Você é o Repórter

Abeac realiza campanha de apadrinhamento de animais

Por Karen Aguiar Belintani (em colaboração para a ANDA)

Divulgação
Divulgação

A grave crise econômica que atinge o país nos últimos meses reflete de forma devastadora na situação econômica da Abeac. Muitos dos contribuintes cortaram o auxílio que prestavam à entidade, que sobrevive exclusivamente de doações de pessoas físicas, sem nenhuma ajuda do governo.

A redução das contribuições que estavam programadas pelo apadrinhamento dos cães comprometeu as contas da entidade e está colocando em risco até a alimentação dos cães. Nesta hora difícil a instituição conta com ajuda de todos. Qualquer contribuição – independente do valor – é importante.

São várias as formas de ajudar.

Apadrinhe um cãozinho

As contribuições fixas são fundamentais para que a Abeac mantenha o padrão de atendimento com alimentação, cuidados médicos, salário dos caseiros, manutenção do canil, entre outros.

Abra seu coração e seja um dos padrinhos da turma da Abeac. Quem não puder doar pode ajudar divulgando. Para apadrinhar, visite o blog  e escolha seu afilhado.

​Read More
Notícias

ONG realiza campanha para ajudar animais despejados em Caucaia do Alto (SP)

Por Karen Aguiar Belintani (em colaboração para a ANDA)

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A Abeac (Associação Bem Estar Animal Amigos da Célia) começou o resgate dos animais dos 300 Anjos, abrigo da protetora Marcia Cordeiros, falecida recentemente. Construídos em obra emergencial, nove canis receberam 64 animais em condições mais criticas. Mais de 100 animais já foram retirados do abrigo pela Abeac.

Entre os cães resgatados, todos em condições precárias, estavam animais idosos, doentes e com sarna que foram encaminhados para tratamento, banho e tosa, vermifugados e vacinados. No abrigo 300 Anjos ainda restam mais de 200 animais, muitos doentes e precisando de cuidados.

Para abrigar todos os cães, que serão despejados em abril, a Abeac iniciou a construção de mais 32 canis, que devem estar prontos até fevereiro de 2015. Em uma segunda etapa, será necessário construir mais 20 canis.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Com custo estimado em R$ 2 mil por canil, a entidade precisa de toda ajuda possível para arcar com as despesas e manter o atendimento aos seus cerca de 1.200 animais com alimentação, higiene e cuidados médicos. A entidade também está arcando com os gastos do 300 Anjos. Além da alimentação dos cães, que já era custeada pela entidade, agora a Abeac paga os salários dos caseiros dos 300 Anjos para que eles não abandonem os animais.

Quem quiser ajudar, pode contribuir financeiramente, doando material de construção ou abrigando os animais em lares temporários.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Como Ajudar?

Pode-se contribuir participando da campanha no site de financiamento coletivo Kickante, no endereço eletrônico, até 2 de janeiro.

A campanha busca arrecadar 145 mil reais, valor estimado para construção dos canis e despesas do resgate. As contribuições podem ser feitas com cartão de crédito , parcelado em até 6 vezes.

Sobre a ABEAC – A Associação Bem Estar Animal Amigos da Célia é uma ONG legalmente constituída, fundada em 2003 para assumir os animais da protetora Célia Sciumbata, que faleceu repentinamente e deixou 300 cães órfãos.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Atualmente, a entidade tem mais de 1.100 cães sob sua responsabilidade, a maioria em suas instalações em Caucaia do Alto, SP. A ABEAC promove, também, ações para a adoção responsável de seus cães.

Inúmeros cães salvos pela ABEAC ao longo de sua história ganharam novos lares em famílias que os tratam com muito amor e dignidade. Todo trabalho é realizado exclusivamente com a contribuição financeira voluntária de pessoas físicas, já que a ONG não recebe nenhuma ajuda do governo.

Para lar temporário ou doação de material de construção, entre em contato com marli01@abeac.org.br.

​Read More
Você é o Repórter

ONG Abeac realiza evento de natal em prol dos animais

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Por Júlia Barros
juliabdf@hotmail.com

A Associação Bem Estar Animal Amigos da Célia realizará, no dia 15 de dezembro, um evento de natal com várias atrações, a partir das 9h.

Às 9h terá um bazar com entrada gratuita, seguido de um almoço com crepes vegetarianos doces e salgados, às 12h.

Das 15h às 17h terá o tradicional show de prêmios.

O valor do convite é R$ 60,00 com direito a almoço e bebidas, mas quem adquirir convites até o próximo sábado (30), paga R$ 55,00.

Para adquirir um convite é necessário efetuar depósito no Banco Itaú (341) agência 0772 c/c 52385-8 em nome de Abeac Associação Bem Estar Animal Amigos da Célia. CNPJ: 06.164.870/0001-82. E, depois, enviar um e-mail para convite@abeac.org.br c/c marli01@abeac.org.br informando a data e o valor do depósito para que seja feita a reserva.

