ao elefante.

Depois que ele aumenta o zoom, o animal pode ser visto movendo as pernas e batendo as orelhas enquanto dorme profundamente.

Eventualmente, o elefante estica as pernas e se levanta.

Ele olha para o Sr. Patsungsing enquanto se afasta lentamente.

O Sr. Patsungsing diz: “Oh rapaz, você está tomando a estrada inteira. Você pode por favor mover, garotinho? Eu realmente tenho que ir trabalhar.”

Foto: Viral Press
Foto: Viral Press

Ele também é ouvido no vídeo chamando o elefante de ‘senhor’, para acordá-lo enquanto o animal permanece perfeitamente imóvel.

Falando depois do ocorrido, o motorista disse que tinha sido informado por autoridades da vida selvagem da área que o elefante dorminhoco era chamado de Nga-Thong – que significa “marfim dourado” em tailandês.

O imenso animal muitas vezes deita-se na estrada de concreto para se refrescar do calor, disseram autoridades.

Patsungsing acrescentou: “Nga-Thong não gosta de se revelar quando a estrada está cheia com carros e ônibus barulhentos, então na maioria das vezes os policiais do parque nacional o veem. Eles disseram que ele é muito tímido.

Foto: Viral Press
Foto: Viral Press

“Eu estava esperando cerca de vinte minutos até que ele finalmente se levantou. Eu estava atrasado para o meu turno no trabalho naquele dia, mas fiquei feliz em vê-lo tão de perto”.

“É magnifico!”, concluiu ele.

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

​Read More
Notícias

Tubos infláveis são instalados para assustar leões marinhos em porto do Oregon‏

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Foto: Koin6
Foto: Koin6

Trabalhadores portuários do Oregon (EUA) inventaram um modo estranho de tentar afastar leões marinhos do local – eles tiveram a ideia de instalar enormes tubos infláveis brilhantes.

Segundo reportagem do Daily Mail, o Porto de Astoria é muito frequentado por esses animais.

Ativistas de direitos animais dizem que os leões marinhos atraem turistas, porém os pescadores acusam os animais de irem até o local para roubar seus peixes, de acordo com o Huffington Post.

Foto: Koin6
Foto: Koin6

Já os capitães de embarcações argumentam que os leões marinhos vão até lá em tão grande número que “tornam impossível a ancoragem dos barcos”.

Após terem tentado outras medidas, incluindo bolas de praia, fitas e até mesmo uma orca falsa, as autoridades afirmaram ter conseguido “um esquema bem sucedido”, conforme se pode ver no vídeo do Koin 6.

Uma vez que os tubos são inflados e começam a se mover no ar, os leões marinhos rapidamente nadam para longe, assustados.

Foto: Koin6
Foto: Koin6

Robert Evert, funcionário do porto, diz ter dúvidas se o artifício irá de fato afastar os animais.

Ele disse à emissora KGW TV que esses animais são muito inteligentes, e uma vez que eles perceberam que esta não é uma ameaça real, possivelmente irão voltar.

Foto: Koin6
Foto: Koin6

De acordo com a reportagem, cerca de dois mil leões marinhos devem aparecer na região neste verão. Além de serem considerados “um incômodo” para os pescadores e condutores de barcos, os moradores da área reclamam do barulho produzido por eles quando estão por perto.

Foto: Koin6
Foto: Koin6

Um novo plano está no aguardo, se os tubos infláveis não trouxerem resultado. O diretor executivo do porto disse que estudantes de uma escola local estão criando grades de aço para impedir que os animais subam para o cais.

Nota da Redação: São os homens os invasores do habitat dos animais selvagens, e não o contrário. As ações tomadas pelos humanos nesse caso são vis e reprováveis, pois se os animais estão indo até o local em busca de comida, certamente é porque o desequilíbrio causado pelo homem eliminou as fontes de alimento para esses animais onde antes estas existiam.

​Read More