Destaques, Notícias

Após ser rejeitado, cão com deficiência tem a vida transformada pela adoção

Arquivo pessoal/The Dodo

Freddie Mercury é seu nome. Sua história carrega um passado marcado pela rejeição. Seu corpo permanentemente contorcido e uma deficiência na pata fizeram sua aparência se tornar indesejável aos que buscavam um cão para adotar. Mas esse não era o caso de Angela. Para ela, a aparência do animal era só um detalhe.

Decidida a mudar a vida do cachorro, Angela o adotou. Ela sabia que não poderia deixá-lo definhando num abrigo para animais. O lugar dele era ao seu lado.

Por conta de suas limitações, Freddie lutava para ficar em pé e andar. Sua tutora, porém, não viu nisso um motivo para desistir dele. Pelo contrário, Angela passou a dedicar-se ao cão para prover qualidade de vida a ele.

Arquivo pessoal/The Dodo

A adoção transformou a vida do animal, que se tornou mais confiante e feliz desde que percebeu o quanto é amado. Sua tutora frequentemente é questionada, segundo o portal The Dodo, sobre os motivos que a levaram a adotar um cão que talvez não tenha muito tempo de vida pela frente. “Porque ele merece”, responde Angela, que afirma que a vida é curta e que “você só precisa viver por hoje”.

E Freddie demonstra, através de seus beijos em forma de lambidas, o quão é grato pela família que ganhou. Ele sabe que foi salvo, acolhido e amado, e devolve todo o amor que recebe.

Arquivo pessoal/The Dodo


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More
Notícias

Vídeo registra momento em que gato impede que bebê caia de escada

O bebê quase se acidentou após descer de seu berço sozinho e caminhar em direção à escada


Um gato salvou a vida de um bebê ao impedí-lo de cair de uma escada com 12 degraus em Bogotá, na Colômbia. A cena foi registrada por uma câmera de segurança.

Reprodução/Pixabay/Imagem Ilustrativa

O caso aconteceu na última semana. Nas imagens, é possível ver o bebê engatinhando na direção da escada e, em seguida, o gato pulando em cima do bebê para impedi-lo de seguir em frente.

Gatubela, como é chamado o gato, foi adotado por Diana Lorena Álvarez, 27. Ela conta que deixou seu filho, Samuel León, dormindo no berço e que ele acordou e foi parar no chão, sem que ela percebesse. As informações são da revista Crescer.

Após descer do berço e engatinhar até a escada, o bebê recua depois que o gato pula repetidas vezes em cima dele. Gatubela, porém, permanece em frente ao menino, impedindo sua passagem.

“Cheguei muito cedo do trabalho e meu filho ainda estava dormindo, por isso o coloquei no berço”, disse a mãe.

Quando percebeu que Samuel havia descido do berço, Diana resolveu observar as imagens da câmera para ver como isso tinha acontecido. Foi então que ela descobriu que o gato adotado por ela salvou a vida do seu filho. Diana afirmou que o ato heroico do animal fez com que ela se sentisse “sortuda”.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


​Read More