O evento acontecerá na Igreja do Calvário, em Pinheiros, na Rua Cardeal Arco Verde, 950 – São Paulo (SP).

​Read More
Você é o Repórter

ONG que cuida de mais de 800 cães precisa de doação de ração

Renata Lopes Del Nero
renatadelnero@gmail.com

Nossos cães estão sem ração. Nunca pensei que chegaríamos a esse ponto, mas infelizmente é a pura verdade. Estamos devendo para fornecedores de ração e com crédito cortado, temos uma dívida de R$ 62.000,00 em boletos atrasados que precisam ser pagos até o dia 28/02, para que possamos voltar a comprar.

Se não nos unirmos, se não tivermos apoio, não sei o que vai acontecer com a Abeac. A Abeac em junho/2013 completa 10 anos de existência. Temos 800 cães e ajudamos + 230 do Abrigo 300 Anjos. Ao todo são 1030 cães que dependem dos nossos esforços para sobreviverem com dignidade, fazemos um trabalho diferenciado, somos referência na proteção animal e quem já esteve em nosso canil, pode constatar como nossos cães são bem tratados.

Não é justo tudo isso que está acontecendo com a Abeac. Temo pelo destino dos nossos animais se não tivermos apoio. Precisamos urgentemente de uma força tarefa para reverter essa situação. Por isso, peço encarecidamente a todas as pessoas que nos ajude hoje se possível . Qualquer ajuda é bem vinda, por favor colaborem como puderem, inclusive divulgando essa mensagem.

Para essa ajuda emergencial estamos utilizando outra conta do Itau, porque a conta principal da Abeac está negativa.
Segue dados da outra conta:

Banco Itau (341)
AG 0772
C/C 53769-2
Abeac Associação Bem Estar Animal Amigos da Célia
CNPJ: 06.164.870/0001-82

Contato: Abeac – E-mail: contato@abeac.com.br

​Read More
Você é o Repórter

Abrigo de animais abandonados em SP faz campanha para arrecadar fundos

Bruna Pacheco
bru2pacheco@gmail.com

Graças à ajuda que recebemos, conseguimos pagar os boletos de ração vencidos em janeiro/12.

Mas já temos outros boletos vencidos em fevereiro que somam R$ 7.607,21, e na próxima semana vai ser outro sufoco por causa do carnaval.

Estamos tentando colocar as contas em dia e não passar mais por esse tipo de situação.

Para isso, lançamos a campanha dos R$ 10,00 , que se todos puderem colaborar, vai nos ajudar muito a colocar a casa em ordem e encerrarmos o mes de fevereiro com mais tranquilidade.

Por isso, peço novamente a ajuda de todos nossos amigos e colaboradores se possível que colaborem com a campanha dos R$ 10,00.

Para quem tem conta no Itau, seguem os dados para depósito:

Banco Itau (341)
ag 0772
c/c 52385-8
Abeac Associação Bem Estar Animal Amigos da Célia
CNPJ: 06.164.870/0001-82

Para quem não tem conta no Itau, lançamos a Vakinha virtual, onde as contribuições podem ser feitas através de outros bancos e cartões de crédito.

É só acessar o link http://goo.gl/3L5FN e seguir o passo a passo.

É muito fácil participar, é rápido, e o site é seguro, podem confiar.

Marli Scaramella

www.abeac.org.br
http://abeacsp.blogspot.com
www.facebook.com/abeac.org

http://abeacsp.blogspot.com/

 

​Read More
Você é o Repórter

ONG precisa de ajuda para tratamento de cães idosos e filhotes doentes, em SP

Marli
mascaramella@terra.com.br

Foto: Divulgação

Precisamos de ajuda urgente para os  velhinhos que resgatamos do abrigo de Parelheiros. Tivemos um gasto de R$ R$ 1.200,00 entre medicamentos e exames com esses velhinhos, já pagamos porque não dava para esperar pedir ajuda para começar o tratamento. Pagamos os exames, medicamentos o que falta é a ração senior. Como estamos com limite de cartão de crédito estourado, ainda não conseguimos comprar a ração senior.

O Rex, a Dora e o Caco tem madrinhas e padrinhos, mas o valor do apadrinhamento não cobre essas despesas e não acho certo pedir para os padrinhos/madrinhas assumirem essas despesas.

Além dos velhinhos regastamos 3 filhotes que foram abandonados na porta do abrigo, um deles é cego . Os filhotes estão com parvovirose, estamos fazendo de tudo para salva-los.

Foto: Divulgação

Temos folha de pagamento dos nossos caseiros, temos 2 boletos de ração para pagar e  precisamos comprar a ração senior para os velhinhos. As contribuições que temos programadas não cobrem essas despesas . Está faltando R$ 3.500,00.

Mês passado em virtude das despesas com a obra de Parelheiros, atrasamos o pagamento dos caseiros e parcelamos em 2 vezes.
Não gostei de fazer isso, e nossos caseiros também não ficaram contentes. Foi a primeira vez que isso aconteceu e não gostaria que se repetisse, pois entendo que funcionário descontente não trabalha direito e os prejudicados são nossos animais que não tem culpa de nada.

