Notícias

Jaguatirica é encontrada morta em rodovia

Jaguatirica foi encontrada às margens de rodovia
Outros animais também foram encontrados mortos no local

Tamanduás, porco espinho e um lobinho também foram encontrados mortos às margens da BR-060. Ao mesmo tempo em que a cena chocou pessoas que passavam pelo local, é considerada comum nas rodovias do estado.

De acordo com a Polícia Militar Ambiental (PMA) as mortes frequentes são resultado de estradas construídas sem planejamento ambiental, no habitat dos animais silvestres.

A recomendação é viajar devagar e ficar atento aos animais que podem atravessar a rodovia. De acordo com o chefe de operações da PRF, Thales Domingues, os animais são retirados da pista conforme são vistos durante a ronda. O condutor pode registrar a ocorrência, caso atropele um animal.

A pessoa que atropelar o animal não cometeu um crime, mas se caso tirar algum proveito, será punida, segundo o major Queiros da PMA. “As pessoas não podem utilizar esse animal de nenhuma forma. Matar a onça ou estar com um pedaço de couro, a penalidade é a mesma”.

Caso você presencie maus-tratos a animais de quaisquer espécies, sejam domésticos, domesticados, silvestres ou exóticos – como abandono, envenenamento, presos constantemente em correntes ou cordas muito curtas, manutenção em lugar anti-higiênico, mutilação, presos em espaço incompatível ao porte do animal ou em local sem iluminação e ventilação, utilização em shows que possam lhes causar lesão, pânico ou estresse, agressão física, exposição a esforço excessivo e animais debilitados (tração), rinhas, etc. –, vá à delegacia de polícia mais próxima para lavrar o Boletim de Ocorrência (BO), ou compareça à Promotoria de Justiça do Meio Ambiente.

A denúncia de maus-tratos é legitimada pelo Art. 32, da Lei Federal nº. 9.605, de 12.02.1998 (Lei de Crimes Ambientais) e pela Constituição Federal Brasileira, de 05 de outubro de 1988.

​Read More
Notícias

Em Valinhos (SP), cadela presa dentro de tubulação é resgatada por bombeiros

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Cadela ficou presa em tubulação de água em Valinhos (SP) | Foto: Reprodução/EPTV

Uma cadela que corria atrás de um gato e acabou ficando presa em uma tubulação de água, foi resgatada pelo Corpo de Bombeiros de Valinhos, interior de São Paulo. O caso que ocorreu no bairro Ponte Alta, fez com que o piso da marcenaria onde a cadela estava presa fosse quebrado.

A cadela que mora no estabelecimento, ficou presa em um espaço muito apertado e não conseguia se mexer. Nas imagens da tubulação feitas pelos bombeiros é possível ver a falta de espaço. De acordo com funcionários do local, Mary chegou a percorrer cerca de 10 metros dentro da canalização. “Ela é muito nossa amiga, ela que recebe os clientes enquanto a gente está trabalhando”, brincou um dos trabalhadores.

Mary chegou a percorrer cerca de 10 metros dentro de tubulação | Foto: Reprodução EPTV

O resgate de Mary, resgatada sem ferimentos, foi motivo de comemoração para o sargento do Corpo de Bombeiros, Marcelo de Melo: “A gente tem que amar o que a gente faz. A gente dá um valor muito grande à vida, não importa se é a vida de um ser humano ou de um animal”, exclamou.

​Read More
Notícias

Em Goiânia (GO), cão é resgatado por bombeiros após cair em córrego

Janaína Fernandes | Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Cão caiu em córrego e ficou preso | Foto: Corpo de Bombeiros

Um cão debilitado foi resgatado por bombeiros depois de ter caído em um córrego da Marginal Botafogo, em Goiânia (GO). O cão que estava debilitado, ficou preso no local e por isso precisou da ajuda dos bombeiros para ser resgatado.

Para verificar se a queda havia causado fraturas ou ferimentos, o animal foi encaminhado a um pet shop para fazer exames em uma clínica e posteriormente seria colocado para adoção.

