• Home
  • Taiwan proíbe caça de tubarões

Taiwan proíbe caça de tubarões

0 comments

Pixabay

O órgão que regulamenta a pesca em Taiwan anunciou a proibição da caça de três espécies de tubarões: o megamouth, o grande tubarão branco e o tubarão-frade. A decisão tem como objetivo atender a pressão de especialistas e ativistas em defesa dos direitos animais, que apontam que a pesca de tubarões impacta drasticamente na diversidade biológica do país.

Pescadores taiwaneses foram notificados e receberam a orientação de devolver ao mar qualquer tubarão capturado acidentalmente. A nova lei abrange todas as regiões marítimas do país e entrará em vigor em 60 dias. A União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN) lista os grandes tubarões brancos e frade como espécies vulneráveis ​​e ameaçadas de extinção.

Tubarões megamouth raramente são vistos em águas profundas, mas apenas em junho desse ano, barcos de pesca capturaram seis tubarões da espécie em apenas quatro dias na costa Leste de Taiwan. Segundo o Centro de Informações Ambientais, apenas 226 capturas foram registradas globalmente. Mais de 60% dessas capturas ocorreram no pais asiático.

Desde de 2013, o Taiwan exige relatórios para todas as capturas das três grandes espécies de tubarões. Segundo dados da Agência de Pesca, os relatórios indicam que 32 grandes tubarões brancos e 138 megamouth foram capturados em águas próximas a Taiwan desde então. A proteção adicional, a nova proibição, é resultado da pressão exercida por grupos ambientais.

Danos incalculáveis

A pesca é umas das principais contribuintes para o declínio da biodiversidade marinha. Ela afeta uma imensa variedade de espécies, incluindo tubarões, golfinhos, pequenas baleias, botos e tartarugas. Grandes animais, como baleias e tubarões, podem conseguir se desvencilhar das redes, mas podem sofrer ferimentos, além do forte e intenso estresse emocional.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>