• Home
  • Golfinho ferido é resgatado e transportado até o mar em garupa de moto

Golfinho ferido é resgatado e transportado até o mar em garupa de moto

0 comments

Quatro golfinhos encalharam em uma praia do Rio Grande do Norte na última terça-feira (27). Um dos animais, ferido, foi colocado na garupa de uma moto para ser transportado até os outros e devolvido ao mar.

“Os golfinhos estavam caçando um cardume de tainha, mas a maré estava seca e os peixes começaram a vir para perto das pedras. Uma hora, os golfinhos começaram a pular e cair em cima das pedras, acabaram se machucando. Estou com a blusa manchada com o sangue deles”, explicou Laércio Alves da Silva, que participou do resgate.

Os animais foram resgatados por pescadores e moradores da região, que se mobilizaram para levá-los de volta à água. Como um dos golfinhos acabou se distanciando do grupo, os voluntários o colocaram na moto.

“Esse ficou mais separado. Aí, para agilizar, o pessoal botou ele em cima da moto para levar para perto dos outros. Depois eles foram colocados em uma jangada e levados mais para dentro d’água”, disse Laércio, em entrevista ao G1.

Uma equipe do Projetos Cetáceos da Costa Branca foi chamada para realizar o resgate dos animais, mas chegou depois que eles já haviam retornado para a água.

Os pesquisadores reconhecem que a intenção da população foi ajudar, mas indicam que o certo é esperar atendimento especializado para o resgate de animais. Segundo o Projetos Cetáceos da Costa Branca, as pessoas devem contatar equipes especializadas ao encontrar um animal marinho vivo, protegê-lo do sol e verificar que ele esteja úmido até a ajuda chegar. Sempre que possível, também é necessário evitar o contato direto com os animais.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>