Por favor, quem puder nos ajudar, segue os dados para depósito:
Banco Itau (341)
ag 0772
c/c 52385-8
Abeac Associação Bem Estar Animal Amigos da Célia
CNPJ: 06.164.870/0001-82

Segue abaixo fotos e histórico dos velhinhos e dos filhotinhos em tratamento.
Eles passaram por consulta veterinária, fizeram perfil senil completo e a situação é a seguinte:

Scoooby
Infestação de piolhos, anemia devido a essa infestação, infecção de pele, sarna sarcóptica, sopro cardíaco, níveis de sódio, fósforo e colesterol elevados devido a má alimentação.

Está tomando antibiótico para infecção de pele, doramectina para sarna, antialérgico para coçeira intensa, lotesin para insuficiência cardíaca e proex para vascularização. Precisa de ração senior ou talvez cardíaca.

Rex
Extremamente magro, com massa tumoral próximo a garganta até a nuca, coluna danificada com danos irreversíveis, o que causa muita dor, está tomando tramal como suporte para dor.

Vai tomar cortizona para impedir o crescimento do tumor e condotron para coluna.

O Rex tem muita fome, está comendo como um leão, mas pela dificuldade que tem em se alimentar, estamos fazendo comida e latinha A/D. Precisa de ração senior.

Guga
Tem problemas cardíaco, está com líquido no pulmão e infecção nos olhos. Está  tomando lotensin, proex e usando o colírio ciprovete. Também precisa de ração senior.

Caco
Atrofia na mandíbula ( soubemos que quando estava no abrigo foi atacado por outros cães, por isso vivia em uma gaiola ), sem dentes, tem fenda palatina o que dificulta a alimentação , não pode comer nada com consistência pastosa.

Tem sopro no coração em grau severo, infecção de pele, glaucoma em globo ocular direito e catarata no olho esquerdo.

O resultado do exame deu aumento de fósforo e colesterol devido à má alimentação, insuficiência cardíaca e anemia.
Está tomando fortekor, carnabol suspensão, colírio timodol, cefalexina e proex. Precisa de ração senior.

Dora
Está com piolhos, infecção de pele, globo oculares com infecção e presença de pus, papiloma em conduto auditivo , um tipo de tumor que bloqueia a passagem de secreção que ele produz, o que provoca mal cheiro e atrai moscas.

Está com desnutrição por causa da má alimentação. Está tomando ampicilina de 500 mg, vitamina carnabol e usando colirio ciprovet.

​Read More
Você é o Repórter

Protetoras precisam de ajuda para construção de canil que abrigará 270 cães resgatados dos maus-tratos

Marli
mascaramella@terra.com.br

Foto: Divulgação

Tenho recebido e-mails de pessoas que estão em dúvida se Abeac e os 270 cães de Parelheiros (SP) são a mesma coisa. Então para esclarecer, segue um breve resumo de como nos envolvemos com o abrigo de Parelheiros.

A Abeac tem 475 cães e nosso canil fica na cidade de Caucaia do Alto – Km 39 da Raposo Tavares + 22 Km, em SP. Mais informações e fotos do nosso canil e dos nossos cães estão em nosso blog: http://abeacsp.blogspot.com

O abrigo dos 270 cães de Parelheiros, que conhecíamos apenas pela internet, fica distante 90 km do nosso canil.

Sempre soubemos que a situação nesse abrigo era bastante precária e em agosto recebemos um e-mail pedindo ajuda para compra de ração , pois os cães estavam passando fome.

Fizemos uma campanha entre nossos colaboradores e compramos 1500 kg de ração, suficiente para alimentar os animais por 10 dias.

No dia 13/08/11 estive no abrigo pela primeira vez com objetivo de verificar a ração e prestar contas aos nossos colaboradores. Porém a situação que vi era bem pior do que eu imaginava!

Mesmo sem poder, tendo 475 cães, estando cheio de dividas, a Abeac agindo com o coração, decidiu abraçar esse abrigo e seus animais tão sofridos.

Como não temos lugar em nosso canil para abrigar mais 270 cães, a maneira que encontramos de ajudar foi construir canis para melhorar as condições do local onde vivem esses animais.

Fizemos levantamento de custo de material e mão de obra para construir 25 canis com capacidade para até 5 cães de porte médio. O gasto inicial com material bruto (cimento, cal, blocos, portões, ferragens…) mais mão de obra ficou em R$ 46.892,00 .

Iniciamos uma campanha para conseguir esse valor, mas devido a urgência em tirar esses animais da situação em que vivem, se fôssemos esperar ter o valor em mãos para iniciar a construção iria demorar muito. Por isso, em uma atitude ousada, negociamos prazos com nossos fornecedores e conseguimos comprar todo material em 6 vezes.

Mas faltava areia, pedra, cimento, material elétrico, hidráulico e de acabamento que estamos comprando próximo do abrigo de Parelheiros.

