• Home
  • Irmãos criam pequena rampa para ajudar patinhos a sair de piscina

Irmãos criam pequena rampa para ajudar patinhos a sair de piscina

0 comments

Alex Aabedi

Alex Aabedi estava relaxando em seu quarto na Califórnia, quando foi surpreendido pelo seu irmão com a notícia que havia patinhos em seu quintal. “Recebemos patos visitando nosso quintal e piscina de tempos em tempos, mas nunca vimos patinhos. Então olhei para fora e os vi seguindo a mamãe pata na grama”, disse Alex em entrevista ao The Dodo.

Os patinhos bebês seguiram a mamãe até a piscina para nadar e eles estavam muito alegres. Quando a hora do banho acabou, a mamãe pata saiu rapidamente da piscina, mas como a borda era muito alta, os bebês não conseguiram sair e a mãe ficou visivelmente aflita. Os irmãos Aabedi decidiram esperar, mas vendo que eles não conseguiam sair, decidiram agir.

“A mãe continuava pulando fora da piscina e acho que tentando fazer com que os pequenos seguissem. Depois de ver isso continuar por uma ou duas horas, percebemos que os patinhos acabariam se afogando ou sendo comidos pelos coiotes do bairro, então começamos a pensar em maneiras de tirá-los”, disse Alex.

“Inicialmente, consideramos o uso de uma rede de piscina, mas os patinhos eram tão incrivelmente rápidos na água que parecia impossível conseguir pegá-los, e a mamãe patinha não estava muito interessada em permitir que chegássemos muito perto de seus bebês. Então decidimos montar uma rampa”, lembra o rapaz.

Alex Aabedi

Eles usaram um flutuador de piscina para montar uma rampa improvisada. Eles gentilmente incentivavam os patinhos a subir pela rampa, mas ela era feita de um material escorregadio e os bebês acabavam voltando para a água, para o desespero da mamãe pata. Felizmente, a mãe dos irmãos viu uma luz no fim do túnel.

“Minha mãe teve a ideia genial de jogar uma toalha sobre ela para proporcionar aos pés pequenos mais tração. E funcionou!”, disse Alex. Ele conta ainda que o patinhos ficaram profundamente emocionados quando se reuniram com a mãe e os irmãos Aabedi não escondem o quanto estão gratos por poder ajudar os sete patinhos.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>