De acordo com os bombeiros o cão foi visto por uma pessoa que passava pelo local e ligou para chamar socorro através do número de emergência 193. Ainda não se sabe como o animal caiu no córrego.

​Read More
Notícias

Filhotes com apenas uma semana de vida ficam presos em cano em Uberlândia (MG)

Por Janaína Fernandes | Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Animais estavam presos em cano | Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Em Uberlândia (MG), bombeiros socorreram dois filhotes de cachorro presos na tubulação de uma residência do bairro Laranjeiras. O resgate que durou cerca de 2h, exigiu esforço dos homens pelo fato dos animais estarem presos em um cano.

Bombeiros precisaram quebrar piso para chegarem até filhotes | Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Para realizar o resgate, os bombeiros precisaram quebrar o piso da casa com uma talhadeira e marreta, para assim chegar no canal de tubulação. Os homens foram acionados pelo tutor dos animais.

Os filhotes que nasceram há apenas uma semana, foram resgatados com vida e sem ferimentos, de acordo com o soldado Nascimento: “Fizemos de tudo para salvá-los e fomos até autorizados a quebrar o piso de todo o corredor, até chegar onde eles estavam”, disse.

​Read More
Notícias

Cadela desaparecida há 10 dias é encontrada presa em fenda

Por Janaína Fernandes | Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Tutora estava procurando a cadela há 10 dias | Foto: Divulgação/ Corpo de Bombeiros

Depois de mais de oito horas de trabalho, uma cadela que estava presa em uma fenda da pedra da Praia de Taguarinhas, em Balneário Camburiú (SC), foi retirada do local sem ferimentos por bombeiros e moradores da região.

O resgate que causou muita emoção entre os envolvidos, além de salvar a cadela Belinha, fez com que sua tutora que a procurava há dez dias, a encontrasse, de acordo com o sargento Marcus Vinicius Abre, que comandou o resgate. Há quatro dias, moradores da área começaram a ouvir os uivos do animal, mas não conseguiam localizar de onde o barulho estava saindo.

Bombeiros levaram 8 horas para retirar animal | Foto: Reprodução Extra

“Fomos até o local, mas vimos que ela estava num lugar de difícil acesso e bastante debilitada. Chegamos por volta das 10h e tivemos muita dificuldade. Foi um resgate complicado, porque o local era muito estreito, e, do jeito como ela estava presa, poderíamos machucá-la”, disse o sargento.

Depois de ficar até 18h montando um plano para retirar Belinha, o sargento Marcus resolveu procurar alguém magro o bastante para passar pela fenda: “Chegou um rapaz mais magro, que conseguiu alcançar a cadela. Fizemos uma amarração nas patas da Belinha e passamos um cobertor ao redor do seu corpo. Assim, conseguimos começar a mexer nela e, aos poucos, puxar. Somente às 20h35 conseguimos retirá-la”, lembrou.

Um vídeo feito pelos bombeiros mostra o grupo de pessoas envolvidas no resgate, além da emoção de todos quando Belinha foi salva. Segundo Marcos Vinicius Abre, a cadela não ficou ferida, mas estava debilitada depois de ficar dias sem se alimentar. O animal foi levado a um veterinário e, agora, passa bem.

​Read More
Notícias

Ator de Harry Potter que sofreu acidente grave se emociona ao reencontrar cão

Reprodução

O ator Jim Tavaré, 53, conhecido pelos fãs de Harry Potter após ter interpretado Tom, o dono do bar Caldeirão Furado no filme O prisioneiro de Azkaban, sofreu um grave acidente deixando-o com pescoço quebrado, um pulmão perfurado, 15 costelas quebradas, fraturas em ambos os seios e em sua perna direita.

Após 2 semanas em tratamento intensivo, Jim conseguiu sentar em uma cadeira de rodas e pela primeira vez saiu do hospital para reencontrar o animal doméstico, o cão chamado Mr Kippy.

Incrivelmente, o cachorro também estava no carro no momento do acidente, porém saiu praticamente ileso da colisão.

 

A música no vídeo foi tocada e dedicada por Jim by Bernard Salles da Orchestre Symphonique du Sud-Ouest.

Fonte: Portal do Dog

​Read More