Além da construção dos canis, estamos mantendo a alimentação dos cães e estamos tendo um gasto mensal de R$ 10.134,00 só com ração.

Estamos há mais de 60 dias trabalhando no abrigo de Parelheiros e sinceramente tínhamos esperanças de conseguir recursos para manter esse projeto, sem ter que tirar das contribuições que recebemos para os 475 cães da Abeac.

Só que infelizmente isso não acontece, as contribuições que recebemos para os cães de Parelheiros não são suficientes nem para compra de ração.

Para evitar que a obra paralise, para evitar que os cães de Parelheiros fiquem sem comer e principalmente para não prejudicar os cães que estão sob responsabilidade da Abeac, estamos vivendo um momento muito delicado, com muitas dividas, limites de cheque especial estourado, cartões de crédito pessoais e da Abeac também estourado e não estamos conseguindo nem pagar o valor minimo.

Hoje a nossa prioridade é o pagamento dos boletos de ração, cheques de fornecedores, e os salários dos nossos 6 caseiros que pela primeira vez tivemos que atrasar e pagar em 2 vezes.

Ou seja, estamos falidos e sem previsão de reverter essa situação a curto prazo!

Quero pedir encarecidamente às pessoas que recebem esse apelo e que ainda não tiveram oportunidade de nos ajudar, se puderem,por favor, nos ajudem!

Somos muitos, minha lista tem mais de 3500 pessoas, porém as pessoas que ajudam são sempre as mesmas e não chega a 10% da minha lista.

Volto a pedir, por favor, vamos nos unir!

Se conseguirmos o milagre que cada um da minha lista que nunca colaborou ou que ajuda eventualmente, possa doar R$ 10,00, pelo menos por um período de 3 meses, conseguimos colocar as contas em ordem .

Quem puder colaborar, segue os dados da Abeac para depósito:

Banco Itaú (341)
ag 0772
c/c 52385-8
Abeac Associação Bem estar Animal Amigos da Célia
CNPJ: 06.164.870/0001-82

Quem não tem conta no Itaú e preferir boleto bancário, precisamos dos seguintes dados:
Nome completo
endereço completo
CPF
Valor
Data de vencimento

Abaixo segue fotos desde a nossa 1ª visita ao abrigo de Parelheiros em 13/08 até o dia 26/10:

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

38 cães idosos e deficientes foram resgatados e 32 cães saíram das correntes. Mas ainda tem aproxidamente 200 cães vivendo em condições precária em canis super lotados ou presos em correntes.

Foto: Divulgação

Queremos mudar essa situação, mas sem a ajuda e união de todos , não vamos conseguir!

Contato pelo email:  mascaramella@terra.com.br.

​Read More
Você é o Repórter

Cães de ONG participam de incentivo à adoção em evento de produtos animais, em SP

Marli Delucca
msdelucca@gmail.com

 

Divulgação

Começa amanhã no Expo Center Norte em São Paulo, a 10ª Pet South America, principal feira internacional de animais da América Latina e que tem a expectativa de receber mais de 20 mil visitantes.

A ABEAC – Associação Bem-Estar Animal Amigos da Célia, foi convidada pela EditoraTop.co que a participar do evento denominado “Tosa do Bem”.

Oito de nossos cães, estavam preparados para seguirem viajem hoje de nosso canil em Caucaia do Alto, para serem hospedados em um hotelzinho próximo ao evento. Eles tomariam banho e seguiriam para serem tosados e depois permaneceriam na feira, demonstrando e incentivando pessoas e empresas a apoiarem a adoção de animais.

Divulgação

Infelizmente a chuva intensa que cai há mais de 5 dias, impediu que Bella, Clara, Kiko, Bebeco, Dentinho, Benji, Neguinha, Jack, Isabelle e Boomer participassem do evento da tosa e de encontrarem prováveis adotantes.

A foto abaixo, são de alguns desses mesmo oito cães, quando foram resgatados pela ABEAC e a diferença entre o antes e o depois é indescritível, não só na aparência, como no temperamento amigável de todos.

Divulgação

O canil da ABEAC, situa-se numa área rural, onde é necessário percorrer 22 Km de terra até chegar ao asfalto, o que dificulta em muito que nossos cães participem de feirinhas de doação, e porque concentramos nossos esforços em divulgá-los através da internet.

Os interessados em adotar esses e outros dos nossos cães, podem entrar em contato pelo e-mail queroadotar@abeac.org.br, e após entrevista, o cãozinho será levado até a casa do interessado, para a adaptação de ambos, antes da assinatura do termo de adoção.

A ABEAC, cuida atualmente de quase 500 cães em nosso canil, sendo que 35% deles são idosos ou muito velhinhos e também estamos auxiliando os 270 cães dos 300 Anjos, toda e qualquer ajuda é bem-vinda, do apadrinhamento a doação de remédios, ração ou dinheiro, ou somente a divulgação dos cães que estão para doação em nossos álbuns do blog ou do facebook.

