• Home
  • Aproximadamente 60% dos argentinos pretendem adotar dietas livres de carne

Aproximadamente 60% dos argentinos pretendem adotar dietas livres de carne

0 comments

De acordo a Câmara de Comércio do país para Carne e seus Derivados, o consumo de carne é o mais baixo desde 1970


Alexas Photos/ Pixabay

De acordo com dados de uma pesquisa realizada pelo Instituto para a Promoção da Carne Bovina da Argentina, realizada no ano passado, 60% dos consumidores argentinos estão considerando abolir o consumo de alimentos de origem animal.

Mas se a dieta tradicional argentina é rica em carne, por que os argentinos estão interessados em se tornar veganos? É o que o site Livekindly tentou explicar em uma publicação do dia 23.

Segundo o site, os motivos são múltiplos, mas um dos principais é que os movimentos de bem-estar animal estão ganhando força no país e as preocupações ambientais estão se espalhando e se tornando essenciais nas pautas dos argentinos, no entanto, há também um fator econômico: a carne está se tornando cada vez mais cara.

Marina Otamendi, que vive Buenos Aires e tem um filho de cinco anos, falou da alta da carne ao site Ozy: “Os preços subiram muito. Os churrascos de domingo não são mais como costumavam ser”. Ela acrescentou: “Nós comemos carne com menos frequência e a substituímos por outras coisas, incluindo mais feijão (também rico em proteína)”.

Ainda de acordo a Câmara de Comércio do país para Carne e seus Derivados, o consumo de carne é o mais baixo desde 1970 e é evidente que as preocupações financeiras justificam a baixa de consumo de carne no país, no entanto, o quesito saúde é outro fator que não pode ser desconsiderado, uma vez que estudos associaram o consumo da carne vermelha com doenças graves, como por exemplo, o câncer colorretal.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>