• Home
  • Senador vegano desiste de concorrer à presidência nos EUA

Senador vegano desiste de concorrer à presidência nos EUA

0 comments

Cory Booker já era vegetariano nos anos 1990, quando tentou ser vegano | Foto: Foto: Getty

O senador vegano Cory Booker informou ontem (13), por meio de comunicado oficial, que está abandonando a corrida presidencial nos Estados Unidos. A justificativa é que ele e sua equipe não conseguiram recursos o suficiente para continuarem no páreo.

“Nossa campanha chegou ao ponto em que precisamos de mais dinheiro. Um dinheiro que não temos e que é mais difícil de conseguir porque não estarei no próximo debate”, acrescentou.

Pré-candidato à presidência dos EUA pelo Partido Democrata, Cory Booker, anunciou em dezembro (16) em seu site que estava propondo a Lei de Reforma do Sistema Agrícola, que previa, entre outros objetivos, colocar um fim às fazendas industriais no país – onde animais são criados em grande quantidade e em pequenos espaços, e distantes de qualquer experiência que se aproxime de uma realidade animal natural.

O projeto impõe moratória às grandes operações que envolvem criação de animais nos moldes das fazendas industriais. Booker defende também que hoje a indústria da carne é dominada por grandes corporações.

“Um punhado de empresas passou a dominar a indústria de processamento de gado e aves. Muitas dessas empresas são integradas verticalmente, controlando estágios sucessivos da cadeia de alimentos”, critica o senador.

Ele também prometeu acabar com os testes em animais nos Estados Unidos até 2025 se fosse eleito presidente. Segundo Booker, a forma como tratamos os animais é um teste do nosso caráter e diz muito sobre o nível de compaixão da nossa sociedade.

O senador já era vegetariano nos anos 1990, quando tentou ser vegano. Embora não tenha conseguido à época, mais tarde abraçou o veganismo sem retroceder. “[Percebi que] eu não estava vivendo a minha verdade”, revelou a Vance Lehmkuhl do portal de notícias Philly, acrescentando que muitas vezes as pessoas evitam a verdade sobre algo porque é inconveniente, porque sabem que isso não se alinha com seus valores e sua bússola moral.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>