Divulgação

A chuva pode não ter permitido que oito dos nossos cães participassem da Pet South America, que nesse ano terá mais de 200 expositores de produtos e serviços para animais e veterinários, mas unindo esforços com o Protetor Marcelinho, ele irá levar oito cães que incentivaram a todos durante a feira a apoiar a adoção de animais, as ONGs e aos protetores.

No vídeo abaixo, além de contarmos trechos da história da ABEAC, inserimos vários fotos dos cães que estão para adoção, assista, e veja se no seu coração e na sua vida, há espaço para você ajudar ou adotar algum dos nossos cãezinhos.

​Read More
Você é o Repórter

Cães idosos e cegos são resgatados por ONG, em SP

Marli Delucca
msdelucca@gmail.com

Foto: Divulgação/ Marli Delucca

Na semana dos animais, 38 cães, dos quais oito são cegos, e 17 são velhinhos com  idades que variam de 10 anos a 13 anos, foram resgatados. Entre os idosinhos, a maioria não tem nenhum dente, o que deve ter contribuido  para o estado de desnutrição que se encontram, e que precisam ser alimentados com a ração em lata da A/D Hills para se recuperarem.

Devido ao estado debilitante dos cães, fizemos o resgate urgente deles, apesar de  todos os problemas que surgem para alimentar, medicar e abrigar os 750 cães, que hoje dependem da ABEAC -Associação Bem-Estar Animal Amigos da Célia.

Foto: Divulgação/ Marli Delucca

Há dois meses ao tomar conhecimento da situação precária em que viviam 270 cães  cuidados pelas Protetoras Márcia, Lara e Miriam que são as únicas que ainda hoje atuam no grupo denominado 300 anjos, a ABEAC, fundada em 2003, por um  grupo de pessoas para transformar uma triste realidade em que viviam os cães após o falecimento da Protetora Célia, passou a compartilhar de toda a experiência que  tiveram, que até muita parecida, com a realidade em que vivem hoje os cães dos 300 anjos.

Foto: Divulgação/ Marli Delucca

Onde muitos não viam esperança e nem solução, com a morte da Protetora Célia e também onde muitos viraram as costas e criticaram, julgaram e até chegaram a  alegar maus-tratos, a união, o trabalho, o esforço e a solidariedade prevaleceram e transformaram o sonho em realidade.

Mas ao mesmo tempo que a ABEAC, precisa de colaboradores, madrinhas e  padrinhos para manter seus 450 cães abrigados, dos quais 35% são cães muito velhinhos (os menos procurados para adoção, apesar de sua docilidade e da fácil adaptação e aprendizagem que demonstram os animais idosos), a ABEAC vem incessantemente, fazendo apelos desesperados para que as pessoas colaborem, para ajudar na construção dos canis para abrigar e alimentar os cães dos 300 anjos.

Foto: Divulgação/ Marli Delucca

Mesmo com todas as dificuldades e a pouca ajuda recebida, esses 38 cães  necessitavam com urgência ter um abrigo só para eles e uma alimentação especial e, para isso fosse possível, a ABEAC teve que realocar alguns cães para conseguir espaço para poder abrigar esses animais que um a um foram abandonados nas estradas de terra que cercam parelheiros, onde fica a chácara dos 300 anjos.

Os 300 anjos fizeram o que puderam por esses animais; eu colaborei pagando o taxi-dog para os 38 cães – de parelheiros a caucaia do alto, e a ABEAC os está abrigando, tratando e medicando. Agora os cães precisam da ajuda de todos pois a maioria deles só pode se alimentar com ração úmida porque a maioria não tem dentes, e como todos estão muito debilitados precisam para se recuperar comer a ração em latinha da ‘A/D Hills’, indicada nos casos de convalescência, em média elas são  vendidas a R$ 10,00, e todos também precisam tomar vermífugo ‘Top Dog’ da Ourofino para 10 kgs, e esperamos que todos possam colaborar com esses pobres cãezinhos para que pelo menos em sua velhice, eles possam ter tudo o que necessitam, depois de uma vida de maus-tratos e abandono.

Foto: Divulgação/ Marli Delucca

Estamos precisando muito de colaboradores fixos e/ou eventuais, para que possamos planejar as prioridades dos cães com mais tranquilidade, não importa o valor, qualquer ajuda é bem-vinda.

Para colaborar, envie um e-mail para contato@abeac.org.br , informando o valor que pode contribuir e melhor dia para depósito.A sua ajuda é muito importante, colabore com qualquer valor por menor que seja, mas ajude por favor!

Foto: Divulgação/ Marli Delucca

Esses animais dependem das nossas ações para terem um pouco de dignidade e  qualidade de vida, mesmo que seja vivendo em um abrigo!

Somente com sua colaboração poderemos realizar a transformação na vida desses cãezinhos.

Seguem os dados para depósito

Banco Itau – Agência 0772 – C/C 52385-8

Banco Itau – Agência 0772 – C/C 53769-2 OBS: essa conta estará sendo usada exclusivamente para ajuda para os cães dos 300 Anjos.

Abeac Associação Bem Estar Animal amigos da Célia

CNPJ: 06.164.870/0001-82.

