• Home
  • Nordeste: sobe para 113 número de locais afetados por manchas de petróleo

Nordeste: sobe para 113 número de locais afetados por manchas de petróleo

0 comments

A poluição gerada pelo óleo tem afetado não só a natureza, mas também os animais


Um último levantamento do Ibama concluiu que o número de locais afetados por manchas de petróleo no Nordeste subiu para 113. Só em Alagoas, 11 localidades em 9 municípios foram atingidas.

(Adema/Governo do Sergipe/Divulgação)

As causas e responsabilidades do despejo de óleo estão sendo investigadas pelo Ibama, em parceria com o Corpo de Bombeiros do Distrito Federal, a Marinha e a Petrobras.

A poluição tem afetado não só a natureza, mas também os animais. Tartarugas foram encontradas cobertas por óleo.

Amostras do material foram coletadas e analisadas. O resultado apontou que o produto é petróleo cru, isso é, que não é originário de nenhum derivado de óleo. A coleta foi solicitada pelo Instituto e pela Capitania dos Portos e a análise foi feita pela Marinha e pela Petrobras. As informações são do portal TNH1.

De acordo com uma investigação dos bombeiros e do Ibama, o petróleo que está poluindo todas as praias é o mesmo. A Petrobras concluiu que o óleo não é produzido pelo Brasil, mas não se sabe ainda sua origem.

Após o Ibama pedir o apoio da Petrobras para limpar as praias, trabalhadores passaram a ser contratados pela empresa, que oferece treinamento prévio para que eles possam realizar a limpeza. O número efetivo de mão-de-obra vai depender da quantidade de trabalhadores treinados que estiverem disponíveis em cada localidade.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>