• Home
  • Polícia investiga caso de cães encontrados mortos em Foz do Iguaçu (PR)

Polícia investiga caso de cães encontrados mortos em Foz do Iguaçu (PR)

0 comments

Os tutores dos cachorros afirmaram que eles passaram mal antes de morrer. Um dos animais era uma cadela que estava grávida


A morte de quatro cachorros em Foz do Iguaçu (PR) está sendo investigada pela Polícia Civil, que suspeita de envenenamento.

Os animais foram encontrados mortos entre os dias 17 e 21 de janeiro no bairro Três Lagoas. Nas semanas anteriores, outros cachorros também morreram. As informações são do G1.

Foto: Antonio Alves/Arquivo pessoal

O tutor de três dos cães que morreram afirmou que eles apresentavam os mesmos sintomas antes da morte. Um deles era uma cadela que estava grávida.

“Tremia demais e estava muito sufocada, tanto o cachorro como a cadela. Não aguentou nem uma hora. Estufar a barriga e ficar babando, tem que ser veneno”, disse Antônio Alves.

O cão de Ivone Souza da Costa também morreu. Ela o encontrou vomitando sangue. O animal, segundo ela, morreu no mesmo dia que o cachorro de sua vizinha.

Os corpos dos animais foram recolhidos e, de acordo com o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), serão submetidos a exames.

“Toda ligação que o CCZ recebe, solicitando que os corpos de animais sejam removidos, nós vamos atender, independentemente de qual é a causa da morte. Nessa situação específica, o CCZ foi até o local para remover os corpos e tomou nota da situação de um possível envenenamento”, disse o chefe do CCZ, Carlos Santi.

Os cachorros serão encaminhados para perícia caso haja determinação judicial, segundo o CCZ. O caso foi registrado pelos tutores dos animais na delegacia.

De acordo com os moradores, outros animais foram encontrados mortos em janeiro. O número de cães que morreram no bairro no primeiro mês do ano será levantado pela polícia.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>