Quem preferir boleto bancário, precisamos das seguintes informações: Nome completo, endereço completo, CPF, Valor, data de vencimento

Para os animais, não importa quem você é ou o que faz. Para os animais importa o que você faz por eles.

​Read More
Você é o Repórter

ONG precisa de ajuda para 270 cães resgatados, em SP

Marli
mascaramella2@terra.com.br

Tínhamos intenção de conseguir  pelo menos metade do valor necessário para começar a construção dos canis. Mas essa semana pudemos ver de perto as condições que esses animais ficam  em  dias de chuva e frio e deu desespero.

O coração falou mais alto que a razão e decidimos comprar parcelado  todo material  no Nascimento Mats de Construção para iniciar a construção dos 25 canis  o quanto antes. Também já encomendamos  os portões e  145 mts de alambrados  e o serralheiro deve entregar em 10 dias.

Foto: Divulgação/ ABEAC

Hoje as 6:30 hs 5 caminhões do Nascimento encostaram no portão do abrigo para descarregar o material . Nosso pedreiro e o Danilo administrador do canil da Abeac já estávam lá esperando.

Foram gastos até o momento:

Nascimento Mats de constr: R$ 25.632,92
Serralheiro: R$ 9.260,00

As contribuições que estamos recebendo não cobrem esse valor, mas decidimos assumir uma dívida de quase R$ 35.000,00 em virtude da urgência de tirar esses anjos das condições em que vivem.

Foto: Divulgação/ ABEAC

O que fizemos:
Nascimento – compramos blocos, telhas, madeiras, cimento e cal e parcelamos em 6 vezes no cheque pré-datado
R$ 4.272,15 –  25/08 ( pago )
R$ 4.272,15 – 25/09
R$ 4.272,15 – 25/10
R$ 4.272,15 – 25/11
R$ 4.272,15 – 25/12
R$ 4.272,15 – 25/01/2012

Serralheiro – compramos 25 portões e todo alabrado necessário para os canis e parcelamos em 4 vezes no cheque pré-datado
R$ 2.315,00 – 24/08 (pago)
R$ 2.315,00 – 24/09
R$ 2.315,00 – 24/10
R$ 2.315,00 – 24/11

Mão de obra – Valmir e 2 ajudantes  – R$ 8.000,00
R$ 4.000,00 – 10/09
R$ 4.000,00 – 10/10

Além do material de construção,  compramos 1500 kgs de ração ( R$ 3.885,00 ) que será entregue amanhã no abrigo e estamos pagando taxi dog 3 vezes por semana  (R$ 400,00 ) para Marcia  levar os cães no veterinário e castrações.

E hoje compramos 1 caminhão de pedra,1 caminhão de  areia, ferragens, , colunas ,material hidráulico, 500 canaletas  e gastamos R$ 3.270,00 que conseguimos parcelar em 3 vezes.
R$ 1.090,00 – 26/08
R$ 1.090,00 – 25/09
R$ 1.090,00 – 25/10

Foto: Divulgação/ ABEAC

O que estamos precisando:

Com os pagamentos que fizemos, praticamente zeramos o caixa , está faltanto 500,00  para cobrir o cheque de R$ 1.090,00. Por favor, precisamos muito de ajuda para  cobrir esse cheque,  e outras que ainda vamos ter com essa obra.

Qualquer ajuda, qualquer valor por menor que seja, mas por favor nos ajudem! Segue os dados para depósito:

Banco Itau
ag 0772
c/c 52385-8
Abeac Associação Bem Estar Animal Amigos da Célia
CNPJ: 06.164.870/0001-92

Padrinhos e Madrinhas da ABEAC
Estamos priorizando a ajuda para os cães de Parelheiros , mas fiquem tranquilos, os cães da Abeac estão bem e a situação em nosso canil está sob controle.

​Read More
Você é o Repórter

Cães resgatados de ponte precisam de ajuda em SP

Marli Delucca
msdelucca@gmail.com

Um apelo que circulou vários dias pela internet com o título  “Mulher e seis cães em situação de penúria sobrevivem sob viaduto de São Paulo”, e que foi divulgado pela ANDA, teve um princípio de “um quase final feliz”.

Esses cães estavam morando debaixo de uma ponte na Zona Leste de São Paulo, com uma moradora de rua. Além de estar sendo devorados pela sarna, os cães passavam muita fome, frio e chuva (inclusive a moradora de rua). As fotos não deixavam nenhuma dúvida, sobre o cruel sofrimento que estes cães estavam passando.

O apelo, como sempre, circulou por vários dias na internet sem que ninguém fizesse nada, até que a ABEAC – Associação de Bem Estar Animal Amigos da Célia -, representada pela Marli Scaramella, conseguiu ajeitar um espaço para recebê-los, em uma área longe dos canis da entidade, para não comprometer a saúde dos outros 450 cães abrigados lá, que aguardam por adoção. Dos sete cães resgatados; quatro são machos adultos, uma é fêmea adulta e dois são filhotes. Os cães adultos puderam ser levados para o abrigo da ABEAC, mas os dois filhotes estão muito doentes, com suspeita de cinomose e foram direto para Policlínica Veterinária de Cotia.

