• Home
  • Trindade e Tobago aprova lei que prevê prisão para agressores de animais

Trindade e Tobago aprova lei que prevê prisão para agressores de animais

0 comments

Pixabay

As ilhas caribenhas Trindade e Tobago deram um avanço promissor para o reconhecimento dos direitos animais após aprovar a nova Lei de Emendas Diversas, que aumenta a punição de agressores de animais no país. De acordo com a nova legislação, acusados de maus-tratos contra animais pode enfrentar multas de até 100 mil dólares de Trindade e Tobago (cerca de R$800 mil).

O procurador-geral do país, Faris Al-Rawi, afirma que a medida é uma forma de educar a sociedade sobre a importância de combater a crueldade contra animais. “Temos que melhorar como pessoas”, disse em entrevista ao jornal Trinidad & Tobago Newsday. No país, são classificados atos de crueldade: espancar, não dar alimento, explorar em troca de lucro, torturar ou maltratar qualquer espécie.

A nova lei é publicada após o Serviço de Polícia de Trinidad e Tobago anunciar planos no ano passado para aumentar seus esforços contra a crueldade animal destacando uma unidade especializada no combate de crimes contra animais. Agora, oficiais públicos trabalharam diretamente com organizações de defesa e proteção de animais investigando casos de abuso.

Infelizmente, a crueldade contra animais é um problema contínuo no país, onde dados apontam que mais da metade da população é guardiã de animais domésticos. A ativista em defesa dos direitos animais Nalini Dial afirma há anos protetores e ONGs pedem ao governo que a proteção animal seja vista com mais atenção e que sejam realizadas campanhas de conscientização.

A legislação recente ainda é considerada leniente por alguns grupos, mas gerou otimismo para todos aqueles que lutam para que os direitos animais sejam reconhecidos no país.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>