Notícias

Vídeo flagra rato sendo chutado a quase 10 metros de altura por operários da construção civil

Foto: Kennedy News and Media
Foto: Kennedy News and Media

Dois funcionários da construção civil foram filmados chutando violentamente um rato vivo a 30 pés de altura como se o animal fosse uma bola de futebol.

Defensores dos direitos animais pediram que os homens, que “deram um exemplo de desrespeito total à vida”, sejam processados.

O vídeo chocante mostra o rato assustado correndo para debaixo de uma pilha de escombros em um canteiro de obras, tentando desesperadamente alcançar a segurança.

Enquanto atravessa a obra em campo aberto, um os operários usando um capacete branco tenta esmagar a criatura sob uma tábua de madeira.

Mas assim que o roedor escapa da “quase-morte”, outro operário dá um pontapé no animal indefeso e o arremessa a uma altura de mais de 30 pés (cerca de 9 metros) pelo ar.
Em seguida, ele encontra um final “violento” ao aterrissar entre pilhas de materiais de construção.

Embora não esteja claro onde as imagens foram feitas, o vídeo foi visualizado on-line mais de 6,1 milhões de vezes.

Os usuários do Twitter retweetaram o vídeo mais de 112 mil vezes, com os espectadores furiosos afirmando que os atos dos operários da obra são “cruéis” e “repugnantes”.

Ativistas pelos direitos animais criticaram as imagens – com a PETA pedindo que as autoridades localizem os dois homens antes que outros animais sejam feridos.

Foto: Kennedy News and Media
Foto: Kennedy News and Media

A PETA alegou que o clipe mostra que os agressores do ratinho “foram violentos ao extremo” e os criticou por “desprezar totalmente a decência” – no entanto, não se sabe ainda onde o clipe foi filmado.

Elisa Allen, diretora da PETA, disse: “Este vídeo mostra um completo desrespeito pela decência, uma total falta de empatia e o tipo de homens que valorizam a crueldade e a violência”.

“Os ratos têm a capacidade de sentir dor e medo, assim como os humanos”.

“As ratas são ótimas mães e são sensíveis e engenhosos em suas vidas”.

Foto: Kennedy News and Media
Foto: Kennedy News and Media

“Eles riem quando estão fazendo cócegas nelas e mostram empatia – algo que os homens neste vídeo claramente carecem – por outros ratos em perigo”.

“Eles merecem nossa proteção, assim como todos os animais, e a PETA pede às autoridades que encontrem o mais rápido possível esses homens insensíveis antes que outros seres sencientes sofram um destino igualmente violento.”

Enquanto isso, milhares de usuários das mídias sociais ficaram horrorizados com a crueldade que os trabalhadores foram capazes de praticar e expressaram seu desgosto nos comentários.

Hilary Littlefield disse: “Isso é nojento. É abuso. Aquele pobre animal. Se você acha isso divertido, há algo muito profundamente errado com você”.

Chris Hirons disse: “Ratos são vermes, eles carregam doenças e eu não os quero em nenhum lugar perto de mim. No entanto, eles são criaturas vivas e carregá-los é desnecessariamente cruel”.

Lerreno disse: “Onde está a piada? Eu literalmente não vejo nada engraçado nisso”.

Viv Harris disse: “Doente. A maneira como uma pessoa trata os animais diz tudo sobre quem ela é”.

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

​Read More