Destaques, Notícias

Tigre-de-bengala, urso e leoa completam 19 anos juntos em santuário na Geórgia (EUA)

O trio foi resgatado em 2001 durante uma operação policial, depois de ser encontrado no porão de uma casa em Atlanta

Tigre-de-bengala, urso e leoa vivem juntos há quase 20 anos. Foto: Santuário de Animais Arca de Noé

Com o sugestivo nome “Arca de Noé”, um santuário de animais na Geórgia (EUA) tem três moradores ilustres: Baloo (um urso preto americano), Leo (uma leoa africana) e Shere Khan (um tigre-de-bengala). Três animais que livres na natureza e pertencentes a três diferentes continentes, jamais se encontrariam. Mas como foram vítimas do tráfico de animais selvagens, os três acabaram presos num porão sujo de uma casa em Atlanta, capital da Geórgia, nos EUA. Provavelmente, seriam vendidos a circos ou colecionadores particulares

O resgate foi feito em 2001 por meio de ação policial. Todos os três estavam com menos de um ano de idade e tinham sido submetidos a diversos abusos e maus-tratos. O porão era um lugar completamente insalubre por isso todos estavam apavorados, desnutridos e carregando parasitas internos e externos.

Os três amigos compartilham a mesma “casa” no Santuário Arca de Noé.

Leo tinha uma ferida infectada no nariz causada por confinamento em uma pequena caixa. Baloo usava uma espécie de armadura que já estava encravando em seu corpo à medida que ele crescia e não era afrouxada. Como os ferimentos eram muito graves e os três amigos ainda muito jovens, não puderam ser devolvidos à natureza e permaneceram no santuário, compartilhando os alojamentos.

Recentemente a Arca de Noé publicou fotos dos “três improváveis amigos” para lembrar que eles já estão há quase duas décadas juntos vivendo em perfeita harmonia. Eles comem, brincam e dormem juntos, confortam um ao outro e até se beijam.

Na natureza os três animais não se encontrariam e muito mesmo seriam amigos, mas já convivem em harmonia há quase 20 anos. Foto Santuário Arca de Noé

Allison Hedgecoth, responsável pela Arca de Noé, afirma que o tempo não mudou a dinâmica da amizade e que “os três ainda são igualmente afetuosos um com o outro”, segundo portal “Healthy Food House”. Shere Khan, por exemplo, sempre foi travesso e, embora esteja ficando mais velho, isso não o mudou nem um pouco”, acrescentou. O Santuário de Animais Arca de Noé possui um programa de reabilitação da vida selvagem e cuida de mais de 1.500 animais de várias espécies.

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

​Read More