Também a moradora de rua foi ajudada pela própria pessoa, que lançou o apelo na internet conseguindo que uma assistente social, encaminhe essa senhora para um abrigo.

Ano passado, após tentarmos resgatar o Rogério, um morador de rua e seus 10 cães, e sermos surpreendidos com uma recaída alcoólica dele, aprendemos que da mesma forma que pedimos ajuda para os nossos cães, devemos pedir ajuda as entidades que cuidam de pessoas e seus problemas. Na época, todos os cães que viviam na rua com ele, foram abrigados pela ABEAC, onde estão até hoje à espera de adoção.

Rogério e seus cães

Muitos aqui, param de ler, achando que agora resgatados pela ABEAC, eles não precisam de mais ajuda e nem de mais apelos pela internet. Parecem não saber que as Ongs de proteção animal não recebem nenhum auxílio de órgãos governamentais por salvarem a vida de seres inocentes, que até então só conheceram a indiferença da maioria das pessoas, que não se dão conta do sofrimento dos animais abandonados, os quais, por total falta de políticas públicas, se multiplicam não só em números, mas também nas doenças.

A ABEAC, com o apoio de alguns poucos colaboradores, tem feito o possível para combater o sofrimento de muitos casos de cães a beira da morte por total desnutrição, descaso e negligência. Como em janeiro deste ano, quando foram resgatados 55 cães do bairro da Pedreira.

Todos os cães resgatados estão em totalmente debilitados e desnutridos, precisam se alimentar com uma ração de excelente qualidade para poderem recuperar sua saúde. Alguns também precisam tomar medicamentos,além dos casos dos cães que estão internados nas clínicas veterinárias e às quais é preciso pagar as diárias e os serviços médicos.

Há ainda na ABEAC quase 400 cães em condições de serem adotados, que também precisam se alimentar, enquanto aguardam por alguém que lhes dê um lar.

Se as mesmas pessoas que se comovem ao comentar este ou aquele apelo de resgate de animal, pudessem nos ajudar e contribuir na manutenção deles, ou, pelo menos, divulga-los até que eles fossem adotados, conseguiríamos resgatar ainda mais cães do que já resgatamos até agora.

Divulguem nossos cães que esperam para serem adotados, eles estão no nosso blog http://abeacsp.blogspot.com ou no nosso site http://www.abeac.org.br, ou envie-nos um e-mail para abeac@abeac.org.br,  estaremos sempre dispostos a sanar quaisquer eventuais dúvidas.

Caso você deseja se juntar a nós escreva ou participar de uma visita monitorada, que promovemos todas as semanas, não hesite em contactar-nos. Há dezenas de olhinhos esperançosos esperando uma oportunidade de mudar suas vidas e a vida de alguém.

Conheça um pouco da nossa história, nesse vídeo:

Sua contribuição também pode ser feita através de depósito bancário:

Banco Itaú (341)
Agência 0772
Conta-Corrente 52385-8
ABEAC – Associação Bem-Estar Animal Amigos da Célia
CNPJ: 06.164.870/0001-82

A ABEAC também é uma das associações parceiras da campanha Pedigree – Adotar é Tudo de Bom.

​Read More
Você é o Repórter

ONG faz campanha de apadrinhamento para ajudar animais resgatados em SP

Marli Scaramella
mascaramella@terra.com.br

Campanha de apadrinhamento de nossos animais

Para apadrinhar nossos cães, temos 3 planos:

a) R$ 30,00

b) R$ 45,00

c) R$ 60,00

Ou ainda como madrinha ou padrinho solidário contribuindo com  quanto puder ou desejar, pedimos apenas que sua contribuição possa ser fixa e se possível que nos informe o melhor dia para sua contribuição.

Para apadrinhar um cãozinho, é só enviar um e-mail para mascaramella@terra.com.br com o título: “Qeuro ser padrinho/ madrinha de um cãozinho”.

Informar o plano escolhido e se deseja receber boleto bancário.

Para colaborar com qualquer quantia para o sustento e medicação dos 450 cães aos cuidados da ABEAC – Associação Bem-Estar Animal Amigos da Célia, segue conta bancária:

Banco Itaú (341)
Agência 0772
Conta-Corrente 52385-8
CNPJ: 06.164.870/0001-82

Quem não tem conta no Itaú e preferir boleto bancário, é só pedir que

enviamos por e-mail. Precisamos apenas de alguns dados:

Nome completo/

endereço completo/

CPF/

Valor/

data de vencimento.

Algumas pessoas podem achar que por estarmos sempre pedindo ajuda, não temos controle sobre nossas contas e  estamos sempre resgatando animais sem ter condições. Mas não é bem assim. A Abeac em janeiro deste ano, tinha 380 cães, mas resgatamos 55 em estado de miséria absoluta no dia 5 do mesmo mês, sendo que 4 fêmeas estavam prenhas; os filhotes nasceram e hoje temos 450 cães.

