• Home
  • Onça-parda presa em árvore de 10 metros é salva com técnicas de rapel

Onça-parda presa em árvore de 10 metros é salva com técnicas de rapel

0 comments

Foto: Edilson Giacon/Acervo Pessoal

Uma operação conjunta entre o Corpo de Bombeiros e a Associação Mata Ciliar de Jundiaí salvou uma onça-parda (Puma concolor) que ficou presa em uma árvore de mais de 10 metros de altura após ser acuada por cães em uma propriedade rural na cidade de Limeira, no interior de São Paulo.

A coordenadora de fauna da Associação Mata Ciliar, Cristina Harumi Adania, disse em entrevista ao G1 que a onça subiu na árvore para se proteger. “A onça foi acuada por cães e reage como um gato doméstico quando fica ameaçada. A primeira coisa que faz é subir em árvores”, contou.

O dono da propriedade rural, Edilson Giacon, estava preocupado com o resgate do animal silvestre. “É um animal muito dócil e todo mundo queria protegê-lo. A onça subiu na árvore mais alta e eu estava pensando até em fechar o viveiro para ela ir embora em segurança”, disse.

Devido à altura, as equipes de resgate precisaram anestesiar o animal. Temendo que a onça caísse e se ferisse, foram utilizadas técnicas de rapel para salvá-la. Foi estendida uma lona ao redor da árvore e cordas foram amarradas nas patinhas do animal, permitindo que ela fosse depositada na lona em segurança.

Após o resgate, a onça foi submetida a exames clínicos. Ela foi identificada como um animal adulto e macho. Saudável, ela foi devolvida à natureza. Veja o vídeo do resgate abaixo:


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>