Esses são alguns dos 55 cães que resgatamos no bairro da Pedreira em janeiro. Olha só como eles estão ficando cada dia mais lindos! Hoje, eles tem o cantinho deles, não passam mais fome, frio. São alegres, felizes, brincam o dia inteiro, são dóceis, fazem festa para todo mundo e adoram receber carinho.

Por não haver lugar em nosso canil, tivemos que alugar uma chácara,  construir canis e contratar mais um funcionário. Na mesma época, perdemos a parceria com um fabricante de ração super premium que nos vendia  a preços abaixo de custo. Essa parceria durou quase 2 anos e graças a ela conseguimos construir 90 canis na sede da Abeac para acomodar nossos 380 cães. Mas sabíamos que não era uma coisa certa, não tínhamos nenhum contrato e nem o fabricante obrigação de nos vender ração a esse preço. Os gastos que tínhamos com ração pulou de R$ 6.000,00 para R$ 20.000,00/mês.

Paralelamente, estávamos construindo os canis para os cães da pedreira, fizemos 19 canis e o custo ficou em quase R$ 30.000,00 entre material e mão-de-obra. Também contamos com parcerias com a Clínica Veterinária Futura, Policlínica Veterinária de Cotia e Clínica Interlagos. Não se tratam de clínicas populares, mas fazem preços diferenciados para Abeac e parcelam o pagamento.

Idosos

Como temos muitos cães idosos,  sempre temos cães em tratamento ou que precisam de cirurgia, portanto sempre estamos devendo. Temos um gasto mensal entre as 3 clínicas de R$ 3.000,00 a R$ 4.000,00.

Também temos 6 funcionários, uma folha de pagto de R$ 7.000,00 e  encargos trabalhistas. Estamos pagando o material que compramos para construção dos canis, serralheiro, pedreiro, hotelzinho de 7 cães que temos em SP (são cães idosos, especiais e outros que aguardam vaga no canil), e 550 doses de vacinas que compramos em fevereiro.

O Toquinho é um poodlezinho idoso, de mais ou menos 12 anos, e pesa apenas 3 kgs. Ele tem problemas de pele e os dois testículos para dentro, sendo que um deles estava próximo ao abdomen. Já foi operado, está bem de saúde, é muito alegre e, por enquanto, está internado aguardando vaga no canil, ou quem sabe um Anjo que possa dar esse velhinho um final de vida feliz.

Com todas essas despesas, temos um gasto mensal de mais de R$ 50.000,00 que não estamos conseguindo cobrir com as contribuições que recebemos. Já fizemos empréstimo bancário, usamos limite do cheque especial, cartões de crédito e todos os meios possíveis para manter nossas contas equilibradas, a fim de não falhar com nossos fornecedores e não deixar faltar o mínimo que nossos cães precisam para viver com dignidade.

A construção dos canis, graças a Deus, acabou, mas teremos ainda algumas reformas e construções para fazer, mas são pequenas e vai aliviar bastante as nossas contas.

Mas até julho ainda temos contas de material de construção, pedreiro, serralheiro, vacinas e empréstimo bancário. Até lá, estamos tentando sobreviver sem comprometer a qualidade de vida dos nossos 450 abrigados, que está seriamente ameaçada!

Por isso, faço um apelo:

Precisamos de ajuda urgente!

Madrinhas

Temos 450 cães, desses, mais de 200 estão sem padrinhos e padrinhas. Não temos apoio de governo ou empresas, toda ajuda que recebemos é voluntária e as vezes falta no momento que mais precisamos.

Precisamos de padrinhos e madrinhas urgente para nossos animais!

A campanha de apadrinhamento é a única forma que temos para conseguir recursos fixos e poder planejar nossas ações com mais tranquilidade e segurança.

Por favor, apadrinhe um de nossos abrigados!

Para mais informações de como apadrinhar um cãozinho da Abeac envie um e-mail para mascaramella@terra.com.br

Polly foi resgatada depois de apelo pela internet. Ela estava no cio e vários cães brigando por causa dela, dois acabaram morrendo. Ela vive nas ruas e sempre que entra no cio, cruza, seus filhotes somem ou morrem. Está internada aguardando o fim do cio para ser castrada. Deveríamos devolver a Polly para o local onde estava, pois parece que tem tutor. Ela é idosa, com cara de sofrida, muito boazinha e não temos coragem de devolvê-la. Vamos ficar com ela.
Esses cães estavam morando debaixo de uma ponte na Zona Leste de SP, com uma moradora de rua. Todos passando fome, frio, inclusive a senhora. Os cães estão com muita sarna. São 4 machos, 1 fêmea e 2 filhotes. Os adultos foram para o nosso canil. Os dois filhotes estão muito doentes com suspeita de cinomose e foram direto para clínica veterinária. A pessoa que colocou o apelo na internet conseguiu uma assistente social que vai encaminhar essa senhora para um abrigo.

​Read More